PROCURANDO POR ALGO?

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Estatísticas e Resultados da Eleição - Resultado da Eleição

AQUI VC PODERÁ VER TODOS OS RESULTADOS DAS ELEIÇÕES 2012 EM TODO O BRASIL




FONTE: http://www.tse.jus.br/eleicoes/estatisticas/estatisticas-eleicoes-2012


FELIZ NATAL




nossa mamaãe noel Ana Paulla Diniz FÃ CLUBE deseja a todos vcs um feliz natal com muita paz saude e prosperidade.

Curtam: http://www.facebook.com/GosdimaisDiMuie





FONTE: https://www.facebook.com/GosdimaisDiMuie


Sefaz divulga IPVA na próxima quarta-feira (26)



Sefaz divulga IPVA na próxima quarta-feira (26)

O Secretário da Fazenda, Mauro Filho, anuncia na próxima quarta-feira (26), às 10h30min, na sede da Secretaria da Fazenda, a tabela para o pagamento do IPVA 2012. Com redução de valores para todos os veículos tributados, o imposto terá o vencimento da parcela única em 31 de janeiro de 2012 e da 1ª parcela em 8 de fevereiro. Ao todo, 1,6 milhão de veículos serão atingidos pela tributação.
 
Assessoria de Imprensa da Sefaz



FONTE:
http://potenginainternet.blogspot.com.br/2012/12/sefaz-divulga-ipva-na-proxima-quarta.html

Ex de Adriano presenteia fãs como Mamãe Noel


25/12/2012 00h30 (Atualizado em 23/12/2012 16h12)

VEJA MAIS AQUI: 

FONTE: http://esportes.r7.com/esporte-fantastico/fotos/ex-de-adriano-presenteia-fas-como-mamae-noel/?pid=761#ngg-img

Quer trocar o presente de Natal? Veja


os seus direitos para evitar prejuízo

Especialistas recomendam guardar a etiqueta para garantir a substituição do produto
Do R7
presentes de natal 700Getty Images
Comerciante tem até 30 dias para trocar produto com defeito. Para quem não gostou do tamanho ou da cor do produto, o lojista deve fazer a substituição caso já tenha prometido isso ao cliente

Tradicionalmente, começa nesta quarta-feira (26) o "Dia Internacional das Trocas dos Presente de Natal". E é justamente por isso que as lojas mantêm os preços mais altos, limpando os estoques com promoções somente a partir da primeira semana de janeiro.

Se o presente não agradou, a solução então é encarar uma visita ao shopping e encontrar algo que tenha mais a sua cara. 

Para ter sucesso na troca dos presentes, é importante antes conhecer algumas regras dos órgãos de defesa do consumidor. A primeira delas é que o comerciante só é obrigado a trocar o produto se ele estiver com defeito. 

A Fundação Procon-SP, órgão ligado à Secretaria da Justiça do Estado, explica que, quando o problema for o tamanho que não ficou adequado ou a cor e o modelo que não agradaram, o comerciante deve fazer a troca caso já tenha prometido isso ao comprador - o que é comum acontecer quando a missão é cativar o cliente. 

Por isso, é fundamental perguntar sobre as condições de troca no momento da compra. O cliente deve solicitar que qualquer promessa seja feita por escrito na etiqueta do produto, na nota fiscal ou em outro documento que comprove a promessa do vendedor. O prazo de troca precisa estar informado neste comprovante. 

Em geral, as lojas já colocam na etiqueta do produto a data final para o consumidor trocar a mercadoria. Outras só a entregam se o cliente pedir. A recomendação é sempre guardar a etiqueta para garantir a troca. 

Presente com defeito 

O Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor) ressalta que a empresa é obrigada a substituir o presente quando ele vem com defeito. Segundo Alessandro Gianeli, advogado do Idec, todos os fornecedores (fabricantes, importadores e comerciantes) podem responder pela qualidade do produto. 

- Assim, o consumidor pode recorrer a qualquer um deles ou a todos. 

Mesmo em caso de defeito, o fornecedor só tem o dever de trocar imediatamente o produto se ele for um artigo considerado essencial – como uma geladeira, que é fundamental para a conservação dos alimentos. 

A constatação de que um produto é indispensável, entretanto, é feita de forma subjetiva. Um celular, por exemplo, pode não ser essencial, mas o aparelho tem um papel importantíssimo para quem precisa dele para trabalhar. 

- O CDC [Código de Defesa do Consumidor] não delimita o conceito de produto essencial. Portanto, ele deve ser observado no caso concreto. 


A empresa tem um prazo de 30 dias para sanar o defeito. É importante que o consumidor tenha com ele um registro por escrito do pedido de troca. Após o período de um mês, o consumidor tem o direito de escolher a substituição do presente defeituoso por outro igual, a restituição imediata da quantia paga ou ainda um desconto proporcional do preço da mercadoria. 

Compras na internet 

O Procon explica que, no caso das compras de produtos feitas por meio da internet, por reembolso postal, telefone, catálogo ou qualquer outra forma que seja fora do estabelecimento comercial, o consumidor pode desistir em até sete dias do recebimento da mercadoria ou da data de contratação assinada por ele. 

É preciso que o consumidor formalize, por escrito, a sua desistência e, se for o caso, devolva o produto recebido. Nesses casos, ele terá o direito de receber de volta o valor integral pago pelo produto. 

Mercadorias importadas compradas em estabelecimentos legalizados no Brasil seguem as mesmas regras dos nacionais. Já as mercadorias adquiridas de camelôs, embora custem mais barato, não têm garantia de troca e podem oferecer riscos à saúde.


FONTE: http://noticias.r7.com/economia/noticias/quer-trocar-o-presente-de-natal-veja-os-seus-direitos-para-evitar-prejuizo-20121225.html?question=0

Mais de 8.000 detentos serão monitorados eletronicamente


Pelo menos cinco Estados adotam a medida de vigilância
Da Agência CNJ de Notícias
Arquivo/ABrCerca de 8.000 presos serão monitorados eletronicamente neste fim de ano
Mais de 8.000 presos beneficiados com a saída temporária de Natal e Ano-Novo, ou que cumprem pena em regimes aberto ou semiaberto, serão monitorados eletronicamente neste fim de ano. Atualmente, pelo menos cinco Estados brasileiros já estão utilizando a tornozeleira eletrônica no sistema carcerário. São eles: Rio de Janeiro, Minas Gerais, São Paulo, Pernambuco e Rondônia.
A tecnologia possibilita que as autoridades competentes controlem a movimentação dos detentos que saem do presídio, assegurando a fiscalização quanto ao cumprimento das medidas impostas ao preso pelo juiz.
O monitoramento eletrônico está previsto na chamada Lei de Medidas Cautelares (Lei 12.403/2011), como medida diversa da prisão. A maior parte dos presos que serão monitorados nas festas de fim de ano são do Estado de São Paulo. Dos cerca de 20 mil detentos paulistas que receberam o indulto natalino este ano, segundo o TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo), 6.000 usarão a tornozeleira eletrônica.
No Rio de Janeiro, 1.440 presos que cumprem pena em regime domiciliar também são controlados por meio do sistema. A Vara de Execução Penal do Estado concedeu saída temporária a 292 apenados.
Em Minas Gerais, as tornozeleiras começaram a ser utilizadas no último dia 17, conforme informou a Subsecretaria de Administração Prisional do Estado.  A expectativa é, com a nova tecnologia, conseguir monitorar 50 presos do regime aberto ou domiciliar da Vara de Execuções Criminais de Belo Horizonte já agora nas festas de 2012.
Em Pernambuco, 301 presos que saíram da prisão na última quarta-feira (19) para passar as festas com a família serão monitorados pelas tornozeleiras eletrônicas. Já no Estado de Rondônia, 400 detentos que cumprem prisão domiciliar são controlados eletronicamente.
Além dos Estados que já estão usando a ferramenta, outros quatro devem adquirir a tornozeleira já em 2013. É o caso da Secretaria de Estado de Justiça do Espírito Santo, que vai lançar edital para licitar a compra das tornozeleiras eletrônicas no início de 2013, no intuito de melhorar o monitoramento de parte dos 14.649 presos que hoje compõem a população carcerária do Estado. Além dele, Rio Grande do Sul, Paraná e Amazonas vão realizar licitação ou comprar o equipamento no ano que vem.
Confira como será a saída temporária e o uso do sistema eletrônico em outras regiões do País:
Região Sul — A Superintendência dos Serviços Penitenciários do Rio Grande do Sul informa que está concluindo licitação para compra de tornozeleiras eletrônicas. O órgão responsável pela população carcerária gaúcha deve adquirir o equipamento no início do ano que vem para monitorar parte da população carcerária do Estado, que atualmente é de 29,5 mil pessoas.
O Departamento Penitenciário do governo paranaense também lançará edital para comprar os equipamentos no início do ano que vem. Já o Departamento de Administração Penitenciária de Santa Catarina atualmente realiza teste com o equipamento.
Região Nordeste — No Maranhão, os presos beneficiados com a saída temporária deixaram o cárcere nesta sexta-feira (21) sem monitoramento eletrônico.
Região Norte — No Acre, a saída temporária de Natal e Ano-Novo começou sexta-feira (21) e vai até 1º de janeiro. O Estado não monitora presos eletronicamente, assim como o Tocantins e o Pará, que ainda não adquiriram a nova ferramenta. No Pará terão direito à saída temporária de fim de ano 1.071 presos do regime aberto e semiaberto — 620 deles da região metropolitana de Belém e outros 451 do interior do Estado.
Já no Amazonas, embora ainda não haja nenhum preso monitorado pela tecnologia, o Governo do Estado realizará licitação das tornozeleiras eletrônicas em 2013. Lá, cerca de 150 presos passarão o Natal com a família.


FONTE: http://noticias.r7.com/brasil/mais-de-8000-detentos-serao-monitorados-eletronicamente-25122012

Retrospectiva 2012: confira os fatos que marcaram o ano


Retrospectiva 2012: confira os fatos que marcaram o ano



FONTE: http://rederecord.r7.com/2012/12/24/retrospectiva-2012-confira-os-fatos-que-marcaram-o-ano/

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK