PROCURANDO POR ALGO?

quarta-feira, 31 de julho de 2013

Aviso Importante

Aviso Importante

Atenção profissionais da Educação de Aracoiaba. O início das aulas do segundo semestre de 2013 será:
  • Dia 05/08/13: Polo I ( Ideal )
  • Dia 06/08/13: Polo III ( Sede )
  • Dia 07/08/13: Polo II ( Jaguarão )
  • Dia 31/08/13: Planejamento coletivo na escola e os professores só voltarão à escola no início das aulas.
  • Obs: No dia da reunião para a escolha do monitor, deverá ser feito uma ata e uma frequência para entregar na secretaria, deixando uma cópia na escola.

FONTE:
http://smearacoiaba.blogspot.com.br/

Veja as candidatas de Miss Bumbum 2013 e vote em sua favorita


Veja as candidatas de Miss Bumbum 2013 e vote em sua favorita


Os organizadores do concurso Miss Bumbum Brasil 2013 divulgaram as fotos das beldades que vão concorrer ao título de dona do bumbum mais avantajado do país. Na imagem acima, Aline Bernardes, representante do Estado do Mato Grosso do Sul. Ela tem 26 anos e 106 cm de bumbum. Relembre outras gatas que já chamaram a atenção do concurso nas edições passadas clicando no link mais. Mais Divulgação/Cacau Oliver

VEJA MAIS:
FONTE:
http://noticias.bol.uol.com.br/fotos/entretenimento/2013/07/31/conheca-as-candidatas-do-concurso-miss-bumbum-2013.htm

RIR AINDA É O MELHOR REMÉDIO!!

As Melhores Piadas! Sorteada: Piadas Cientificas
2013-07-31

 

Três amigos, um dentista, um advogado e um banqueiro vão assistir um show de strip-tease. Quando a striper, só de fio dental, chega à mesa deles o dentista pega uma nota de 50, lambe e cola na bunda dela. O advogado, abre a carteira, tira uma nota de 100 e copia o gesto do amigo. O banqueiro saca o seu Cartão Eletrônico, passa-o no rego da garota e saca os 150.

Piadas e Bom Humor para Rir!Ver no Site »

HORA DO RISO

O bêbado entra em um velório e já começa a cantar e bater palmas:
-Parabéns prá você...Nesta data querida...
Um homem veio em sua direção e diz:
-Amigo, por favor, não faça isso! O senhor deve ter entrado no lugar errado...
-É, acho que entrei na festa errada mesmo. Esse bolo está muito grande!

Leia Mais!

A CARÊNCIA FAZ A GENTE VER AS COISAS...


A carência faz a gente ver coisas...kkkkk
‪#‎PorraSapatao‬



Descubra qual é seu formato de rosto e aposte no corte de cabelo ideal

Descubra qual é seu formato de rosto e aposte no corte de cabelo ideal

Rostos quadrado, triangular e retangular pedem cortes específicos para valorizar pontos fortes

POR MINHA VIDA - ATUALIZADO EM 19/07/2013


Você já ouviu aquela expressão que diz que "o cabelo é a moldura do rosto"? Pois saiba que ela é verdadeira. E assim como cada tela tem sua particularidade, cada rosto tem seu formato e pede bordas que o valorizem. O consultor de beleza Robson Trindade, especialista em visagismo, explica que o rosto mais harmônico tem formato oval- uma raridade, praticamente impossível de se achar. Sendo assim, todos os outros formatos de rosto devem tentar imitá-lo. Isso pode ser feito de duas formas: com o corte de cabelo ideal ou com uma boa maquiagem.

Se você quer mesmo dar umas boas tesouradas nas madeixas, confira as dicas para reconhecer qual é o seu tipo de rosto e qual corte de cabelo mais combina com ele. Contamos tudo a seguir. Siga e dê aos seus traços o devido valor.  
  • Mulher com rosto redondo  - foto: Getty Images
  • Rosto triângulo de base alta - foto: Getty Images
  • Rosto triângulo de base baixa
  •  Rosto losango  - foto: Getty Images
  •  Rosto retângulo alto  - foto: Getty Images
  •  Rosto retângulo baixo  - foto: Getty Images
  •  Rosto quadrado  - foto: Getty Images
 
 
DE 7
Mulher com rosto redondo  - foto: Getty Images

Rosto redondo

O rosto circular tem bochechas avantajadas e pede uma redução das laterais do rosto para que a esfera se transforme em rosto oval. "Nesse caso o cabelo deve ser o mais reto possível nas laterais do rosto, avançando um pouco sobre a face", explica Robson trindade. Dessa forma o corte esconderá a porção lateral do rosto, ajudando a alongá-lo. Caso você tenha esse tipo de rosto e goste de franjas, opte pelas mais compridas, que chegam à altura do queixo.

*A imagem ilustra apenas o formato do rosto e não necessariamente o corte de cabelo indicado na legenda pelos especialistas. 
Rosto triângulo de base alta - foto: Getty Images

Rosto triângulo de base alta

Para entender esse formato de rosto, imagine um triângulo de cabeça para baixo. No caso, a base é a testa mais larga e o ápice do triângulo o queixo fino. A ideia é suavizar a testa avantajada. "Franjas que diminuam a testa são aliadas: elas podem ser laterais, falsas e desfiadas", explica o cabeleireiro Bruno Di Maglio, do Salão 1838, de São Paulo. "Elas ganham força nesse formato de rosto", explica. Prefira cabelos longe do rosto, deixando livre as maçãs do rosto e queixo, com repicados voltados para fora ou para trás. Com a testa suavizada e o rosto livre, use a criatividade e ouse no corte. Abuse dos curtos e longos. Só tenha cuidado com os médios que levam fios à face.

*A imagem ilustra apenas o formato do rosto e não necessariamente o corte de cabelo indicado na legenda pelos especialistas.
Rosto triângulo de base baixa

Rosto triângulo de base baixa

Imaginando um triângulo em posição normal: esse formato de rosto tem maior volume em baixo, que precisa ser amenizado. Nesse caso, é preciso disfarçar o queixo ou maxilar protuberante. "Um corte adequado pode ser um repicado médio, na altura dos ombros, desfiado e com volume diminuído próximo dos ombros e queixo", ensina o cabeleireiro. "Fuja de franjinhas falsas ou ralinhas e de lado", recomenda Bruno Di Maglio.

*A imagem ilustra apenas o formato do rosto e não necessariamente o corte de cabelo indicado na legenda pelos especialistas.
 Rosto losango  - foto: Getty Images

Rosto losango

Quem tem o rosto em formato de losango, tem maças do rosto mais proeminentes e testa e queixo finos. É preciso criar volume em cima e em baixo. "Para conseguir: repique o cabelo até a altura dos olhos e do nariz para baixo", recomenda Robson Trindade.

*A imagem ilustra apenas o formato do rosto e não necessariamente o corte de cabelo indicado na legenda pelos especialistas.
 Rosto retângulo alto  - foto: Getty Images

Rosto retângulo alto

O rosto retângulo alto é o rosto mais comprido e fino, aquele rosto alongado. "A franja é válida, de qualquer forma", afirma Di Maglio. Segundo o especialista, a melhor pedida para quem tem esse formato são os fios repicados, longos e com uma franja a sua escolha. Quem quiser o cabelo curto deve evitar o corte "Chanel", que acentua ainda mais o comprimento do rosto. "O ideal é um corte mais curto e desfiado nas laterais terminando no queixo".

*A imagem ilustra apenas o formato do rosto e não necessariamente o corte de cabelo indicado na legenda pelos especialistas.
 Rosto retângulo baixo  - foto: Getty Images

Rosto retângulo baixo

São rostos largos e de baixa altura. "O cabelo deve puxar o rosto para cima, dando volume no topo da cabeça", explica Robson Trindade. Uma opção é repicar o cabelo no alto da cabeça, deixando duas camadas de cabelo: uma mais longa e outra mais curta e superficial. Há ainda alternativas, como cortes curtos para quem possui cabelos crespos ou cacheados.

*A imagem ilustra apenas o formato do rosto e não necessariamente o corte de cabelo indicado na legenda pelos especialistas.
 Rosto quadrado  - foto: Getty Images

Rosto quadrado

A parte inferior da mandíbula é muita reta e muito marcada - até próximo da orelha - em quem tem esse tipo de rosto. A dica de Robson Trindade para amenizar esse formato de rosto é, imaginando que o rosto é um quadrado, diminuir todos os cantos. "Uma franja em diagonal ou um cabelo curto com franja mais comprida, que termine próxima ao queixo, são boas opções".

*A imagem ilustra apenas o formato do rosto e não necessariamente o corte de cabelo indicado na legenda pelos especialistas.


FONTE:
http://www.minhavida.com.br/beleza/galerias/12360-descubra-qual-e-seu-formato-de-rosto-e-aposte-no-corte-de-cabelo-ideal?utm_source=news_mv&utm_medium=beleza&utm_campaign=6101324

Olho gordo

Olho gordo

olho gordoNão são todos os que acreditam, mas por via de dúvida não é bom facilitar… Desde a antiguidade, os olhos são vistos como a expressão da alma e considerados um órgão sagrado. O olho humano tem um potencial oculto e emite energias que podem intensificar as palavras ditas. Um olhar penetrante e bem dirigido pode reforçar muito uma mensagem ou um ensinamento. E muitas vezes, sozinhos, já conseguem passar toda a informação necessária.
Vemos, portanto, que grande parte da energia gerada por nossos processos internos – como nossos pensamentos e sentimentos – são emitidos pelos olhos para o mundo exterior. Além de ser o espelho da alma, o olho é também um grande emissor de magnetismo e energia.
Existem relatos de homens santos que apenas com o seu olhar curavam os doentes. Isso nada mais é do que uma energia de cura muito poderosa que é canalizada através dos olhos. Mas, infelizmente, nem só de santos vive a Terra. Muitos seres interiormente desequilibrados emitem, através do seu olhar, toda a energia desgovernada que habita em seu interior, e saem por aí matando plantas, murchando bolos, causando quebranto em crianças, quebrando objetos, enguiçando máquinas e provocando até doenças e muito mal-estar em suas vítimas.
Muitos consideram o fenômeno do olho gordo como pura superstição, mas o tema já era tratado por Lao-Tse, criador do taoísmo, que viveu há mais de 350 anos antes de Cristo, e por Confúcio, que viveu 600 anos antes de Cristo, ambos na China.
O olho gordo nada mais é do que a canalização, através dos olhos, de uma energia interna gerada pelo desejo de possuir o que é dos outros e pela inveja, que não deixa de ser um roubo de energia. Os possuidores de olho gordo são pessoas em permanente estado de descontentamento e que têm complexo de inferioridade (mesmo que camuflado), uma vez que não se julgam capazes de conseguir por si mesmos o objeto de sua cobiça. Seguem a vida lamentando-se de sua má sorte, mas nada fazem para construir uma vida mais feliz. Poderíamos considerá-los vampiros de energia, e estão ligados aos baixos desejos, à mesquinhez, ao egocentrismo e à uma série de assuntos internos mal resolvidos. Gostam de estar sempre por perto, e sabedores dos acontecimentos, são solícitos e companheiros, utilizando-se do recurso da aproximação.
Dicas para lidar com o olho gordo
Uma coisa é certa: a nossa felicidade certamente incomoda muita gente, e durante toda a vida nos vemos obrigados a lidar com isso, portanto, não adianta fugir e nem fingir que não é com você. Aprender a nos portar diante do fato é o melhor que temos a fazer. Veja a seguir algumas dicas que podem nos ajudar muito:
1. Muitas pessoas costumam usar amuletos para evitar as energias negativas. Embora muitos não acreditem em sua eficiência, na verdade, esses objetos são receptores de energias desarmoniosas, absorvendo-as e neutralizando-as. Mas são de pouca valia caso a pessoa que a porta esteja vibrando no mal ou com baixa autoestima.
2. Deixar a ingenuidade de lado também é muito útil nessas horas. Com um pouco de conhecimento, prática e atenção é possível começar a pressentir as intenções dos outros para não sermos pegos de surpresa. Isso não significa ser malicioso e apenas ver o mal em tudo e em todos, mas com um pouco de sensibilidade aprenderemos a nos posicionar de forma correta em cada situação, nos abrindo para quem merece nossa confiança e nos colocando em posição de defesa com relação àqueles que não nos inspiram bons agouros. O segredo é não nos deixar levar pela aparência e somente pela razão; a intuição também conta muito nesses casos, além de uma observação muito apurada. A partir daí, vamos selecionar nossos amigos, saber a quem confiar nossos segredos e, principalmente, determinar quem deve ou não frequentar a nossa casa. Costumo trabalhar muito esse aspecto nos meus cursos de bioenergias.
3. Outra boa dica é o uso da visualização criativa e do mentalismo. Imagine-se envolto em luz dourada, que o torna invulnerável às investidas do invejoso. Aproveite também para mandar um pouco de luz para ele, afinal, a generosidade é uma energia que nos protege. Faça o mesmo com a sua casa, animais e objetos de valor. O azul é outra cor muito boa para proteção – a cor do arcanjo Miguel.
4. Mas, em se tratando de olho gordo, o mais importante é a postura da pessoa diante do fato. Seres de vontade fraca, indecisas, medrosos, supersticiosas, que não se julgam merecedoras de felicidade são alvos fáceis para o invejoso. O fortalecimento interior é a melhor arma contra as investidas externas.
5. Outro aspecto importante é a naturalidade. Nada de esconder o carro novo, a promoção merecida e muito menos os seus dons pessoais; nunca use de falsa modéstia, assuma com firmeza e merecimento as suas riquezas. Por outro lado, também não caia no outro extremo, saindo por aí exibindo-se e atiçando a inveja dos outros. Repito: a naturalidade aliada à segurança do senso de merecimento nos protegem da inveja alheia.
6. Nunca olhe para o invejoso com medo ou se sentindo inferior a ele em termos de poder. Lembre-se que quem tem inveja é porque não é feliz e não tem a capacidade de conquistar o que deseja. A sua firmeza é que vai te proteger, e o medo só dará forças ao invejoso. Use e abuse do senso de humor. A alegria aliada à presença de espírito (sem agressividade) cortam o padrão vibratório do invejoso, deixando-o sem ação. E não se esqueça: nunca tenha vergonha ou culpa por ser feliz.

Vera Caballero


FONTE: http://universonatural.wordpress.com/2013/07/30/olho-gordo/

ESCOLINHA DE FUTSAL DA A.J.A

IDHM 2013 (Índice de Desenvolvimento Humano Municipal) DE ARACOIABA

Caracterização do território

Área
658,39 km²
IDHM 2010
0,615
Faixa do IDHM
Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699)
População (Censo 2010)
25391 hab.
Densidade demográfica
38,59 hab/km²
Ano de instalação
1933
Microrregião
Baturité
Mesorregião
Norte Cearense
IDHM
RendaLongevidadeEducação199120002010
IDHM
0,319
0,451
0,615
Componentes
O Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) de Aracoiaba é 0,615, em 2010. O município está situado na faixa de Desenvolvimento Humano Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699). Entre 2000 e 2010, a dimensão que mais cresceu em termos absolutos foi Educação (com crescimento de 0,241), seguida por Longevidade e por Renda. Entre 1991 e 2000, a dimensão que mais cresceu em termos absolutos foi Educação (com crescimento de 0,171), seguida por Longevidade e por Renda.
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal e seus componentes - Aracoiaba - CE
IDHM e componentes199120002010
IDHM Educação0,1440,3150,556
% de 18 anos ou mais com ensino fundamental completo10,6019,6436,79
% de 5 a 6 anos frequentando a escola43,9686,6796,38
% de 11 a 13 anos frequentando os anos finais do ensino fundamental11,1650,7282,28
% de 15 a 17 anos com ensino fundamental completo7,1014,6259,70
% de 18 a 20 anos com ensino médio completo4,697,9035,08
IDHM Longevidade0,5370,6320,759
Esperança de vida ao nascer (em anos)57,2062,9070,56
IDHM Renda0,4180,4620,550
Renda per capita (em R$)108,11141,98245,24
Evolução
Entre 2000 e 2010
O IDHM passou de 0,451 em 2000 para 0,615 em 2010 - uma taxa de crescimento de 36,36%. O hiato de desenvolvimento humano, ou seja, a distância entre o IDHM do município e o limite máximo do índice, que é 1, foi reduzido em 29,87% entre 2000 e 2010.
Entre 1991 e 2000
O IDHM passou de 0,319 em 1991 para 0,451 em 2000 - uma taxa de crescimento de 41,38%. O hiato de desenvolvimento humano, ou seja, a distância entre o IDHM do município e o limite máximo do índice, que é 1, foi reduzido em 19,38% entre 1991 e 2000.
Entre 1991 e 2010
Aracoiaba teve um incremento no seu IDHM de 92,79% nas últimas duas décadas, acima da média de crescimento nacional (47,46%) e acima da média de crescimento estadual (68,40%). O hiato de desenvolvimento humano, ou seja, a distância entre o IDHM do município e o limite máximo do índice, que é 1, foi reduzido em 43,47% entre 1991 e 2010.
Evolução do IDHM - Aracoiaba - CEAracoiabaMaior (IDHM)Menor (IDHM)Média do BrasilMédia doEstado: Ceará1990200020100,00,10,20,30,40,50,60,70,80,91,0
Taxa de CrescimentoHiato de Desenvolvimento
Entre 1991 e 2000+ 41,38%+ 19,38%
Entre 2000 e 2010+ 36,36%+ 29,87%
Entre 1991 e 2010+ 92,79%+ 43,47%
Ranking
Aracoiaba ocupa a 3796ª posição, em 2010, em relação aos 5.565 municípios do Brasil, sendo que 3795 (68,19%) municípios estão em situação melhor e 1.770 (31,81%) municípios estão em situação igual ou pior. Em relação aos 184 outros municípios de Ceará, Aracoiaba ocupa a 87ª posição, sendo que 86 (46,74%) municípios estão em situação melhor e 98 (53,26%) municípios estão em situação pior ou igual.
Demografia e Saúde
População
Entre 2000 e 2010, a população de Aracoiaba teve uma taxa média de crescimento anual de 0,54%. Na década anterior, de 1991 a 2000, a taxa média de crescimento anual foi de 0,75%. No Estado, estas taxas foram de 1,01% entre 2000 e 2010 e 1,02% entre 1991 e 2000. No país, foram de 1,01% entre 2000 e 2010 e 1,02% entre 1991 e 2000. Nas últimas duas décadas, a taxa de urbanização cresceu 16,22%.
População Total, por Gênero, Rural/Urbana e Taxa de Urbanização - Aracoiaba - CE
PopulaçãoPopulação (1991)% do Total (1991)População (2000)% do Total (2000)População (2010)% do Total (2010)
População total22.508100,0024.064100,0025.391100,00
Homens11.50751,1212.24550,8912.78850,36
Mulheres11.00148,8811.81949,1112.60349,64
Urbana10.47846,5512.20550,7213.73754,10
Rural12.03053,4511.85949,2811.65445,90
Taxa de Urbanização-46,55-50,72-54,10
Estrutura Etária
Entre 2000 e 2010, a razão de dependência de Aracoiaba passou de 73,96% para 56,29% e o índice de envelhecimento evoluiu de 8,04% para 9,45%. Entre 1991 e 2000, a razão de dependência foi de 89,67% para 73,96%, enquanto o índice de envelhecimento evoluiu de 6,86% para 8,04%.

O que é razão de
dependência?

população de menos
de 14 anos e de 65 anos
(população dependente)
ou mais em relação à
população de 15 a 64 anos
(população potencialmente ativa)
O que é índice de
envelhecimento?

população de 65 anos
ou mais em relação à
população de menos
de 15 anos
Estrutura Etária da População - Aracoiaba - CE
Estrutura EtáriaPopulação (1991)% do Total (1991)População (2000)% do Total (2000)População (2010)% do Total (2010)
Menos de 15 anos9.09640,418.29634,476.74626,57
15 a 64 anos11.86752,7213.83357,4816.24663,98
65 anos ou mais1.5456,861.9358,042.3999,45
Razão de dependência89,670,4073,960,3156,290,22
Índice de envelhecimento-6,86-8,04-9,45
1991
Pirâmide etária - Aracoiaba - CE
Distribuição por Sexo, segundo os grupos de idade
HomensMulheres10505100 a 45 a 910 a 1415 a 1920 a 2425 a 2930 a 3435 a 3940 a 4445 a 4950 a 5455 a 5960 a 6465 a 6970 a 7475 a 7980 e +
2000
Pirâmide etária - Aracoiaba - CE
Distribuição por Sexo, segundo os grupos de idade
HomensMulheres10505100 a 45 a 910 a 1415 a 1920 a 2425 a 2930 a 3435 a 3940 a 4445 a 4950 a 5455 a 5960 a 6465 a 6970 a 7475 a 7980 e +
2010
Pirâmide etária - Aracoiaba - CE
Distribuição por Sexo, segundo os grupos de idade
HomensMulheres10505100 a 45 a 910 a 1415 a 1920 a 2425 a 2930 a 3435 a 3940 a 4445 a 4950 a 5455 a 5960 a 6465 a 6970 a 7475 a 7980 e +
Longevidade, mortalidade e fecundidade
A mortalidade infantil (mortalidade de crianças com menos de um ano) em Aracoiaba reduziu 58%, passando de 60,3 por mil nascidos vivos em 2000 para 24,8 por mil nascidos vivos em 2010. Segundo os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio das Nações Unidas, a mortalidade infantil para o Brasil deve estar abaixo de 17,9 óbitos por mil em 2015. Em 2010, as taxas de mortalidade infantil do estado e do país eram 19,3 e 16,7 por mil nascidos vivos, respectivamente.
Longevidade, Mortalidade e Fecundidade - Aracoiaba - CE
199120002010
Esperança de vida ao nascer (em anos)57,262,970,6
Mortalidade até 1 ano de idade (por mil nascidos vivos)84,160,324,8
Mortalidade até 5 anos de idade (por mil nascidos vivos)108,976,926,7
Taxa de fecundidade total (filhos por mulher)5,43,52,3
A esperança de vida ao nascer é o indicador utilizado para compor a dimensão Longevidade do Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM). Em Aracoiaba, a esperança de vida ao nascer aumentou 13,4 anos nas últimas duas décadas, passando de 57,2 anos em 1991 para 62,9 anos em 2000, e para 70,6 anos em 2010. Em 2010, a esperança de vida ao nascer média para o estado é de 72,6 anos e, para o país, de 73,9 anos.
Educação
Crianças e Jovens

A proporção de crianças e jovens frequentando ou tendo completado determinados ciclos indica a situação da educação entre a população em idade escolar do município e compõe o IDHM Educação.

No período de 2000 a 2010, a proporção de crianças de 5 a 6 anos na escola cresceu 11,20% e no de período 1991 e 2000, 97,16%. A proporção de crianças de 11 a 13 anos frequentando os anos finais do ensino fundamental cresceu 62,22% entre 2000 e 2010 e 354,48% entre 1991 e 2000.

A proporção de jovens entre 15 e 17 anos com ensino fundamental completo cresceu 308,34% no período de 2000 a 2010 e 105,92% no período de 1991 a 2000. E a proporção de jovens entre 18 e 20 anos com ensino médio completo cresceu 344,05% entre 2000 e 2010 e 68,44% entre 1991 e 2000.
Fluxo Escolar por Faixa Etária - Aracoiaba - CE199120002010% de 5 a 6 anosfrequentando aescola% de 11 a 13anosfrequentando osanos finais doensinofundamental% de 15 a 17anos com ensinofundamentalcompleto% de 18 a 20anos com ensinomédio completo0255075100
Fluxo Escolar por Faixa Etária - Aracoiaba - CE - 2010AracoiabaEstado: CEBrasil% de 5 a 6 anosna escola% de 11 a 13anos nos anosfinais dofundamental oucom fundamentalcompleto% de 15 a 17anos comfundamentalcompleto% de 18 a 20anos com médiocompleto20406080100

Em 2010, 58,69% dos alunos entre 6 e 14 anos de Aracoiaba estavam cursando o ensino fundamental regular na série correta para a idade. Em 2000 eram 43,43% e, em 1991, 15,53%. Entre os jovens de 15 a 17 anos, 29,16% estavam cursando o ensino médio regular sem atraso. Em 2000 eram 2,82% e, em 1991, 0,70%. Entre os alunos de 18 a 24 anos, 3,30% estavam cursando o ensino superior em 2010, 0,46% em 2000 e 1,01% em 1991.

Nota-se que, em 2010 , 3,52% das crianças de 6 a 14 anos não frequentavam a escola, percentual que, entre os jovens de 15 a 17 anos atingia 23,13%.
Frequência escolar de 6 a 14 anos - Aracoiaba - CE - 2010Não frequenta (3,52%)Fundamental sem atraso(58,69%)Fundamental com um ano deatraso (17,55%)Fundamental com dois anosde atraso (14,21%)No ensino médio (1,81%)Outros (4,22%)14.2%17.5%58.7%
Frequência escolar de 15 a 17 anos - Aracoiaba - CE - 2010Não frequenta (23,13%)No ensino médio sem atraso(29,16%)No ensino médio com umano de atraso (10,97%)No ensino médio com doisanos de atraso (2,78%)Frequentando o fundamental(24,67%)Outros (9,29%)23,13%9,29%24,67%10,97%29,16%
Frequência escolar de 18 a 24 anos - Aracoiaba - CE - 2010Não frequenta (79,28%)Frequentando o cursosuperior (3,30%)Frequentando o fundamental(3,11%)Frequentando o ensinomédio (6,66%)Outros (7,65%)7,65%79,28%
População Adulta
A escolaridade da população adulta é importante indicador de acesso a conhecimento e também compõe o IDHM Educação.

Em 2010, 36,79% da população de 18 anos ou mais de idade tinha completado o ensino fundamental e 20,93% o ensino médio. Em Ceará, 48,83% e 32,05% respectivamente. Esse indicador carrega uma grande inércia, em função do peso das gerações mais antigas e de menos escolaridade.

A taxa de analfabetismo da população de 18 anos ou mais diminuiu 24,26% nas últimas duas décadas.

ComfundamentalcompletoMédio completoSuperiorcompletoAnalfabetosOutros30.1%62%
8.4%38.5%46.4%
11.9%13.9%32.3%38.1%
Anos Esperados de Estudo
Os anos esperados de estudo indicam o número de anos que a criança que inicia a vida escolar no ano de referência tende a completar. Em 2010, Aracoiaba tinha 9,46 anos esperados de estudo, em 2000 tinha 8,46 anos e em 1991 6,08 anos. Enquanto que Ceará, tinha 9,82 anos esperados de estudo em 2010, 8,22 anos em 2000 e 6,27 anos em 1991.

Renda
A renda per capita média de Aracoiaba cresceu 126,84% nas últimas duas décadas, passando de R$108,11 em 1991 para R$141,98 em 2000 e R$245,24 em 2010. A taxa média anual de crescimento foi de 31,33% no primeiro período e 72,73% no segundo. A extrema pobreza (medida pela proporção de pessoas com renda domiciliar per capita inferior a R$ 70,00, em reais de agosto de 2010) passou de 58,20% em 1991 para 41,62% em 2000 e para 23,00% em 2010.

A desigualdade diminuiu: o Índice de Gini passou de 0,56 em 1991 para 0,56 em 2000 e para 0,51 em 2010.

O que é Índice de Gini?
É um instrumento usado para medir
o grau de concentração de renda.
Ele aponta a diferença entre os
rendimentos dos mais pobres e dos
mais ricos. Numericamente, varia
de 0 a 1, sendo que 0 representa
a situação de total igualdade, ou seja,
todos têm a mesma renda, e o valor
1 significa completa desigualdade
de renda, ou seja, se uma só pessoa
detém toda a renda do lugar.
Renda, Pobreza e Desigualdade - Aracoiaba - CE
199120002010
Renda per capita (em R$)108,11141,98245,24
% de extremamente pobres
58,2041,6223,00
% de pobres
83,1569,1042,69
Índice de Gini0,560,560,51
Porcentagem da Renda Apropriada por Estratos da População - Aracoiaba - CE
199120002010
20% mais pobres
3,472,302,30
40% mais pobres
10,839,049,98
60% mais pobres
21,8621,0423,77
80% mais pobres
39,2041,0446,60
20% mais ricos
60,8058,9653,40
Trabalho

Taxa de Atividade e de Desocupação 18 anos ou mais - 2010
45.6%54.4%
DesocupadosOcupados2010
Entre 2000 e 2010, a taxa de atividade da população de 18 anos ou mais (ou seja, o percentual dessa população que era economicamente ativa) passou de 52,12% em 2000 para 54,44% em 2010. Ao mesmo tempo, sua taxa de desocupação (ou seja, o percentual da população economicamente ativa que estava desocupada) passou de 7,89% em 2000 para 5,89% em 2010.
Ocupação da população de 18 anos ou mais - Aracoiaba - CE
20002010
Taxa de atividade52,1254,44
Taxa de desocupação7,895,89
Grau de formalização dos ocupados - 18 anos ou mais23,8922,60
Nível educacional dos ocupados
% dos ocupados com fundamental completo22,5040,82
% dos ocupados com médio completo13,8026,05
Rendimento médio
% dos ocupados com rendimento de até 1 s.m.88,8864,65
% dos ocupados com rendimento de até 2 s.m.96,3494,43
Em 2010, das pessoas ocupadas na faixa etária de 18 anos ou mais, 48,93% trabalhavam no setor agropecuário, 0,33% na indústria extrativa, 5,86% na indústria de transformação, 7,46% no setor de construção, 1,15% nos setores de utilidade pública, 7,28% no comércio e 25,98% no setor de serviços.

Habitação
Indicadores de Habitação - Aracoiaba - CE
199120002010
% da população em domicílios com água encanada14,2119,3265,97
% da população em domicílios com energia elétrica59,0990,4298,88
% da população em domicílios com coleta de lixo. *Somente para população urbana.49,4266,2976,91
Vulnerabilidade social
Vulnerabilidade Social - Aracoiaba - CE
Crianças e Jovens199120002010
Mortalidade infantil84,1060,3024,80
% de crianças de 4 a 5 anos fora da escola-20,515,90
% de crianças de 6 a 14 anos fora da escola30,365,513,52
% de pessoas de 15 a 24 anos que não estudam nem trabalham e são vulneráveis à pobreza
-25,6524,68
% de mulheres de 10 a 14 anos que tiveram filhos0,620,000,00
% de mulheres de 15 a 17 anos que tiveram filhos2,504,656,10
Taxa de atividade - 10 a 14 anos (%)-8,4714,65
Família
% de mães chefes de família sem fundamental completo e com filhos menores de 15 anos11,2018,0130,28
% de pessoas em domicílios vulneráveis à pobreza e dependentes de idosos10,0110,146,32
% de crianças extremamente pobres
70,0756,1534,10
Trabalho e Renda
% de vulneráveis à pobreza
92,8487,3268,61
% de pessoas de 18 anos ou mais sem fundamental completo e em ocupação informal-74,9459,17
Condição de Moradia
% de pessoas em domicílios com abastecimento de água e esgotamento sanitário inadequados57,4047,6026,69

FONTE:
http://www.atlasbrasil.org.br/2013/perfil/aracoiaba_

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK