PROCURANDO POR ALGO?

domingo, 14 de julho de 2013

Laranja que pesa 2 kg é destaque em Festa da Colheita no interior de SP

Fruta demorou um ano para ser colhida, diz produtor rural de Guatapará.
Evento comemora 51 anos de fundação da colônia japonesa Mombuca.

Do G1 Ribeirão e Franca
Uma laranja que chega a pesar cerca de dois quilos, segundo produtores rurais, é um dos destaques da Festa da Colheita, evento realizado neste fim de semana pela colônia japonesa de Mombuca, emGuatapará (SP). A fruta cítrica é um dos 400 itens – entre legumes, verduras, flores e artesanato - em exposição na feira que se encerra neste domingo (14) e que promove também danças e comidas típicas da comunidade em comemoração aos seus 51 anos de imigração.
De acordo com o produtor rural Koji Nitta, de 60 anos, um dos organizadores da festa, as cinco laranjas à mostra, no tamanho semelhantes a melões, são resultado de um processo cuidadoso de plantio que não se utilizou de agrotóxicos e cuja colheita foi realizada após um ano. Além do tamanho, Nitta garante que a fruta é saborosa e ideal para fazer doces. “A mão japonesa é boa, mas é uma combinação. Também tem que ter terra boa”, disse, elogiando a qualidade do solo brasileiro.
Para o aposentado Valdomiro Chiba, morador da colônia, o segredo para a produtividade acima da média é a dedicação. “Esse pessoal é todo dedicado a isso. O pessoal faz muito pela exposição, quer apresentar as melhores coisas”, diz.
A laranja, no entanto, é um dos produtos agrícolas que chamam a atenção dos frequentadores da Festa da Colheita. Para o comerciante Sérgio Carlos Tavares, que saiu de Santa Catarina para visitar a feira, o resultado final do repolho é de encher os olhos. “Quis bater uma foto para mostrar para o pessoal de lá. Impressiona bastante”, afirma.
  •  
Fruta foi colhida em Guatapará após um ano no campo (Foto: Claudio Oliveira/EPTV)Fruta foi colhida em Guatapará após um ano no campo (Foto: Claudio Oliveira/EPTV)
Imigração japonesa
A colônia rural de Mombuca formou-se pela imigração de famílias japonesas para a região em 1962. Desde então, a comunidade mantém tradições culturais como o ensino de língua japonesa e celebrações, como a homenagem anual na abertura da Festa da Colheita aos antepassados que ajudaram a fundar a fazenda há 51 anos. “Eles deixaram para nós tudo isso. Precisamos respeitar essa herança”, afirma o comerciante Sonei Omogui.
Laranja de 2 kg é destaque em Festa da Colheita de Mombuca (Foto: Claudio Oliveira/EPTV)Laranja de 2 kg é destaque em Festa da Colheita de Mombuca (Foto: Claudio Oliveira/EPTV)


FONTE:
http://g1.globo.com/sp/ribeirao-preto-franca/noticia/2013/07/laranja-que-pesa-2-kg-e-destaque-em-festa-da-colheita-no-interior-de-sp.html

Restituição do Imposto de Renda do segundo lote é liberada nesta segunda-feira nos bancos

Restituição do Imposto de Renda do segundo lote é liberada nesta segunda-feira nos bancos

Agência Brasil | 13h04 | 14.07.2013

Número de contribuintes incluídos nos dois lotes chega a 2,9 milhões


Receita Federal libera nesta segunda-feira (15), na rede bancária, o dinheiro das restituições do segundo lote de declarações do Imposto de Renda da Pessoa Física 2013. Neste lote, os valores foram corrigidos em 2,21%. Com a liberação do segundo lote, sobe para R$ 4,03 bilhões o valor total pago até agora. O número de contribuintes incluídos nos dois lotes chega a 2,9 milhões.
Ao todo estão previstos sete lotes regulares, sendo o último em dezembro. O calendário de restituição está no Ato Declaratório 3 da Receita Federal, publicado no Diário Oficial da União.
O contribuinte que não recebeu a restituição deve procurar o extrato no site da Receita para verificar por que caiu na malha fina ou se a declaração está na base de dados esperando a liberação. As pessoas que identificarem algum erro devem enviar a declaração retificadora. O extrato da declaração é disponibilizado no Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte (e-CAC).
Outras informações relativas ao Imposto de Renda
Para utilizar o e-CAC é necessário usar o código de acesso gerado na própria página da Receita ou o certificado digital emitido por autoridade habilitada. Para gerar o código, o contribuinte precisará informar o número do recibo de entrega das declarações de Imposto de Renda dos dois últimos exercícios. Com o código, o contribuinte pode fazer a autorregularização caso encontre algum erro.
Para saber se a declaração foi liberada neste segundo lote ou no primeiro, o contribuinte pode acessar a página da Receita na internet ou ligar para o Receitafone 146. A Receita disponibiliza ainda aplicativo para tablets e smarthphones que usam os sistemas operacionais Android e iOS, que facilitam a consulta.
A Receita lembra que a restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la por meio da internet, mediante o Formulário Eletrônico - Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Declaração IRPF.
Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá procurar pessoalmente qualquer agência do Banco do Brasil ou telefonar para a Central de Atendimento pelo número 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (atendimento exclusivo para deficientes auditivos) e agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.


FONTE:
http://diariodonordeste.globo.com/noticia.asp?codigo=362862

EVANGELHO DO DIA

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 10, 25-37


Naquele tempo: 25Um mestre da Lei se levantou e, querendo pôr Jesus em dificuldade, perguntou: 'Mestre, que devo fazer para receber em herança a vida eterna?'


Domingo, 14 de Julho de 2013.

Santo do dia: São Camilo de Lélis, presbítero; São Marchelmo, presbítero e monge

Cor litúrgica: verde

Primeira leitura: Deuteronômio 30, 10-14
Leitura do livro do Deuteronômio:

Moisés falou ao povo, dizendo: 10Ouve a voz do Senhor teu Deus, e observa todos os seus mandamentos e preceitos, que estão escritos nesta lei. Converte-te para o Senhor teu Deus com todo o teu coração e com toda a tua alma. 11Na verdade, este mandamento que hoje te dou não é difícil demais, nem está fora do teu alcance. 12Não está no céu, para que possas dizer: 'Quem subirá ao céu por nós para apanhá-lo? Quem no-lo ensinará para que o possamos cumprir?' 13Nem está do outro lado do mar, para que possas alegar: 'Quem atravessará o mar por nós para apanhá-lo? Quem no-lo ensinará para que o possamos cumprir?' 14Ao contrário, esta palavra está bem ao teu alcance, está em tua boca e em teu coração, para que a possas cumprir.

- Palavra do Senhor
- Graças a Deus

Salmo 69
- Por isso elevo para vós minha oração, neste tempo favorável, Senhor Deus! Respondei-me pelo vosso imenso amor, pela vossa salvação que nunca falha!Senhor, ouvi-me pois suave é vossa graça, ponde os olhos sobre mim com grande amor!
R: Humildes, buscai a Deus e alegrai-vos: o vosso coração reviverá!

- Pobre de mim, sou infeliz e sofredor! Que vosso auxílio me levante, Senhor Deus! Cantando eu louvarei o vosso nome e agradecido exultarei de alegria!

R: Humildes, buscai a Deus e alegrai-vos: o vosso coração reviverá!
- Humildes, vede isto e alegrai-vos: o vosso coração reviverá, se procurardes o Senhor continuamente!Pois nosso Deus atende à prece dos seus pobres, e não despreza o clamor de seus cativos.
R: Humildes, buscai a Deus e alegrai-vos: o vosso coração reviverá!

- Sim, Deus virá e salvará Jerusalém, reconstruindo as cidades de Judá. A descendência de seus servos há de herdá-las, e os que amam o santo nome do Senhor dentro delas fixarão sua morada!
R: Humildes, buscai a Deus e alegrai-vos: o vosso coração reviverá!

Segunda leitura: Colossenses 1, 15-20
Leitura da carta de São Paulo aos Colossenses:

15Cristo é a imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação, 16pois por causa dele, foram criadas todas as coisas no céu e na terra, as visíveis e as invisíveis, tronos e dominações, soberanias e poderes. Tudo foi criado por meio dele e para ele. 17Ele existe antes de todas as coisas e todas têm nele a sua consistência. 18Ele é a Cabeça do corpo, isto é, da Igreja. Ele é o Princípio, o Primogênito dentre os mortos; de sorte que em tudo ele tem a primazia, 19porque Deus quis habitar nele com toda a sua plenitude 20e por ele reconciliar consigo todos os seres, os que estão na terra e no céu, realizando a paz pelo sangue da sua cruz.

- Palavra do Senhor
- Graças a Deus

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 10, 25-37
- Aleluia, Aleluia, Aleluia!
- Ó Senhor vossas palavras são espírito e vida; as palavras que dizeis bem que são de eterna vida! (Jo 6, 63.68)

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas:

Naquele tempo: 25Um mestre da Lei se levantou e, querendo pôr Jesus em dificuldade, perguntou: 'Mestre, que devo fazer para receber em herança a vida eterna?' 26Jesus lhe disse: 'O que está escrito na Lei? Como lês?' 27Ele então respondeu: 'Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração e com toda a tua alma, com toda a tua força e com toda a tua inteligência; e ao teu próximo como a ti mesmo!' 28Jesus lhe disse: 'Tu respondeste corretamente. Faze isso e viverás.' 29Ele, porém, querendo justificar-se, disse a Jesus: 'E quem é o meu próximo?' 30Jesus respondeu: 'Certo homem descia de Jerusalém para Jericó e caiu nas mãos de assaltantes. Estes arrancaram-lhe tudo, espancaram-no, e foram-se embora deixando-o quase morto. 31Por acaso, um sacerdote estava descendo por aquele caminho. Quando viu o homem, seguiu adiante, pelo outro lado. 32O mesmo aconteceu com um levita: chegou ao lugar, viu o homem e seguiu adiante, pelo outro lado. 33Mas um samaritano que estava viajando, chegou perto dele, viu e sentiu compaixão. 34Aproximou-se dele e fez curativos, derramando óleo e vinho nas feridas. Depois colocou o homem em seu próprio animal e levou-o a uma pensão, onde cuidou dele. 35No dia seguinte, pegou duas moedas de prata e entregou-as ao dono da pensão, recomendando: 'Toma conta dele! Quando eu voltar, vou pagar o que tiveres gasto a mais.' E Jesus perguntou: 36'Na tua opinião, qual dos três foi o próximo do homem que caiu nas mãos dos assaltantes?' 37Ele respondeu: 'Aquele que usou de misericórdia para com ele.' Então Jesus lhe disse: 'Vai e faze a mesma coisa.'

- Palavra da Salvação.
- Glória a Vós, Senhor.
 
Comentário do dia por Santo Ambrósio (c. 340-397)
Bispo de Milão, Doutor da Igreja
Comentário sobre o evangelho de Lucas, 7,73; SC 52

O Bom Samaritano
«Um homem descia de Jerusalém para Jericó». [...] Jericó é o símbolo do mundo para o qual, depois de ter sido expulso do Paraíso, ou seja, da Jerusalém celeste, Adão desceu. [...] O exílio de Adão não consiste numa mudança de lugar, mas de comportamento. E que mudança! Este Adão que usufruía de uma felicidade sem preocupações, quando se abaixou aos pecados deste mundo, deparou com os salteadores. [...] E quem são estes salteadores, senão os anjos da noite e das trevas, que por vezes se disfarçam em anjos de luz (2Cor 11, 14), mas que não podem sê-lo durante muito tempo? Eles começam por nos despojar das vestes da graça espiritual que recebemos, e é assim que geralmente nos ferem. [...] Tem pois o cuidado de não te deixares despojar como Adão, que foi privado da protecção dos mandamentos de Deus e desprovido das vestes da fé. Foi por isso que recebeu um ferimento mortal, ao qual todo o género humano teria sucumbido se o Samaritano não tivesse vindo curar essas feridas horrendas.
Mas este Samaritano não é qualquer um: é aquele que não desdenhou o homem que o sacerdote e o levita desdenharam. [...] Este Samaritano descia; ora, «ninguém subiu ao céu, a não ser Aquele que desceu do céu, o Filho do Homem» (Jo 3, 13). Vendo meio morto este homem que ninguém tinha podido curar, [...] aproximou-Se dele; ou seja, aceitando sofrer connosco, fez-Se nosso próximo e, exercendo de misericórdia para connosco, fez-Se nosso vizinho.


TwitterFacebookOrkut
Arautos do Evangelho
Copyright© Arautos do Evangelho 2011 Todos os direitos reservados.
Divulgação autorizada, citando a fonte.

Defenda-se as energias negativas

Nova publicação em Universo Natural

Defenda-se as energias negativas

by José Batista de Carvalho
defenda-se das energias negativasTodos nós sabemos, as energias negativas são uma das preocupações do ser humano. Procurar fugir delas é complicado. Elas nos alcançam em qualquer lugar do planeta. Mas, podemos nos defender, começando a tomar uma série de atitudes e providências. Experimente estas:
1. Não temer ninguém
Uma das armas mais eficazes na subjugação de um ser é impingir-lhe o medo.
Sentimento capaz de uma profunda perturbação interior, vindo até a provocar verdadeiros rombos na aura, deixando o indivíduo vulnerável a todos os ataques.
Temer alguém significa colocar-se em posição inferior, temer significa não acreditar em si mesmo e em seus potenciais, temer significa falta de fé.
O medo faz com que baixemos o nosso campo vibracional, tornando-nos assim vulneráveis às forças externas. Sentir medo de alguém é dar um atestado de que ele é mais forte e poderoso. Quanto mais você der força ao opressor, mais ele se fortalecerá.
2. Não sinta culpa
Assim como o medo, a culpa é um dos piores estados de espírito que existem.
Ela altera nosso campo vibracional, deixando nossa aura (campo de força) vulnerável ao agressor..
A culpa enfraquece nosso sistema imunológico e fecha os caminhos para a prosperidade.
Um dos maiores recursos utilizados pelos invejosos é fazer com que nos sintamos culpados pelas nossas conquistas.
Não faça o jogo deles e saiba que o seu sucesso é merecido.
Sustente as suas vitórias sempre!
3. Adote uma postura ativa
Nem sempre adotar uma postura defensiva é o melhor negócio. Enfrente a situação.
Lembre-se sempre do exemplo do cachorro: quem tem medo do animal e sai correndo, fatalmente será perseguido e mordido.
Já quem mantém a calma e contorna a situação pode sair ileso.
Ao invés de pensar que alguém pode influenciá-lo negativamente, por que não se adiantar e influenciá-lo beneficamente?
Ou será que o mal dele é mais forte que o seu bem?
Por que será que nós sempre nos colocamos numa atitude passiva de vítimas?
Antes que o outro o alcance com sua maldade, atinja-o antecipadamente com muita luz e pensamentos de paz, compaixão e amor.
4. Fique sempre do seu lado
A maior causa dos problemas de relacionamentos humanos é a "Auto-Obsessão".
A influência negativa de uma pessoa sobre outra sempre existirá enquanto houver uma ideia de dominação, de desigualdade humana, enquanto um se achar mais e outro menos, enquanto nossas relações não forem pautadas pelo respeito mútuo.
Mas grande parte dos problemas existe porque não nos relacionamos bem com nós mesmos.
'Auto-Obsessão' significa não se gostar, não se apoiar, se auto boicotar, se desvalorizar, não satisfazer suas necessidades pessoais e dar força ao outro, permitindo que ele influencie sua vida, achar que os outros merecem mais do que nós.
É não ouvir a voz da nossa alma, é dar mais valor à opinião dos outros.
Os que enveredam por esse caminho acabam perdendo a sua força pessoal e abrem as portas para toda as pessoas dominadoras e energias de baixo nível.
A força interior é nossa maior defesa.
5. Suba para posições elevadas
As flechas não alcançam o céu.
Coloque-se sempre em posições elevadas com bons pensamentos, palavras, ações e sentimentos nobres e maduros.Uma atmosfera de pensamentos e sentimentos de alto nível faz com que as energias do mal, que têm pequeno alcance, não o atinjam.Essa é a melhor forma de criar 'incompatibilidade' com as forças do mal e energias incompatíveis não se misturam.
6. Feche-se às influências negativas
As vias de acesso pelas quais as influências negativas podem entrar em nosso campo são as portas que levam à nossa alma, ou seja, a 'mente' e o 'coração'.
Além de manter o coração e mente sempre resguardados das energias dos maus pensamentos e sentimentos negativos, fuja das conversas negativas, maldosas e depressivas.
Evite lugares densos e de baixo nível.
Quando não puder ajudar, afaste-se de pessoas que não lhe acrescentam nada e só o puxam para o lado negativo da vida.
O mesmo vale para as leituras, programas de televisão, filmes, músicas e passatempos de baixo nível.
José Batista de Carvalho | 14/07/2013 às 15:19 

RECEBI POR E-MAIL


Mary Melo
Lembro da sua boca degustando cada parte do meu corpo...
Suas mãos que vão me pegando...me puxando e me deixando louca de tesão...
Lembrando e desejando que vc venha...
e me enlouqueça de prazer...
Vem...
Chupa minha buceta e faz me rebolar
na sua boca até gozar...
Agora minha vez de abocanhar esse pau gostoso...
abocanho com vontade...
vc geme gostoso...
vou chupando..
babando nesse pau gostoso...
lambendo suas bolas...
e nessa loucura sinto seu pau pulsar e
e gozar na minha boca...
Adoro sentir teu gozo em minha boca...
Agora vem...me fode gostoso...
Me pega pelos cabelos
Me põe de quatro...
Vem...
me foder do jeito que vc gosta...
Me encaixo em vc...
Hummmmmmm...
que delícia sentir vc latejando dentro de mim...
com estocadas fortes vc me faz gritar de prazer...
Cavalguei...rebolei...subi, desci...
até sentir meu corpo estremecer em gozo intenso...


QUE PORTUGUÊS VOCÊ FALA? (Não se assuste...)

FALAMOS A MESMA LÍNGUA? 

As expressões aqui listadas correm soltas na linguagem televisiva e na imprensa de Portugal:  
Não é PIADA  !!                                                                                           
- Relato sobre um casal português de passagem por Pernambuco: 
Ainda no aeroporto, pediram uma água fresca lisa (gelada e sem gás), pois tinham comido no avião uma punheta (bacalhau cru desfiado, servido como tira-gosto). 
Após a água, nosso amigo tomou uma bica (cafezinho). 
Foi ao salva-vidas (sanitário) e disse-nos que o autoclismo (descarga) funcionou com dificuldade. 
Na rua, viu os almeidas (garis) recolhendo monstros (entulhos). Perguntou-nos como estava nosso puto (adolescente) e se as canalhas (várias crianças) de
meus irmãos estavam bem. 
Se a SIDA (AIDS) estava sendo contida nas campanhas com o uso do durex (camisinha, pois a fita durex lá se chama fita-cola). 
Desejou passar num armarinho e ao chegar queria comprar alfinetes e pregadeiras (broche em Portugal significa sexo oral realizado pela mulher no homem). 
Na farmácia compraram também um penso (curativo) porque algo sentia no pé. E, como a mulher estivesse com história (menstruada), queriam também um penso
higiênico (absorvente íntimo), pois já estava sujando a cueca (calcinha de mulher). Aproveitou e adquiriu um adesivo (esparadrapo) para proteger o pé do
sapato, que estava apertando. 
No bar, perguntou se havia no recinto muito paneleiro (bicha) que não honrava a pila (pinto) e fufa (sapatão) com cara de gajo (rapaz). Tomou algumas cervejas
de pressão (chopinhos) e pagou a conta ao empregado de mesa (garçom). 
Pela manhã, na praia, admirou-se com a pronta ação do banheiro (salva-vida), ao retirar do mar uma rapariga (moça) que se afogava. Ficou impressionado com
passageiros que viajavam dependurados no autocarro (ônibus). 
Achou um giro (legal) o movimento na Praia de Porto de Galinhas. 
A todo momento passava a mão no saco (bolsa a tiracolo de homem e de mulher), preocupado com pivetes. 
Achou uma ponta (excitação sexual) os biquínis sumários existentes. 
Comprou carne de borrego (carneiro novo) no talho (açougue) e levou para guardar no nosso frigorífico (geladeira é um termo completamente desconhecido).
Gostou do nosso andar (apartamento), por ser muito ventilado, no sexto piso (andar). 
Estranhou o ardina (jornaleiro) vendendo na véspera o jornal do dia seguinte (convenhamos que essa mania brasileira é, realmente, muito estranha!). 
Se a propaganda da Caixa Econômica Federal fosse feita em Portugal seria "Vem para a boceta (caixa) você também. Vem!". Essa palavra se usa com freqüência
nos meios de comunicação e o palavrão correspondente é crica ou cona. 
Na farmácia, é comum se perguntar se vais "tomar a pica no cu," significa aplicar uma "injeção na nádega." Só se configura o palavrão se se disser "no olho
do..."  
Na padaria disse não gostar de "entrar no rabo da bicha para pegar o cacete" (entrar no fim da fila para pegar o pãozinho).  
Ajustar  o  freio  -   Breque para os  paulistas , freio para os  cariocas , em Portugal é travão.     

Esta foto e otima pra ver num dia com enxaqueca ou de ressaca


A Vida e a Bíblia

A VIDA E A BÍBLIA.

Aprendam com a experiência de outras pessoas.
— Todas essas coisas sucederam a eles, como exemplos, como lições objetivas para nós, a fim de advertir-nos contra a prática das mesmas coisas. (I Coríntios 10:11).
Com demasiada freqüência, amamos as coisas e usamos as pessoas, quando deveríamos usar as coisas e amar as pessoas.
— Amem-se uns aos outros com afeição fraternal e tenham prazer em honrar uns aos outros. (Romanos 12:10).
Existem ocasiões em que o silêncio vale ouro; em outras, não passa de covardia.
— Há tempo para todas as coisas. Tempo para manter silêncio e tempo para falar. (Eclesiastes 3:1,7).
Nem mesmo um mosquito recebe um tapinha nas costas sem começar a trabalhar.
— Trabalhe arduamente para que Deus possa dizer-lhe: Muito bem. Seja um bom obreiro, que não se envergonha quando Deus examina seu trabalho. (II Timóteo 2:15).
Nenhuma decisão que tomar será mais importante que aquela que se refere à pessoa com quem se casar.
— Portanto, deixará o homem seu pai e sua mãe e apegar-se-á à sua mulher; e serão ambos uma só carne. (Gênesis 2:24).
Nenhum cavalo leva a parte alguma, até que seja arreado. Nenhuma vida pode progredir, até que tenha uma meta, seja aplicada e disciplinada.
— Numa corrida todos correm, porém só uma pessoa consegue o primeiro prêmio. Para vencer a competição precisa renunciar a muitas coisas que o impediriam de fazer o melhor que pode. (I Coríntios 9: 24-25).
Nunca fui prejudicado por alguma coisa que não disse.
— Quem fala demais sempre diz o que não deve; o homem sábio e ajuizado consegue controlar suas palavras. (Provérbios 10:19).
O homem dissipará sua saúde para ficar rico; então, dará tudo o que ganhou para ter a saúde de volta.
— Que vantagem terá alguém se ganhar o mundo inteiro e perder sua vida? (Mateus 16:26).
O preço do sucesso é o trabalho duro, a dedicação ao trabalho que temos pela frente e a determinação para que, quer ganhemos, quer percamos, tenhamos aplicado o melhor de nós mesmos na tarefa proposta.
— Trabalhem arduamente e de bom ânimo em tudo quanto fizerem, tal como se estivessem trabalhando para o Senhor e não simplesmente para seus senhores. (Colossenses 3:23).
Pessoas, lugares e coisas jamais foram criadas com o propósito de nos dar vida. Somente Deus é o autor de uma vida plena.
— Vim para que tenham vida e a tenham em abundância. (João 10:10).
Quando nasceu, chorou e o mundo se alegrou. Viva de maneira tal que, quando morrer, o mundo chore e você se alegre.
— Todos lembram com alegria um homem bom. (Provérbios 10:7).

Os segredos do sucesso

OS SEGREDOS DO SUCESSO.

Cultive amigos.
Dimensione seus problemas e não se deixe abater por eles. Tenha fé, energia e acredite em seu imenso potencial.
Em vez de reclamar quando o relógio despertar, agradeça a Deus pela oportunidade de acordar e viver mais um dia.
Fale de coisas boas, de saúde, de sonhos, de realizações, quando conversar com alguém.
Idealize um modelo de competência e faça sua auto-avaliação para saber o que lhe está faltando para chegar lá.
Jamais viva só para seu trabalho. Tenha outras atividades paralelas, como esportes e leitura, por exemplo.
Não viva emoções mornas e vazias. Cultive seu interior e extraia o máximo das pequenas coisas.
Nunca se lamente. Ajude-se e também colabore para que outras pessoas percebam o que há de bom dentro delas.
O bom humor é contagiante: espalhe-o.
Ocupe seu tempo crescendo e desenvolva sua habilidade e seu talento. Tire proveito de seus erros e amplie seus conhecimentos.
Perdoe sempre! Seja grande para os aborrecimentos, nobre para a raiva e forte para vencer o medo.
Seja transparente e deixe que as pessoas saibam que as estima e precisa delas.
Torne suas obrigações atraentes. Tenha garra e determinação. Mude, opine, ame o que faz. Não trabalhe só por dinheiro e sim pela satisfação da missão cumprida.
Transforme seus momentos difíceis em oportunidade. Seja criativo, busque alternativas e apresente soluções e não problemas.
Veja o lado positivo das coisas e assim  transformará seu otimismo em realidade. Não inveje. Admire! Seja um entusiasta do sucesso alheio como seria do seu próprio.
Finalmente, ria das coisas à sua volta, de seus problemas, de seus erros, ria da vida. Começamos a ser felizes quando somos capazes de rir de nós mesmos.

................................
RECEBI POR E-MAIL

HORA DO RISO: PIADEX DE POLÍTICO

Um político que estava em plena campanha chegou a uma cidadezinha, subiu em um caixote e começou seu discurso:

- Compatriotas, companheiros, amigos! Nos encontramos aqui convocados, reunidos ou ajuntados para debater, tratar ou discutir um tópico, tema ou assunto o qual é transcendente, importante ou de vida ou morte. O tópico, tema ou assunto que hoje nos convoca, reúne ou ajunta, é minha postulação, aspiração ou candidatura à Prefeitura deste Município.

De repente, uma pessoa do público pergunta:

- Escuta aqui, porque o senhor utiliza sempre três palavras para dizer a mesma coisa?

- Ah, responde o candidato, pois veja, meu senhor: A primeira palavra é para pessoas com nível cultural muito alto como poetas, escritores, filósofos, etc. A segunda é para pessoas com um nível cultural médio como o senhor e a maioria dos que estão aqui. E a terceira palavra é para pessoas que têm um nível cultural muito baixo, pelo chão, digamos, como aquele bêbado ali jogado na esquina.

De imediato, o bêbado se levanta cambaleando e responde:

- Senhor postulante, aspirante ou candidato . (Hic). O fato, circunstância ou razão de que me encontre em um estado etílico, bêbado ou mamado (hic) não implica, significa, ou quer dizer que meu nível cultural seja ínfimo, baixo ou ralé mesmo . (Hic). E com todo o respeito, estima ou carinho que o senhor merece. . . (Hic), pode ir agrupando, reunindo ou ajuntando . . . (Hic), seus pertences, coisas ou bagulhos . . . (Hic) e encaminhar-se, dirigir-se ou ir-se diretinho à sua genitora, mãe biológica ou a gradessíssima puta que o pariu.


....................................
RECEBI POR E-MAIL

Morte na empresa

MORTE NA EMPRESA.

Uma empresa estava em situação muito difícil. As vendas iam mal, os trabalhadores estavam desmotivados, os balanços não saíam do vermelho. Era preciso fazer algo para reverter o caos, mas ninguém queria assumir nada. Pelo contrário, o pessoal apenas reclamava de que as coisas andavam ruins e que não havia perspectivas de progresso na empresa. Eles achavam que alguém deveria tomar a iniciativa de reverter aquele processo.
Um dia, quando os funcionários chegaram para trabalhar, encontraram, na portaria, um cartaz enorme, no qual estava escrito: Faleceu, ontem, a pessoa que impedia seu crescimento e o da empresa. Está convidado para o velório na quadra de esportes.
No início, todos se entristeceram com a morte de alguém, mas, depois de algum tempo, ficaram curiosos para saber quem estava bloqueando o crescimento da empresa. A agitação na quadra de esporte era tão grande que foi preciso chamar os seguranças para organizar a fila do velório. Conforme as pessoas iam aproximando-se do caixão, a excitação aumentava:
— Quem será que estava atrapalhando meu progresso? Ainda bem que esse infeliz morreu!
Um a um, os funcionários, agitados, aproximavam-se do caixão, olhavam o defunto e engoliam um seco. Ficavam no mais absoluto silêncio, como se tivessem sido atingidos no fundo da alma e saíam cabisbaixos.
Pois bem! Ocorre que, no visor do caixão, havia um espelho.
Só existe uma pessoa capaz de limitar seu crescimento: você mesmo! É muito fácil culpar os outros pelos problemas, mas já parou para pensar se você mesmo poderia ter feito algo para mudar a situação? É o único responsável por sua vida. Ela lhe foi entregue por Deus e terá de prestar contas do que fez com ela no final da sua existência. Aliás, o que está fazendo com sua vida?


................................
RECEBI POR E-MAIL

França vence sub-20 e vira primeira 'campeã de tudo'

França vence sub-20 e vira primeira 'campeã de tudo'

Estadão Conteúdo |
Brasil pode ser o maior campeão da história do futebol, mas a França é a única seleção que temtodos os títulos possíveis em nível mundial. Neste sábado, os franceses venceram os uruguaios nos pênaltis, após 120 minutos de 0 a 0, e faturaram, na Turquia, o primeiro título do país no Mundial Sub-20.
Foto: Agência Reuters

Mordendo pelas beiradas, a França virou a primeira"campeã de tudo". Os franceses já haviam conquistado o Mundial Sub-17 (em 2001), o ouro olímpico (em Los Angeles/1984), a Copa das Confederações (em 2001 e 2003) e, obviamente, a Copa do Mundo, que ela ganhou em casa, em 1998. Na soma, seis títulos. O Brasil, que nunca ganhou uma Olimpíada no futebol, tem 17 taças na soma das demais competições.
Para ser campeã sub-20, a França aproveitou um torneio relativamente esvaziado. Isso porque nem Brasil nem Argentina, que juntos ganharam 11 nas 18 edições anteriores do Mundial, não conseguiram a vaga pelo Sul-Americano da categoria. Além disso, a Espanha usou uma equipe praticamente reserva, uma vez que os principais jogadores do seu elenco disputaram, semanas antes, o Europeu Sub-21.
Na Turquia, os franceses começaram o Mundial cambaleando. Ganharam de Gana, empataram com os EUA e perderam da Espanha na fase de grupo. Mas cresceram no mata-mata, eliminando Turquia, Usbequistão e Gana. Na decisão, levaram sufoco dos uruguaios, mas se deram muito bem nos pênaltis, aproveitando que os rivais bateram muito mal as duas primeiras cobranças, facilitando as defesas de Areola.
Com o título, a França se uniu a Gana, Espanha, União Soviética, Alemanha e Iugoslávia com uma taça. Portugal tem duas, Brasil cinco e Espanha seis. Já o Uruguai coleciona dois vices, uma vez que também perdeu a final de 1997, para a Argentina.
A França é a primeira 'campeã de tudo' em nível mundial, mas também regionalmente ela já conquistou todos os torneios existentes no calendário: a Eurocopa e também os campeonatos europeus sub-21, sub-19 e sub-17. Ela também já venceu os Jogos do Mediterrâneo, o equivalente local aos Jogos Pan-Americanos.

FONTE:
http://diariodonordeste.globo.com/noticia.asp?codigo=362844

Pressão muda a rotina no Congresso

DEPOIS DE MANIFESTAÇÕES

Pressão muda a rotina no Congresso

14.07.2013
Políticos aceleraram votações no Senado e na Câmara após os atos realizados nas últimas semanas

Pressionados pela opinião pública motivada pelas manifestações, Senado votou 17 projetos de lei e sete PECs só na semana passada Foto: Reuters

Brasília. A pressão das ruas modificou a rotina de trabalho no Congresso e produziu uma verdadeira maratona de votação de propostas que, em muitos casos, aumentam o problema das contas públicas e deverão produzir nas próximas semanas uma média maior de vetos da presidente Dilma Rousseff (PT), nos casos dos projetos de lei.

Com isso, deputados e senadores devolvem a cobrança feita pela chefe do executivo nacional. Do ponto de vista dos parlamentares, o novo ritmo de trabalho pode amenizar o desgaste da classe política.

Senado acelerado
O Senado tem sido o principal palco de votações, com 17 projetos de lei e sete propostas de emenda constitucional (PECs) aprovados somente na semana passada. Nos bastidores, interlocutores do Palácio do Planalto mostram preocupação com a "sanha" do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), para apresentar resultados, e veem com alívio o recesso branco que começa na quinta-feira (18).

Na noite de terça-feira (9), durante a primeira votação que rejeitou a proposta com novas regras para os suplentes de senadores, o até então ponderado Delcídio Amaral (PT-MS) explodiu. Em discurso emocionado, chamou a sessão de dantesca e dirigindo-se a Renan, de dedo em riste, disse que ele tinha que se responsabilizar por tudo que estava sendo votado.

Alertado pelos próprios colegas do exagero nas votações, Renan deixou duas bombas para agosto: a aprovação do passe livre para estudantes, projeto dele e cujo custo ainda não foi calculado, e a proposta que aumenta os gastos com a Saúde Pública.

Impactos na receita
Só este último projeto visado pelo presidente do Senado, que prevê a destinação de 10% da receita corrente bruta da União para a Saúde, teria impacto de quase R$ 40 bilhões imediatamente aos cofres públicos.

As iniciativas já aprovadas, somadas a esta, gerariam um custo de pelo menos R$ 50,8 bilhões. Foram elas: a redução do número de suplentes e a proibição de que parentes até segundo grau do titular possam exercer o cargo; o fim do voto secreto em processos de perda de mandato; a criação do sistema nacional de combate à tortura e as novas técnicas de investigação para combater organizações criminosas.

Polêmicas na Câmara
Já na Câmara, o volume de votações é bem menor, com cinco propostas aprovadas ao longo da semana passada, mas, em contrapartida, foi onde ocorreram as sessões mais polêmicas desde o início dos protestos nas ruas brasileiras. As sessões vararam as madrugadas, como aconteceu com o projeto de distribuição dos royalties do petróleo para a Educação e a Saúde.

Dinâmica de vetos mudará
Pertinentemente, após aprovação conjunta das duas casas do Legislativo, o Diário Oficial da União (DOU) publicou novas regras para análise de vetos pelo Congresso. Agora, quando o presidente do Senado for comunicado do veto, terá 72h para designar uma comissão mista e estabelecer o calendário de tramitação do mesmo. A regra vale para vetos feitos a partir de 1º de julho. 

FONTE:
http://diariodonordeste.globo.com/materia.asp?codigo=1292026

Rir Ainda é o Melhor Remédio

Um bêbado é abordado por uma moça que segura uma bíblia.
- O senhor quer ser testemunha de Jeová? - pergunta ela, fervorosa.
- Mas por quê? - pergunta o bêbado, cambaleando - Vai me dizer que ele tá sendo processado?

Leia Mais!

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK