PROCURANDO POR ALGO?

quinta-feira, 4 de julho de 2013

DOIS MILHÕES DE ACESSOS

INSTALAÇÕES E MONITORAMENTO

MULTITEC


VARIEDADES1.COM



ENTENDA COMO FUNCIONA O-CANHÃO-SÔNICO-UTILIZADO-PELA-POLÍCIA-NOS-PROTESTOS
Nas últimas semanas as ruas brasileiras foram tomadas por uma série de protestos. A mobilização popular reivindica uma série de melhorias para os serviços públicos, como transporte, educação e saúde. 

Entretanto, nem todas as manifestações terminaram de forma pacífica e, em algumas delas, a polícia militar precisou lançar mão de armas não letais para conter alguns atos de vandalismo.

Uma das armas curiosas utilizadas pela Polícia Militar do Rio de Janeiro é o canhão supersônico. O sistema, chamado “Inferno”, funciona com uma espécie de alarme que utiliza quatro frequências simultâneas entre 2 Khz e 5 Khz. A potência é de 123 decibéis.
ENTENDA COMO FUNCIONA O-CANHÃO-SÔNICO-UTILIZADO-PELA-POLÍCIA-NOS-PROTESTOS
Ao entrar em contato com o alvo, seja ele uma pessoa ou um animal, a vítima fica desorientada e sente tonturas, náuseas e dores no peito, sendo forçada a se evadir do local. A exposição contínua ao som alto pode provocar até mesmo desmaios.

O grande segredo da arma não está na potência sonora, mas sim na combinação das frequências simultâneas. 
ENTENDA COMO FUNCIONA O-CANHÃO-SÔNICO-UTILIZADO-PELA-POLÍCIA-NOS-PROTESTOS
Todos aqueles que tiveram o desprazer de comprovar a eficácia da arma de perto relataram que a sensação de dor e desconforto é muito grande, não restando outra opção senão fugir do local.

Fontes:

A-TEORIA-DO-CAOS
É uma das leis mais importantes do Universo, presente na essência de quase tudo o que nos cerca. A ideia central da teoria do caos é que uma pequenina mudança no início de um evento qualquer pode trazer conseqüências enormes e absolutamente desconhecidas no futuro. 

Por isso, tais eventos seriam praticamente imprevisíveis - caóticos, portanto. Parece assustador, mas é só dar uma olhada nos fenômenos mais casuais da vida para notar que essa ideia faz sentido. Imagine que, no passado, você tenha perdido o vestibular na faculdade de seus sonhos porque um prego furou o pneu do ônibus. 

Desconsolado, você entra em outra universidade. Então, as pessoas com quem você vai conviver serão outras, seus amigos vão mudar, os amores serão diferentes, seus filhos e netos podem ser outros... No final, sua vida se alterou por completo, e tudo por causa do tal prego no início dessa seqüência de eventos! 
A-TEORIA-DO-CAOS
Esse tipo de imprevisibilidade nunca foi segredo, mas a coisa ganhou ares de estudo científico sério no início da década de 1960, quando o meteorologista americano Edward Lorenz descobriu que fenômenos aparentemente simples têm um comportamento tão caótico quanto a vida. Ele chegou a essa conclusão ao testar um programa de computador que simulava o movimento de massas de ar. 

Um dia, Lorenz teclou um dos números que alimentava os cálculos da máquina com algumas casas decimais a menos, esperando que o resultado mudasse pouco. Mas a alteração insignificante, equivalente ao prego do nosso exemplo, transformou completamente o padrão das massas de ar. 

Para Lorenz, era como se "o bater das asas de uma borboleta no Brasil causasse, tempos depois, um tornado no Texas". Com base nessas observações, ele formulou equações que mostravam o tal "efeito borboleta".
A-TEORIA-DO-CAOS
Estava fundada a teoria do caos. Com o tempo, cientistas concluíram que a mesma imprevisibilidade aparecia em quase tudo, do ritmo dos batimentos cardíacos às cotações da Bolsa de Valores. 

Na década de 70, o matemático polonês Benoit Mandelbrot deu um novo impulso à teoria ao notar que as equações de Lorenz batiam com as que ele próprio havia feito quando desenvolveu os fractais, figuras geradas a partir de fórmulas que retratam matematicamente a geometria da natureza, como o relevo do solo ou as ramificações de nossas veias e artérias. 

A junção do experimento de Lorenz com a matemática de Mandelbrot indica que o caos parece estar na essência de tudo, moldando o Universo. "Lorenz e eu buscávamos a mesma verdade, escondida no meio de uma grande montanha. A diferença é que escavamos a partir de lugares diferentes", diz Mandelbrot, hoje na Universidade de Yale, nos Estados Unidos. 

E pesquisas recentes mostraram algo ainda mais surpreendente: equações idênticas aparecem em fenômenos caóticos que não têm nada a ver uns com os outros. 

"As equações de Lorenz para o caos das massas de ar surgem também em experimentos com raio laser, e as mesmas fórmulas que regem certas soluções químicas se repetem quando estudamos o ritmo desordenado das gotas de uma torneira", afirma o matemático Steven Strogatz, da Universidade Cornell, nos Estados Unidos. 

Isso significa que pode haver uma estranha ordem por trás de toda a imprevisibilidade. Só a continuação das "escavações" pode resolver o mistério.


DESENTENDIMENTOS-ENTRE-PAIS-E-JOVENS
Nem sempre é fácil o entendimento entre os membros da família. É compreensível e natural que os jovens e os adultos tenham uma visão de mundo diferente. O conflito entre gerações sempre existiu. Seria surpreendente se um adolescente pensasse como uma pessoa madura. 

Os jovens têm impulsos de rebeldia quando começam a formar seus próprios valores. Todavia, com o passar dos anos compreendem que os pais tinham razão em muitas coisas com as quais não concordavam no passado. A experiência de vida e o amor dos pais pelos filhos são fatores importantes para o bom relacionamento familiar. 
DESENTENDIMENTOS-ENTRE-PAIS-E-JOVENS
Compete aos pais facilitar esse relacionamento com flexibilidade e espírito jovial. Educar com liberdade e ensinar a administrá-la com responsabilidade é a melhor forma para desenvolver a confiança e consolidar a amizade entre pais e filhos. Alguns conflitos são inevitáveis, mas muitos podem ser solucionados com um bom diálogo e respeito mútuo.

A comunicação entre pais e filhos exige escuta atenta, livre expressão de sentimentos e busca ativa de entendimento mediante negociação e compromisso. Não é fácil desenvolver a habilidade de comunicação, mas trabalhar para isso produz recompensas imediatas e a longo prazo. 

A forma de comunicação tem um impacto muito grande na saúde física e mental dos membros da família, pois influencia na maneira como as pessoas lidam com as emoções. Pode afetar as atitudes, a auto-estima e a reação a situações estressantes. 

Se o prazer do relacionamento afetivo saudável for substituído por conflitos sem solução adequada, a família será sem dúvida infeliz. Atualmente, um dos maiores conflitos entre pais e filhos se dá no aspecto material.
DESENTENDIMENTOS-ENTRE-PAIS-E-JOVENS
O pai e a mãe que não dedicam muito tempo e atenção aos filhos, acabam tentando compensar sua ausência com recompensas materiais. Esses pais desconhecem que as crianças não desenvolvem suas relações apenas em termos de tempo, mas também pela forma como se desenvolvem essas relações. 

Os pais que têm dificuldade de demonstrar afeto reforçam ainda mais os conflitos. A criança que percebe o sentimento de culpa ou a dificuldade dos pais em demonstrar afeto poderá manipular e fazer chantagem emotiva para obter mimos ou regalias. 

Pais saudáveis são aqueles que vêem a educação e os conflitos familiares como algo que requer sabedoria, dedicação e amor para lidar com tão complicada tarefa. Os relacionamentos saudáveis não acontecem de forma mágica. 

É necessário respeito mútuo e reconhecer que as pessoas são únicas e diferentes. São essas diferenças que as tornam especiais. Há necessidade de reflexão e tranqüilidade para manter o equilíbrio de forças antagônicas que existem nas relações familiares.

Fonte de pesquisa:

HORA DO RISO


Quando joãozinho chegou em casa ele notou que sua mãe estava lavando as louças e perguntou:
-Mãe o que a senhora ta fazendo?
enfurecida ela responde:
-To lavando a buceta!
logo em seguida joãozinho fez outra pergunta:
-Mãe como se chama aquele negocio que a gente senta pra ver televisão?
novamente enfurecida ela respondeu:
-Desgraça!
para terminar nosso joãozinho fez a ultima pergunta:
-Mãe como se chama aquele pessoal que mora do...
Leia Mais!

A FRASE DO DIA

Frase do dia 04 de Julho de 2013

"O que você vê, se reflete também em seus pensamentos, consequentemente em suas atitudes."
(Fernando Lapolli)

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 9, 1-8


Naquele tempo: 1Entrando em um barco, Jesus atravessou para a outra margem do lago e foi para a sua cidade.


Quinta-feira, 4 de Julho de 2013.

Santo do dia: Santa Isabel de Portugal, rainha; Santo Ulrico, Bispo

Cor litúrgica: verde

Primeira leitura: Gênesis 22, 1-19
Leitura do livro do Gênesis:

Naqueles dias: 1Deus pôs Abraão à prova. Chamando-o, disse: 'Abraão!' E ele respondeu: 'Aqui estou'. 2E Deus disse: 'Toma teu filho único, Isaac, a quem tanto amas, dirije-te à terra de Moriá, e oferece-o ali em holocausto sobre um monte que eu te indicar'. 3Abraão levantou-se bem cedo, selou o jumento, tomou consigo dois dos seus servos e seu filho Isaac. Depois de ter rachado lenha para o holocausto, pôs-se a caminho, para o lugar que Deus lhe havia ordenado. 4No terceiro dia, Abraão, levantando os olhos, viu de longe o lugar. 5Disse, então, aos seus servos: 'Esperai aqui com o jumento, enquanto eu e o menino vamos até lá. Depois de adorarmos a Deus, voltaremos a vós'. 6Abraão tomou a lenha para o holocausto e a pôs às costas do seu filho Isaac, enquanto ele levava o fogo e a faca. E os dois continuaram caminhando juntos. 7Isaac disse a Abraão: 'Meu pai'. - 'Que queres, meu filho?', espondeu ele. E o menino disse: 'Temos o fogo e a lenha, mas onde está a vítima para o holocausto?' 8Abraão respondeu: 'Deus providenciará a vítima para o holocausto, meu filho'. E os dois continuaram caminhando juntos. 9Chegados ao lugar indicado por Deus, Abraão ergueu um altar, colocou a lenha em cima, amarrou o filho e o pôs sobre a lenha em cima do altar. 10Depois, estendeu a mão, empunhando a faca para sacrificar o filho. 11E eis que o anjo do Senhor gritou do céu, dizendo: 'Abraão! Abraão!' Ele respondeu: 'Aqui estou!'. 12E o anjo lhe disse: 'Não estendas a mão contra teu filho e não lhe faças nenhum mal! Agora sei que temes a Deus, pois não me recusaste teu filho único'. Abraão, erguendo os olhos, viu um carneiro preso num espinheiro pelos chifres; foi buscá-lo e ofereceu-o em holocausto no lugar do seu filho. 14Abraão passou a chamar aquele lugar: 'O Senhor providenciará'. Donde até hoje se diz: 'O monte onde o Senhor providenciará'. 15O anjo do Senhor chamou Abraão, pela segunda vez, do céu, 16e lhe disse: 'Juro por mim mesmo - oráculo do Senhor -, uma vez que agiste deste modo e não me recusaste teu filho único, 17eu te abençoarei e tornarei tão numerosa tua descendência como as estrelas do céu e como as areias da praia do mar. Teus descendentes conquistarão as cidades dos inimigos. 18Por tua descendência serão abençoadas todas as nações da terra, porque me obedeceste'. 19Abraão tornou para junto dos seus servos, e, juntos, puseram-se a caminho de Bersabéia, onde Abraão passou a morar.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus
Salmo 115

Eu amo o Senhor, porque ouve o grito da minha oração. Inclinou para mim seu ouvido, no dia em que eu o invoquei.
R: Andarei na presença de Deus, junto a ele, na terra dos vivos.

Prendiam-me as cordas da morte, apertavam-me os laços do abismo; invadiam-me angústia e tristeza: eu então invoquei o Senhor: 'Salvai, ó Senhor, minha vida!

R: Andarei na presença de Deus, junto a ele, na terra dos vivos.

O Senhor é justiça e bondade, nosso Deus é amor-compaixão. É o Senhor quem defende os humildes: eu estava oprimido, e salvou-me.

R: Andarei na presença de Deus, junto a ele, na terra dos vivos.

Libertou minha vida da morte, enxugou de meus olhos o pranto e livrou os meus pés do tropeço. Andarei na presença de Deus, junto a ele na terra dos vivos.

R: Andarei na presença de Deus, junto a ele, na terra dos vivos.
Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 9, 1-8

- Aleluia, Aleluia, Aleluia!
- Em Cristo, Deus reconciliou consigo mesmo a humanidade; e a nós ele entregou essa reconciliação (2Cor 5, 19)


Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus:

Naquele tempo: 1Entrando em um barco, Jesus atravessou para a outra margem do lago e foi para a sua cidade. 2Apresentaram-lhe, então, um paralítico deitado numa cama. Vendo a fé que eles tinham, Jesus disse ao paralítico: 'Coragem, filho, os teus pecados estão perdoados!' 3Então alguns mestres da Lei pensaram: 'Esse homem está blasfemando!' 4Mas Jesus, conhecendo os pensamentos deles, disse: 'Por que tendes esses maus pensamentos em vossos corações? 5O que é mais fácil, dizer: 'Os teus pecados estão perdoados', ou dizer: 'Levanta-te e anda'? 6Pois bem, para que saibais que o Filho do Homem tem na terra poder para perdoar pecados, - disse, então, ao paralítico - 'Levanta-te, pega a tua cama e vai para a tua casa.' 7O paralítico então se levantou, e foi para a sua casa. 8Vendo isso, a multidão ficou com medo e glorificou a Deus, por ter dado tal poder aos homens.

Palavra da Salvação
Glória a Vós, Senhor.

TwitterFacebookOrkut
Arautos do Evangelho
Copyright© Arautos do Evangelho 2011 Todos os direitos reservados.
Divulgação autorizada, citando a fonte.

VIVA A POLÍCIA!


Estamos vivendo um momento único na história deste meu querido Brasil com estas manifestações populares, que sim, já deram ‘frutos’. Viva a democracia!
Mas tem o outro lado, de pessoas más intencionadas que pegam o bonde andando e querem apenas fazer arruaça, se aparecer… Fora estes imbecis que não sabem nada, e viva a polícia!Que ela possa identificar e prender estes vagabundos…
policial gostosa
Eu me entrego sem mesmo ter feito nada! Juro!


FONTE: www.blogdocaipira.com


Respeite o fluxo da vida

Nova publicação em Universo Natural

Respeite o fluxo da vida

by José Batista de Carvalho
harmonia fluxo da vidaAtire a primeira pedra quem nunca sofreu com variações de ânimo  e humor. Pois é… altos e baixos são comuns e afetam quase todas as pessoas. A boa notícia é que dá pra atingir um meio-termo, uma situação gostosa e confortável. Essa conquista depende somente de você. O que nos leva aos baixos são os nossos próprios pensamentos, você sabia? Se eles são levados a sério, se materializam em atitudes e crenças, e causam sensações desagradáveis. Em outras palavras: as variações de humor têm a ver com a maneira como vemos a vida.
Pense, por exemplo, na atitude que você nutre em relação a si mesma. O que mais deprime você é a auto condenação. Você ignora suas vontades e sentimentos, e abre mão da própria natureza para seguir um modelo que a sociedade estabeleceu. Assim, você se sabota e se torna uma pessoa infeliz.
Não, não e não! É hora de ir contra tudo isso. De uma vez por todas, fique do seu lado. O importante é o que você sente, e não o “certo” que o sistema insiste em nos impor. Comece — agora — a dizer a si mesma como você é boa. Observe suas conquistas e reconheça que você merece parabéns. Cultive a auto aceitação. Jogue fora aquele eterno “eu deveria” e tenha a certeza de que não há nada de errado em você. Só de fazer isso você irá se levantar na hora. É impressionante como esses atos nos livram dos pensamentos negativos.
Já os momentos de ânimo devem ser vistos com cuidado — alguns deles costumam ser falsos. Pode reparar: eles vêm logo depois dos baixos, em forma de euforia. Por exemplo: aquela pessoa que usa o cartão de crédito loucamente, achando que irá resolver todas as mágoas. Depois ela se arrepende, é claro. E o pior: fica novamente deprimida. O que eu quero que você entenda, é que precisamos adotar uma posição central, sempre! Como conseguir isso? Tente não querer ser mais. Assuma seus erros com leveza. Ria de si. Seja sua grande amiga. Diga em alto e bom som:  “Não quero ser a mais perfeita, a bacaninha. Quero ficar numa boa comigo. Não vou mais carregar o mundo. Livro-me do que os outros esperam de mim. Tiro o papel de maravilhosa. Jogo fora! Vou ficando num ponto tranquilo dentro de mim — calma, lúcida… Agora, observo tudo com moderação, com cuidado. Olho bem as coisas para ver como elas realmente são. Depois dessa análise é que tomo uma atitude”.
E então, encontrou a chave do equilíbrio? É isso: preocupe-se apenas com a sua sensação. Se você adotar o “me encontrei, me senti”, alcançará a harmonia que tanto busca. Purifique-se! Isso significa estar consciente, calma e com boa-vontade em relação a você e a tudo que faz bem à sua alma. Livre-se da vontade de ficar mal.
É preciso enxergar bem os prejuízos para ter a certeza de que algo é ruim. Assim também ocorre com o que causa bem-estar e nos traz benefícios. Tudo pode ser importante: depende do momento. Nenhum comportamento é inteiramente mal ou bom. O importante é saber diferenciar, ter moderação. Coloque-se em paz com o universo e com a vida. Queira bem a si mesma em todas as situações e entenda que cada situação tem a própria hora de acontecer. Respeitar o fluxo da vida é a única maneira de alcançar o equilíbrio.
Luiz Gasparetto
José Batista de Carvalho | 04/07/2013 às 16:57

Aumente a imunidade das crianças no inverno


Aumente a imunidade das crianças no inverno
Junto com os agasalhos, lá vem preocupação. É só os termômetros baixarem a temperatura para as mães temerem pela saúde (link para Saúde Preventiva) das crianças. Sinais como coriza, espirros e tosse coitadinhos! - já são motivos para ficar em alerta. E não é para menos. O inverno castiga mesmo os pequenos e os deixa bem mais suscetíveis às doenças.

"É a época que chamamos de período sazonal de favorecimento para infecções do sistema respiratório", alerta a pediatra Eliane Enriques Alfani, do Hospital São Luiz, de São Paulo. Existe uma maior concentração de pessoas em locais fechados, mais choque térmico, a poluição aumenta, o ar fica seco e as vias áreas ficam irritadas. O resultado é o organismo exposto agripes, resfriados e ao desencadeamento de males como bronquite, asma e alergias.

Efeito dominó na creche
Boa parte das mamães já passou pela cena de ver o filho alheio espirrando na escolinha e pensou "Hum, amanhã será a vez do meu...". Na maioria dos casos é o que acaba acontecendo mesmo. "O contato com apenas um indivíduo adoentado é a principal causa do contágio de gripes", diz a pediatra.

Aí vale cobrar o cuidado redobrado de professores e funcionários no lugar onde a criança passa a maior parte do tempo. Fazem uma baita diferença ações higiênicas como lavar bem as mãos, lavar objetos, como pratos, talheres, roupas e brinquedos, que são compartilhados, além de manter o local minimamente ventilado.

Para não passar pelo apuro de ter crianças baqueadas pelos cantos, confira abaixo algumas dicas que ajudam a reforçar a imunidade da garotada na estação mais fria do ano.

Barreira contra a gripe
Crianças com idade a partir dos seis meses de idade já estão liberadas para receber a vacinacontra o vírus influenza (o causador da gripe), que atinge, principalmente, crianças e idosos. Segundo estudos realizados pela Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), os casos de complicações respiratórias, como pneumonia, aumentaram entre crianças de seis meses a 5 anos de idade.

"Já existem vários artigos científicos mostrando que a mortalidade de crianças saudáveis por complicações da gripe nesta faixa etária é semelhante a de crianças portadoras de doenças de base, como cardiopatias, asma e doenças renais", afirma Eitan Berezin, presidente do Departamento de Infectologia da SBP.

No Brasil, o período do ano ideal para receber a vacina é por volta dos meses de abril e maio. Assim, a criança fica protegida desde o início do inverno. A dose da vacina deve ser renovada a cada ano. "O vírus sofre mutações e torna-se mais resistente, sendo necessário o desenvolvimento de um novo coquetel antigripe", diz a pediatra do hospital São Luiz.

Moradora da cidade de Curitiba (PR), região onde a temperatura atingiu 0,2ºC nas últimas semanas, a farmacêutica bioquímica Bruna Schmidt faz o que pode para espantar as desvantagens do frio paranaense e blindar a saúde da filha Júlia, 2 anos e 8 meses, que frequenta escolinha e apresenta um quadro de bronquite. "Júlia tomou a vacina da gripe em maio e não ficou doente nesta temporada. Mas ela recebe a vacina desde os seis meses e, de lá para cá, nunca pegou uma gripe forte", conta Bruna.

Comidinha superpoderosa
A proteína, das carnes, ovos e queijos, e as vitaminas, das frutas, legumes e verduras, não podem faltar no prato. A alimentação (link para Guia da Alimentação) rica e balanceada ajuda a fortalecer o sistema imunológico das crianças. "É importante buscar os nutrientes em alimentos naturais e variados para não ficar só nas guloseimas industrializadas que, além de pouco nutritivas, também são calóricas", acrescenta Eliane.

A ingestão de vitaminas prescritas também são uma boa alternativa para dar aquela reforçada nos anticorpos. A pequena Julia Schmidt toma doses diárias de vitamina C (61) em gotas por recomendação da sua pediatra, embora a mãe, Bruna, não descuide do cardápio da garotinha. "Percebo que o fato de ela se alimentar muito bem, com uma grande variedade de nutrientes, evita que ela fique doente facilmente. E, quando acontece, ela consegue se recuperar muito mais rápido", diz.

Aos goles!
Vale água, sucos, água de coco, chás. Mas tem que beber bastante! Para manter o corpo das crianças hidratado, deixar as vias nasais umedecidas e evitar as irritações provocadas pelo clima muito seco dos dias frios.

Operação tira mofo
Ameaçou dar aquele friozinho? Hora de separar as roupas de inverno e cobertores para uma sessão limpeza e colocar a máquina de lavar para funcionar. "Depois de muito tempo guardadas, essas peças reúnem além da poeira, fungos e ácaros, que facilitam processos alérgicos", explica a especialista do São Luiz.

Bem quentinho
Corpo aquecido é corpo protegido. Pés descalços no chão frio, cabelo molhado ao vento e pouco agasalho nos dias frios nem pensar. Colocar um gorro no filhote antes de sair ao relento pode ser a salvação para o chororô de um possível resfriado. E, na hora do banho dos bebês , certifique-se que a água está quentinha e que não há correntes de ar frio no local para evitar choque térmico.

Fonte:  Minha Vida

Alimentação de Inverno
Necessidades energéticas

No inverno, há um aumento da necessidade calórica para manter a temperatura do corpo, e ainda aumentar a resistência orgânica. Percebemos esta maior necessidade na vontade de comer alimentos mais quentes e até mais calóricos e no próprio aumento da ingestão alimentar.

As crianças devem consumir com moderação os alimentos com gordura na sua composição, como o chocolate, por exemplo e contar com cardápios capaz de prover mais calorias, como sopas cremosas, chocolates quentes, massas.

É muito importante continuar, como no verão, com uma boa ingestão de líquidos. É claro que a vontade de tomar água não é a mesma do verão, mas deve-se optar pelo consumo de chás para esquentar o corpo. O ideal são os chás de ervas ou de frutas secas, como por exemplo laranja, maracujá e maçã. Evitar o chá preto e mate, por serem muito estimulantes, já que contém cafeína.

Resistência imunológica

Aumenta no inverno a incidência de gripes, resfriados e doenças respiratórias. Por isso, uma alimentação equilibrada e rica em vitaminas e minerais aumenta a resistência imunológica, deixando a criança menos susceptível a essas ocorrências. Para se atingir as necessidades de vitaminas e minerais, o ideal é a diversidade no oferecimento de frutas, legumes e verduras.

Para isso, aproveitamos as frutas da época, que são boas fontes de vitamina C, (morangos, mixirica, laranja e maracujá).

Fonte: RGNUTRI


..........................................
RECEBI POR E-MAIL

TESTEMUNHA OCULAR!


"As palavras têm dois lados:
direito e avesso - ideia e som.
Quando transmito uma ideia
o ouvinte escuta um som".
(Eno Teodoro Wanke)

Testemunha ocular!

Ai como a maldade humana dói e dói
Faz-se da dádiva da vida desdém
Tiram-na por qualquer mísero vintém
Onde o terror pega a paz e rói e rói!

Os poucos que procuram fazer o bem
São poetas que num poema constrói
Versos que nenhum desumano destrói
Porque só a poesia essa força tem!

E o mundo navega nos desenganos
Crendo que pouca coisa possa mudar
Posto que o mal cresce através dos anos.

Até Cristo foi testemunha ocular...
Veio aqui e sentiu a ira dos humanos
Que serão julgados quando Ele voltar!

27/04/2013 - D I L S O N - NATAL/RN.
PUBLICADO NO RECANTO DAS LETRAS
Enviado por DILSON POETA em 20/06/2013
Código do texto: T4350001

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK