PROCURANDO POR ALGO?

segunda-feira, 18 de abril de 2011

HORA DO RISO




POR ISSO GOSTO DE DAR MINHA CAMINHADA,TODOS OS DIAS.

ESTOU CAMINHANDO COM UMA VIZINHA TODOS OS DIAS. NUNCA PENSEI QUE CAMINHAR COM OUTRA PESSOA ME INCENTIVARIA E ME FARIA TÃO BEM!
NÃO NOS FALAMOS DURANTE A CAMINHADA, POIS A VIZINHA CAMINHA 10 PASSOS ADIANTE DE MIM!

COMECEI ESTE PROGRAMA DE CAMINHADAS HÁ UMA SEMANA. ATÉ AGORA A TENHO SEGUIDO POR UNS 15 KILÔMETROS!

ME SINTO MUITO MELHOR A CADA DIA QUE PASSA E MINHA VISTA TEM MELHORADO.

RECOMENDO A TODOS ESTA ORTOPEDISTA!!!

REMÉDIO CASEIRO

Um sujeito vai ao médico para exames de rotina. O médico, depois de ver a história clínica do paciente, pergunta:
- Fuma?
- Pouco.
- Tem que parar de fumar. - Bebe?
- Pouco.
- Tem que parar de beber. - Faz sexo?
- Pouco.
- Tem que fazer muito, mas muito sexo. Isto irá ajudá-lo!

O sujeito vai para casa, conta tudo a mulher e, imediatamente, vai pro banho. A mulher se enche de graça e esperança, se enfeita, se perfuma, põe roupa especial e fica na espera. O sujeito sai do banho, começa a se
arrumar, se vestir, se perfumar e a mulher, surpresa, pergunta:
- Aonde é que você pensa que vai? - Não ouviu e entendeu o que o médico me
disse?
- Sim, mas...
- Aqui estou eu prontinha ...
O sujeito:

- AAAAHHHH NEIDE!!! NEIDE, NEIDE...., LÁ VEM VOCÊ COM A SUA MANIA DE REMÉDIO
CASEIRO!!!

Fonte: http://groups.google.com/group/turmadobafometro/msg/234a3ed1038d317b

TEXTO ANTIDEPRESSIVO

TEXTO ANTIDEPRESSIVO

*André Luiz*

Quando você se observar, à beira do desânimo, acelere o passo para frente, proibindo-se parar.
Ore, pedindo a Deus mais luz para vencer as sombras.

Faça algo de bom, além do cansaço em que se veja.

Leia uma página edificante, que lhe auxilie o raciocínio na mudança construtiva de idéias.

Tente contato de pessoas, cuja conversação lhe melhore o clima espiritual.

Procure um ambiente, no qual lhe seja possível ouvir palavras e instruções que lhe enobreçam os pensamentos.

Preste um favor, especialmente aquele favor que você esteja adiando.

Visite um enfermo, buscando reconforto naqueles que atravessam dificuldades maiores que as suas.

Atenda às tarefas imediatas que esperam por você e que lhe impeçam qualquer demora nas nuvens do desalento.

Guarde a convicção de que todos estamos caminhando para adiante, através de problemas e lutas, na aquisição de experiência, e de que a vida concorda com as pausas de refazimento das nossas forças, mas não se acomoda com a inércia em momento algum.

Médium: Francisco Cândido Xavier - Livro: " Buscas e Acharás" - EDIÇÃO IDEAL

VAMOS RIR?

Dois bêbedos resolvem dormir num beliche.
O que ficou por cima,
antes de adormecer,
resolve rezar:

- Com Deus me deito,

Com Deus me levanto,
e mais a Virgem Maria,
e o Espírito Santo.

De repente cai da cama abaixo.

O amigo vira-se e diz:

- Estás a ver no que dá dormir com tanta gente!!

VAMOS RIR??

Dois bêbedos resolvem dormir num beliche.

O que ficou por cima,
antes de adormecer,
resolve rezar:

- Com Deus me deito,

Com Deus me levanto,
e mais a Virgem Maria,
e o Espírito Santo.

De repente cai da cama abaixo.

O amigo vira-se e diz:

- Estás a ver no que dá dormir com tanta gente!!

OITO BENEFÍCIOS QUE A AMIZADE TRAZ...

MARA: vc é uma pessoa maravilhosa!!

Dia do amigo: oito benefícios que a amizade traz para sua vida

Até a ciência comprova as vantagens de ter amigos de verdade

Como um flashback, tente relembrar os momentos mais marcantes que você já viveu. Na maioria deles, quem estava do seu lado? Certamente, aqueles que você pode chamar de amigos. Escolhidos a dedo ou impostos pelo acaso, eles servem de combustível para enfrentarmos desafios do dia a dia, dividindo experiências boas e ruins.

"A amizade é uma das formas de aprimoramento do ser humano", afirma a psicóloga Marina Vasconcelos. Ela rompe as fronteiras do preconceito e torna-se essencial, seja entre colegas, vizinhos, pais e filhos, irmãos, namorados ou marido e mulher. E o seu corpo agradece: ter amigos traz benefícios tanto para a saúde mental como física. Neste Dia do Amigo (18 de abril), confira oito vantagens de cultivar sempre seu círculo social:

Risco menor de doenças. Pesquisas confirmam: seu corpo fica mais imune a problemas de saúde. Pesquisadores da Universidade de Chicago, nos EUA, identificaram que pessoas muito solitárias ao longo da vida tendem a ser mais indefesas, ter noites ruins de sono e sofrer mais com as complicações enfrentadas ao longo da vida, como o estresse. Outro estudo americano, publicado no Journal of the American Medical Association, apontou uma relação entre solidão e o risco maior de ter doença de Alzheimer.

FONTE: http://msn.minhavida.com.br/conteudo/13143-Dia-do-amigo-oito-beneficios-que-a-amizade-traz-para-sua-vida.htm?ordem=1

MEDITAÇÃO - QUEM É ESTE??

Meditação: … Bendito é o Rei que vem em nome do Senhor!… (Lucas 19:38)

Pensamento: Honramos o nome de Deus quando o chamamos de nosso Pai e vivemos como o Seu Filho.

Leitura: Lucas 19:28-40.

Mensagem:

Quem é Este?

Imagine-se parado, ombro a ombro com expectadores numa estrada suja. A mulher atrás de você está na ponta dos pés, tentando ver quem está vindo. À distância você deslumbra um homem montando um jumento. À medida que Ele se aproxima, as pessoas jogam seus casacos para cobrir a estrada. Repentinamente, você ouve o som de um galho de árvore se partindo. Um homem está cortando galhos de palmeiras e as pessoas os espalham para a passagem do jumento.

Os seguidores de Jesus zelosamente o honraram enquanto Ele entrava em Jerusalém alguns dias antes de Sua crucificação. A multidão regozijava e louvava a Deus por “… todos os milagres que tinham visto” (Lucas 19:37). Os devotos de Jesus o cercaram, clamando, “Bendito é o Rei que vem em nome do Senhor!” (Lucas 19:38). Tanta honra e tanto entusiasmo influenciou o povo de Jerusalém. Quando Jesus finalmente chegou, “… toda a cidade se alvoroçou, e perguntavam: Quem é este?” (Mateus 21:10).

Hoje, as pessoas ainda têm curiosidade sobre Jesus. Apesar de não podermos pavimentar o Seu caminho com galhos de palmeira ou proclamar louvores a Ele em pessoa, ainda podemos honrá-lo. Podemos falar sobre Suas obras extraordinárias, ajudar pessoas necessitadas (Gálatas 6:2), pacientemente suportar insultos (1 Pedro 4:14-16) e amar uns aos outros profundamente (Lucas 19:8). Devemos também estar prontos para responder aos expectadores que perguntam: “Quem é Jesus?”

FONTE:

Jennifer Benson Schuldt

Nosso Andar Diário – Ministério RBC

MENSAGENS Q EDIFICAM

Twitter: www.twitter.com/mqedificam

NAMORO PELA INTERNET - NAMORO ON-LINE

A NAMORO ON-LINE

*REGRAS PARA NAMORO PELA INTERNET !!! *


*Regra #1 - Sempre pedir foto*


Regra # 2


Sempre pedir mais de uma foto !!!


--


-- " Você receberá, de retorno, tudo o que der aos outros, segundo a lei que nos rege os destinos."


(Allan Kardec)

HORA DO RISO

*- Ô, Zé! Vâmu brincá di antônimo? **
- O que c'ocê falô???
- Brincá di antônimo, sô! Qué dizê, uma coisa contráia da ôtra! Purixemplu:
arto e baxo, forte e fraco...
- Ah, intindi! Intão, vâmu brincá!
- O que vai valê?
- Uma cerveja... Eu cumeço, tá?
Começaram a brincadeira:
- Gordo?
- Magro!
- Hômi?
- Muié!
- Preto?
- Branco!
- Verde?
- Verde? Nada disso! Verde é cor, num tem antônimo, não!
- Craro que tem!
- Intão ixprica, sô!
- Maduro!
- Ai, caráio! Pirdi a aposta! Vâmu di novo, valendu ôtra cerveja? Mas
dessa veiz ieu cuméçu!
- Pódi cumeçá!
- Saúde?
- Duença!
- Moiádo?
- Seco!
- Agora ocê vai sifudê, sô fidumaégua! Qué vê só?
- Fumo?
- Não, não! Peraí, peraí... fumo num tem antônimo!!!
- Craro qui tem, uai!
- Intão, diz aí, qualé o antônimo de fumo?
- Vortemo!*

HORA DO RISO

*- Ô, Zé! Vâmu brincá di antônimo? **
- O que c'ocê falô???
- Brincá di antônimo, sô! Qué dizê, uma coisa contráia da ôtra! Purixemplu:
arto e baxo, forte e fraco...
- Ah, intindi! Intão, vâmu brincá!
- O que vai valê?
- Uma cerveja... Eu cumeço, tá?
Começaram a brincadeira:
- Gordo?
- Magro!
- Hômi?
- Muié!
- Preto?
- Branco!
- Verde?
- Verde? Nada disso! Verde é cor, num tem antônimo, não!
- Craro que tem!
- Intão ixprica, sô!
- Maduro!
- Ai, caráio! Pirdi a aposta! Vâmu di novo, valendu ôtra cerveja? Mas
dessa veiz ieu cuméçu!
- Pódi cumeçá!
- Saúde?
- Duença!
- Moiádo?
- Seco!
- Agora ocê vai sifudê, sô fidumaégua! Qué vê só?
- Fumo?
- Não, não! Peraí, peraí... fumo num tem antônimo!!!
- Craro qui tem, uai!
- Intão, diz aí, qualé o antônimo de fumo?
- Vortemo!*

HORA DO RISO

*- Ô, Zé! Vâmu brincá di antônimo? **
- O que c'ocê falô???
- Brincá di antônimo, sô! Qué dizê, uma coisa contráia da ôtra! Purixemplu:
arto e baxo, forte e fraco...
- Ah, intindi! Intão, vâmu brincá!
- O que vai valê?
- Uma cerveja... Eu cumeço, tá?
Começaram a brincadeira:
- Gordo?
- Magro!
- Hômi?
- Muié!
- Preto?
- Branco!
- Verde?
- Verde? Nada disso! Verde é cor, num tem antônimo, não!
- Craro que tem!
- Intão ixprica, sô!
- Maduro!
- Ai, caráio! Pirdi a aposta! Vâmu di novo, valendu ôtra cerveja? Mas
dessa veiz ieu cuméçu!
- Pódi cumeçá!
- Saúde?
- Duença!
- Moiádo?
- Seco!
- Agora ocê vai sifudê, sô fidumaégua! Qué vê só?
- Fumo?
- Não, não! Peraí, peraí... fumo num tem antônimo!!!
- Craro qui tem, uai!
- Intão, diz aí, qualé o antônimo de fumo?
- Vortemo!*

SHOW DA LÍNGUA PORTUGUESA

*Show da língua portuguesa!**


**'Um homem rico estava muito mal, agonizando.*

*Pediu papel e caneta. Escreveu assim:**
**
'Deixo meus bens a minha **irmã** não a meu **sobrinho** jamais será paga a conta do **padeiro** nada dou aos **pobres**. '**
**
Morreu antes de fazer a pontuação. A quem deixava a fortuna? Eram quatro concorrentes.*

1) A irmã fez a seguinte pontuação:*
Deixo meus bens à minha irmã. Não a meu sobrinho. Jamais será paga a conta do padeiro. Nada dou aos pobres.*

2) O sobrinho chegou em seguida. Pontuou assim o escrito:*
Deixo meus bens à minha irmã? Não! A meu sobrinho. Jamais será paga a conta
do padeiro. Nada dou aos pobres*

3) O padeiro pediu cópia do original. Puxou a brasa pra sardinha dele:*
Deixo meus bens à minha irmã? Não! A meu sobrinho? Jamais! Será paga a conta
do padeiro. Nada dou aos pobres.*

4) Aí, chegaram os descamisados da cidade. Um deles, sabido, fez esta interpretação:*
**
Deixo meus bens à minha irmã? Não! A meu sobrinho? Jamais! Será paga a conta do padeiro? Nada! Dou aos pobres.**
**
Moral da história:**
'A vida pode ser interpretada e vivida de diversas maneiras. **Somos nós**que fazemos sua pontuação.
**
E isso faz toda a diferença.*


fonte: http://groups.google.com/group/turmadobafometro/msg/4d665bc974d5959f?pli=1

MENSAGEM DIA DO LIVRO

Alfabetizar é ensinar a ler. A palavra alfabetizar vem de “alfabeto“. “Alfabeto“ é o conjunto das letras de uma língua, colocadas numa certa ordem. É a mesma coisa que “abecedário“. A palavra “alfabeto“ é formada com as duas primeiras letras do alfabeto grego: “alfa“ e “beta“. E “abecedário“, com a junção das quatro primeiras letras do nosso alfabeto: “a“, “b“, “c“ e “d“. Assim sendo, pensei a possibilidade engraçada de que “abecedarizar“, palavra inexistente, pudesse ser sinônima de “alfabetizar“...

“Alfabetizar“, palavra aparentemente inocente, contém uma teoria de como se aprende a ler. Aprende-se a ler aprendendo-se as letras do alfabeto. Primeiro as letras. Depois, juntando-se as letras, as sílabas. Depois, juntando-se as sílabas, aparecem as palavras...

Parabéns a todos os escritores e leitores pelo dia do Nacional do Livro!!

Autor: (Rubem Alves)

FONTE: http://www.ilhado.com.br/index.php?id_editoria=13&id=2055

Sucesso novo do Muído - Eu to carente me adote

DIA NACIONAL DO LIVRO INFANTIL - 18 DE ABRIL


Monteiro Lobato e alguns de seus personagens

O dia 18 de abril foi instituído como o dia nacional da literatura infantil, em homenagem à Monteiro Lobato.

“Um país se faz com homens e com livros”. Essa frase criada por ele demonstra a valorização que o mesmo dava à leitura e sua forte influência no mundo literário.

Monteiro Lobato foi um dos maiores autores da literatura infanto-juvenil, brasileira. Nascido em Taubaté, interior de São Paulo, em 18 de abril de 1882, iniciou sua carreira escrevendo contos para jornais estudantis. Em 1904 venceu o concurso literário do Centro Acadêmico XI de Agosto, época em que cursava a faculdade de direito.

Como viveu um período de sua vida em fazendas, seus maiores sucessos fizeram referências à vida num sítio, assim criou o Jeca Tatu, um caipira muito preguiçoso.

Depois criou a história “A Menina do Nariz Arrebitado”, que fez grande sucesso. Dando sequência a esses sucessos, montou a maior obra da literatura infanto-juvenil: O Sítio do Picapau Amarelo, que foi transformado em obra televisiva nos anos oitenta, sendo regravado no final dos anos noventa.

Dentre seus principais personagens estão D. Benta, a avó; Emília, a boneca falante; Tia Nastácia, cozinheira e seus famosos bolinhos de chuva, Pedrinho e Narizinho, netos de D. Benta; Visconde de Sabugosa, o boneco feito de sabugo de milho, Tio Barnabé, o caseiro do sítio que contava vários “causos” às crianças; Rabicó, o porquinho cor de rosa; dentre vários outros que foram surgindo através das diferentes histórias. Quem não se lembra do Anjinho da asa quebrada que caiu do céu e viveu grandes aventuras no sítio?

Dentre suas obras, Monteiro Lobato resgatou a imagem do homem da roça, apresentando personagens do folclore brasileiro, como o Saci Pererê, negrinho de uma perna só; a Cuca, uma jacaré muito malvada; e outros. Também enriqueceu suas obras com obras literárias da mitologia grega, bem como personagens do cinema (Walt Disney) e das histórias em quadrinhos.

Na verdade, através de sua inteligência, mostrou para as crianças como é possível aprender através da brincadeira. Com o lançamento do livro “Emília no País da Gramática”, em 1934, mostrou assuntos como adjetivos, substantivos, sílabas, pronomes, verbos e vários outros. Além desse, criou ainda Aritmética da Emília, em 1935, com as mesmas intenções, porém com as brincadeiras se passando num pomar.

Monteiro Lobato morreu em 4 de julho de 1948, aos 66 anos de idade, no ano de 2002 foi criada uma Lei (10.402/02) que registrou o seu nascimento como data oficial da literatura infanto-juvenil.

Por Jussara de Barros
Graduada em Pedagogia
Equipe Brasil Escola


FONTE: http://www.brasilescola.com/datacomemorativas/dia-nacional-livro-infantil.htm

Veja Mais!
Dia Internacional do Livro Infantil
As primeiras histórias infantis e sua influência na educação das crianças

DIA DO LIVRO


Apesar do surgimento de tantas novas tecnologias, o livro ainda permanecerá muito tempo entre nós, apesar de muitos alardearem sua futura "aposentadoria". Ele ainda é a forma mais democrática e acessível de conhecimento, se considerarmos a população mundial como um todo. E, há lugar para todos, felizmente!

O dia-homenagem foi instituído pela Unesco em 1996. Ele é celebrado em cerca de 100 países, e mobiliza uma vasta rede internacional de editores, livreiros, bibliotecários, associações de autores, tradutores e muitos outros amigos da causa do livro e da leitura. É importante que se tome consciência dos benefícios econômicos, morais e cívicos da leitura, para que os indivíduos possam engajar-se na luta por um mundo melhor.

A escolha do dia deve-se ao fato que vários escritores consagrados, como Miguel de Cervantes, William Shakespeare, Vladimir Nabokov e Josep Pla, nasceram ou morreram em um 23 de abril.

O acesso à herança cultural através do livro possibilita o enraizamento do sujeito na comunidade, por dar-lhe suporte e coesão de idéias. O sentido comunitário do livro deve ser visto como prioritário, principalmente na educação das crianças, futuros cidadãos. Como em toda construção, o livro é um alicerce importantíssimo a formação de uma sociedade mais justa e igualitária.

"O livro constitui um meio fundamental para conhecer os valores, os saberes, o senso estético e a imaginação humana. Como vetores de criação, informação e educação, permitem que cada cultura possa imprimir seus traços essenciais e, ao mesmo tempo, ler a identidade de outras. Janela para a diversidade cultural e ponte entre as civilizações, além do tempo e do espaço, o livro é ao mesmo tempo fonte de diálogo, instrumento de intercâmbio e semente do desenvolvimento"

Fonte: Unesco


O Dia Internacional do Livro teve a sua origem na Catalunha, uma região semi-autônoma da Espanha. A data começou a ser celebrada em 7 de outubro de 1926, em comemoração ao nascimento de Miguel de Cervantes, escritor espanhol. O escritor e editor valenciano, estabelecido em Barcelona, Vicent Clavel Andrés, propôs este dia para a Câmara Oficial do Livro de Barcelona.

Em 6 de fevereiro de 1926, o governo espanhol, presidido por Miguel Primo de Rivera, aceitou a data e o rei Alfonso XIII assinou o decreto real que instituiu a Festa do Livro Espanhol.

No ano de 1930, a data comemorativa foi trasladada para 23 de abril, dia do falecimento de Cervantes. Mais tarde, em 1995, a UNESCO instituiu 23 de abril como o Dia Internacional do Livro e dos direitos dos autores, em virtude de a 23 de abril se assinalar o falecimento de outros escritores, como Josep Pla, escritor catalão, e William Shakespeare, dramaturgo inglês.

Fonte: www.cidadaopg.sp.gov.br


VEJA MAIS: http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/abril/abril-dia-mundial-do-livro.php


LUA NO CÉU DA CANA BRAVA



Ontem a noite ( domingo de abril, 17 de 2011 )

Ode ao Cume

No alto daquele cume
Plantei uma roseira
O vento no cume bate
A rosa no cume cheira.

Quando cai a chuva fina
Salpicos no cume caem
Formigas no cume entram
Abelhas do cume saem.

Quanto cai a chuva grossa
A água do cume desce
O barro do cume escorre
O mato no cume cresce.

Quando cessa a chuva
No cume volta a alegria
Pois torna a brilhar de novo
O sol que no cume ardia!

A.D

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK