PROCURANDO POR ALGO?

domingo, 19 de janeiro de 2014

A origem do rolezinho

A origem do rolezinho

Como começou a onda que se tornou o assunto do país, preocupa os governantes e provocou discussão até no Palácio do Planalto

ALINE RIBEIRO E RAFAEL CISCATI, COM LEANDRO LOYOLA E ALINE IMERCIO
>> Trecho da reportagem de capa de ÉPOCA desta semana
Quem chega de metrô a Itaquera, no extremo leste da cidade de São Paulo, avista da janela do trem o Itaquerão. O estádio, que receberá a partida de abertura da Copa do Mundo de 2014, em 12 de junho, dá as boas-vindas a quem visita o bairro – e deverá se transformar, ao longo dos próximos meses, numa das imagens mais conhecidas do Brasil fora do país. A seu redor, Itaquera, lar de mais de 204 mil paulistanos, sofre profundas transformações. Além das obras do estádio, o aumento do poder de compra da nova classe média alterou a fisionomia do lugar. Atraído pelo novo momento econômico, o Shopping Metrô Itaquera foi o primeiro grande empreendimento a surgir na região, em 2007. Na semana passada, porém, a área comercial de 43.000 metros quadrados, erguida de frente para a arena, ganhou o noticiário de forma totalmente inesperada – sem nenhuma ligação com a Copa ou com a prosperidade da nova classe média. A palavra que saiu de Itaquera e ganhou o país foi “rolezinho”.
Foi assim: 6 mil jovens, a maioria deles com idade entre 14 e 17 anos, responderam pelo Facebook a um convite para se reunir e ouvir funk ostentação – variante do ritmo que exalta o consumo e as roupas de grife – no estacionamento do Shopping Metrô Itaquera, em 7 de dezembro. O shopping é o principal ponto de lazer da região. É ali que os adolescentes se encontram corriqueiramente, para ver os amigos, comer no McDonalds e ir ao cinema. Quando a reunião no estacionamento começou, a segurança do shopping tentou dispersar a garotada. Mas eles, em lugar de ir embora, rumaram para o interior do prédio. Quem lá estava pensou tratar-se de um arrastão, e a confusão se instalou. E os brasileiros ouviram falar pela primeira vez do rolezinho, um fenômeno cultural que ocorre rotineiramente na periferia de São Paulo e que, até então, havia passado despercebido. Depois da correria no Shopping Metrô Itaquera, tudo mudou. O rolezinho foi sequestrado ideologicamente e virou palavra de ordem. Radicais de um lado viram uma tentativa de integração forçada dos excluídos. Radicais do outro lado tomaram o grupo de jovens como uma ameaça social, um exemplo de baderna a ser contida – pela força, se necessário. A rigor, não se trata nem de uma coisa nem de outra.

CASAL QUE BOMBA Luana Thalia e Daniel Santos, ambos de 16 anos. Antes dos rolezinhos eles já eram ídolos e atraíam fãs (à esq.) ao shopping (Foto: Marcelo Min/Fotogarrafa/ÉPOCA)
O rolezinho, segundo ÉPOCA apurou em longas conversas com seus participantes e organizadores, é um encontro de jovens marcado pelas redes sociais. Preferencialmente o Facebook. Pela rede social, milhares deles combinam uma data para ir ao shopping “curtir, tumultuar e tirar várias fotos”. O rolezinho começa na internet, e toda a sua mecânica depende da rede. Quem cria o evento – geralmente um garoto desconhecido – se ocupa de convidar gente famosa no bairro: meninas e meninos cujos perfis na rede social têm até dezenas de milhares de seguidores, que são chamados de “ídolos”. “Para funcionar, o rolezinho precisa ter o ídolo”, diz Matheus Lucas Bernardo, de 16 anos e mais de 30 mil fãs virtuais no Facebook. “Se chamar o ídolo, as meninas virão. E os meninos virão atrás das meninas.” Matheus foi ao shopping encontrar as garotas que o assediam nas redes sociais, suas fãs. Basta passear pelas fotos do garoto no Facebook para cruzar com declarações apaixonadas das meninas, que elogiam cada comentário que ele publica: “Elas me dão presentes. Uma já mandou um tênis de R$ 600”, diz ele. Com outros dois amigos, foi aos dois eventos marcados no Shopping Metrô Itaquera, mas diz que não quer mais participar – durante o último rolezinho, o boné de um amigo dele foi furtado.
>> Continue lendo esta reportagem em ÉPOCA desta semana para saber mais sobre esses jovens. Entre eles, o casal acima: Luana e Daniel, ídolos dos adolescentes que se divertem nos rolezinhos.

FONTE: ÉPOCA GLOBO

Mão elástica faz você esquecer tudo o que sabe sobre ossos

Mão elástica faz você esquecer tudo o que sabe sobre ossos

Sem esforço nenhum a mão dele consegue dobrar todos os dedos ao contrário
19/01/2014 - 09:52
Mão Elástica
Mão Elástica
Foto: Reprodução/Videolog
Você acha que já viu de tudo nessa vida, quando um cara mostra que, sem esforço nenhum a mão dele consegue dobrar todos os dedos ao contrário, como se fosse a coisa mais normal do mundo.
Quem encontrou essa vídeo da façanha foi a equipe do Balanço Geral. O próprio Geraldo fala mais sobre o caso.
Veja vídeo: VEJA O LINK ABAIXO
FONTE: r7


FONTE: MEIO NORTE

Conheça algumas regras para a realização de concursos públicos

A dúvida geral é saber quais são os direitos e os deveres de candidatos, órgãos públicos e instituições organizadoras.
19/01/2014 - 09:20
Concursos
Concursos
Foto: Divulgação
Fatos como o cancelamento do edital de seleção para seis mil vagasna Polícia Militar do Rio e uma ação judicial que pode atrasar o processo seletivo do Correios acenderam um alerta para os concurseiros, na última semana. A dúvida geral é saber quais são os direitos e os deveres de candidatos, órgãos públicos e instituições organizadoras. Por isso, o Vida Ganha reuniu aqui algumas respostas.
Os especialistas e os advogados defendem a criação de uma lei geral ou um estatuto dos concursos porque, na prática, a Constituição de 1988 determinou que o ingresso no serviço público fosse feito por meritocracia (provas), mas deixou lacunas que foram, com o tempo, preenchidas por decretos, resoluções e portarias.
- Tudo o que tem sido feito sobre concursos parte de decisões de tribunais. O Congresso Nacional, em 25 anos, ainda não teve tempo e interesse de aprovar uma lei. Com isso, as bancas e os órgãos continuam praticamente livres para fazerem o que entendem - diz o advogado Sérgio Camargo.
Lei geral dos concursos está tramitando no Congresso Nacional
No Estado do Rio, há alguns decretos, mas ações judiciais criaram inconsistências: enquanto para concorrer a soldado da PM é preciso ter, no máximo, 30 anos, o Corpo de Bombeiros retirou essa limitação de idade do edital da última seleção de combatente, após uma ação do Ministério Público (MP) estadual. Nos dois casos, porém, os salários são semelhantes.
Na Prefeitura do Rio, desde 2010, há uma resolução com o objetivo de dar mais segurança aos candidatos. Para a coordenadora da Coordenadoria Geral de Gestão de Talentos da Secretaria municipal de Administração, Carla Scheer, a medida proporciona maior segurança aos interessados.
- O candidato que opta por um concurso da Prefeitura do Rio tem a oportunidade de participar de um certame bem elaborado e preocupado com a transparência e a segurança em todos os sentidos - afirma
CONFIRA O QUE ESTÁ VALENDO NOS CONCURSOS ATUAIS
QUE LEI REGE OS CONCURSOS?
O Artigo 37 da Constituição Federal determina que, para assumir um cargo público, é preciso ser aprovado num concurso de provas ou de provas e títulos. O Decreto 6.944/2009 e Portaria MP 450/2002 norteiam as seleções federais. Na Prefeitura do Rio, é a Resolução 1.640/2010. No Estado do Rio, o Decreto 43.876/2012
ISENÇÃO DA TAXA
Participantes do Cadastro Único – membros de famílias de baixa renda, com ‑ ganho mensal por pessoa de até meio salário mínimo (R$ 362) ou que tenham renda familiar de até três pisos (R$ 2.172) – não pagam taxas em seleções federais. No estado e na Prefeitura do Rio, o benefício vale para quem comprovar que não pode arcar com a taxa
VALOR DA TAXA DE INSCRIÇÃO
No Estado do Rio, o custo não pode passar de 5% do valor da remuneração do cargo
POSTO DE INSCRIÇÃO
Nas seleções estaduais, é proibida a restrição de inscrições apenas por internet ou Correios. Os órgãos também precisam dar a opção de cadastro presencial. Nas demais esferas, não há determinação
VALIDADE DO CONCURSO
A Constituição de 1988 determina que os concursos podem ter até dois anos de validade. Esse prazo pode ser prorrogado uma única vez
BANCA ORGANIZADORA
A escolha segue a Lei das Licitações. Em caso de urgência, pode haver uma dispensa de licitação. Um decreto estadual estabelece que a comissão organizadora e a banca não podem ser formadas por integrantes de cursos preparatórios
PRAZO MÍNIMO ENTRE O EDITAL E A PROVA
Nos concursos federais, o prazo é de 60 dias. Na Prefeitura do Rio, também precisa ser de, pelo menos, 60 dias, mas pode ser alterado em caso de urgência. No estado, o limite mínimo é de 30 dias
RESERVA DE VAGAS PARA ÍNDIOS E NEGROS
O governo federal aprovou uma lei prevendo que 20% das vagas sejam reservadas a negros e índios. O texto precisa ser sancionado pela presidente Dilma. No governo do estado e na Prefeitura do Rio, a medida já vale para quem se autodeclarar negro ou índio no ato da inscrição
RESERVA DE VAGAS PARA DEFICIENTES
A legislação prevê que no mínimo 5% e no máximo 20% das vagas sejam reservadas para pessoas com deficiência
PROVAS
A Constituição de 1988 determina que os concursos podem ser compostos por provas ou provas e análise de títulos
CADASTRO DE RESERVA
Atualmente, não há regras que proíbam concursos federais, estaduais e municipais apenas para a formação de cadastro de reserva
CONVOCAÇÃO
Os tribunais superiores são unânimes: os candidatos aprovados dentro do número de vagas têm direito à nomeação. Os aprovados além do limite só têm a expectativa de convocação
ABERTURA DE NOVO CONCURSO
Decisões judiciais trataram do assunto. Os órgãos federais até abrem um concurso com outro ainda válido, mas só podem convocar os novos aprovados após esse período. No Estado do Rio, a medida é proibida pelo Decreto 43.87
FONTE: Extra


FONTE: MEIO NORTE

Poucas cores nas camisas em 2014

TENDÊNCIA

Poucas cores nas camisas em 2014

19.01.2014

Para a Copa de 2014, a Adidas lançou uniformes de um cor só. Tradicionais uniformes foram bastante modificados.

A Alemanha se vestirá toda de branco. Espanha e Rússia, inteiramente de vermelho. O Japão, todo de azul.

Camisa da França já nas Eliminatórias Europeias já seguia tendência de uma única cor em destaque. FOTO: REUTERS

A Colômbia manteve a camisa amarela, mas trocou o calção azul e os meiões vermelhos por peças brancas. A Argentina também terá toda branca a parte de baixo do seu fardamento.

Essa tendência ao uso de poucas cores coincide com as determinações da Fifa para que cada seleção não vista qualquer peça de cor parecida com a da roupa do seu adversário.

Adidas e Fifa, aliás, anunciaram em novembro a renovação até 2030 do seu vínculo, que vigora desde 1970. A empresa produz as bolas oficiais das competições da entidade, produtos oficiais e roupas dos voluntários.

Entretanto, marcas concorrentes conseguem ser lembradas pelo público dos eventos patrocinados. Nike, Adidas e Puma dominam uniformes das seleções nas Copas do Mundo. Enquanto a rival Nike aumentou suas vendas em 8%, a Adidas amargou queda de 7% no terceiro trimestre de 2013 por causa da alta do euro em relação ao dólar, e seu faturamento diminuiu 6% na Europa.

A multinacional americana, que tem no Brasil seu terceiro maior mercado, pretende aumentar seu comércio em 42% para 2017. 

FONTE: DIÁRIO DO NORDESTE

Dicas e orientações para esportistas

LIVRO

Dicas e orientações para esportistas

19.01.2014

Ser atleta de fim de semana ou mesmo profissional pode trazer tanto problemas quanto benefícios à saúde
A prática esportiva, quando não orientada por um profissional, aliada à alimentação desregrada, pode trazer sério problemas à saúde. E ser atleta profissional, então, requer ainda mais cuidado com o corpo. Para orientar novos e experientes atletas o especialista em medicina esportiva José Roberto Campos de Barros adianta as novidades da 2ª edição do livro "Medicina do esporte para iniciantes e atletas".

Livro do médico José Roberto Campos de Barros é publicado pela editora da Universidade Federal do Ceará (UFC) e traz orientações e sugestões para quem gosta ou quer realizar alguma atividade física. Foto: Levi de Freitas
O trabalho do médico é baseado em suas experiências como profissional do Ceará e do Fortaleza. O livro, conta, pretende orientar os aficionados por praticar esportes. "O livro é voltado para quem gosta de fazer atividade física. É um guia para quem quer começar ou já é um praticante, quer seja profissional ou amador", explica, frisando que os textos são acessíveis a todos. "Qualquer um está capacitado a ler. É um livro bastante acessível, de fácil compreensão".

Espectador insone

TELEVISÃO

Espectador insone

19.01.2014

No ar como o Rafael em "Amor à vida", Rainer Cadete é fã de Ana Maria Braga e clipes que passam na madrugada
Quais são suas atrações preferidas na televisão?

Adoro o "Programa do Jô" e o "Altas horas". Também assisto as minisséries e programas especiais de fim de ano. Eu me envolvo e torço pelos participantes "The Voice" e também no quadro do Faustão, "Dança dos Famosos". Outro dia realizei o sonho de tomar café da manhã com a Ana Maria Braga e troquei muita ideia com o Louro José. Me lembro que quando era pequeno, ria com as vídeo cassetadas do Faustão.

Em "Amor à Vida", o ator vive um advogado que vive um romance com a jovem autista interpretada por Bruna Linzmeyer

O que não perde de jeito nenhum?
No momento, não perco um capítulo de "Amor à vida".

Um momento emocionante na TV?

Minha estreia na televisão fazendo o Malvino Salvador jovem na novela "Caras e bocas", que está sendo reprisada no "Vale a pena ver de novo".

Qual o programa que te faz lembrar da sua infância?
Gostava muito da "TV Colosso", me divertia com a Fada Bela (Angélica) em "Caça talentos". E viajava junto com as história do "Castelo Rá-Tim-Bum". Sem contar meus desenhos prediletos, "Caverna do Dragão" e "X-Men".

Séries preferidas?

"The good wife", "True blood", "Heroes" e "Spartacus".

Quando está de insônia?
Tenho dificuldade para dormir. E gosto, porque é quando tenho tempo de assistir clipes e ouvir músicas. Alimento minha alma com bastante MPB. 

Golpistas de bom coração

NOVELA

Golpistas de bom coração

19.01.2014

Mãe e filho em "Amor à vida", Françoise Forton e Emilio Orciollo Netto falam sobre personagens, que cresceram na reta final da trama.

Mãe e filho que começaram "Amor à vida" doidos para dar um golpe em alguém para se dar bem, Gigi e Murilo acabaram conseguindo até mais na novela das 21h de Walcyr Carrasco: embalados por um núcleo cômico de sucesso capitaneado por Tatá Werneck e Elizabeth Savalla, os personagens de Françoise Forton e Emilio Orciollo Netto caíram no gosto do público e ganharam espaço na trama. "Essa é minha quarta novela do Walcyr, temos uma parceria bacana. Quando ele me chamou, não sabia direito o que era, mas tinha certeza que vinha coisa boa. Sabia que, em algum momento, ele ia escrever para mim. Não deu outra, o personagem emplacou. Com novela é assim, a gente nunca sabe, tem que confiar cegamente no autor", opina Emilio.

Os atores Françoise Forton, Emilio Orciollo e Thavyne Ferrari no set de gravação. Foto: João Miguel Júnior
Um brother despachado

Na pele de Murilo, que de professor de etiqueta virou um candidato aplicado à vaga de participante do "BBB", ele diz que vive sendo chamado de "brother" na rua, com o sotaque carregado e o jeito fanfarrão que seu personagem usa. Emilio, aliás, caracteriza como inesquecível o inédito intercâmbio com a produção do reality:

IBGE: novo prazo de inscrição vai até amanhã

7.825 VAGAS

IBGE: novo prazo de inscrição vai até amanhã

19.01.2014
Após ser prorrogado, termina nesta segunda-feira (20) o prazo de inscrição para o concurso da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) que visa contratar, em âmbito nacional, 7.825 profissionais de níveis médio e superior, sendo 404 com necessidades especiais.

As oportunidades são temporárias e os contratos terão duração de 12 meses, com possibilidade de prorrogação de até 36 meses, segundo retificação divulgada pelo órgão.

Para se candidatar, os interessados devem acessar o site da Fundação Cesgranrio (www.cesgranrio.org.br), que organiza o certame. A taxa de participação custa entre R$ 19 e R$ 80. Candidatos relacionados no CadÚnico e que forem membros de família de baixa renda podem solicitar a isenção do pagamento no site.

A prova objetiva agora acontecerá no dia 23 de março.

Para a função de agente de pesquisas e mapeamento, que exige nível médio, há 7.600 ofertas espalhadas por todo o país. No Ceará, são 383 vagas para lotação em 15 municípios. O salário é de R$ 1.020.

Somente para a cidade do Rio de Janeiro foram abertas 180 ofertas para agente de pesquisas por telefone, 27 para analista censitário de geoprocessamento e 18 para supervisor de pesquisas. O primeiro cargo é de nível médio e os dois últimos de nível superior.

FONTE: DIÁRIO DO NORDESTE

Brasil repete erros de 64 anos atrás na organização

COPA DO MUNDO

Brasil repete erros de 64 anos atrás na organização

19.01.2014

Na Fifa desde 1975, o presidente Joseph Blatter disse na semana passada que o Brasil é o país com mais atrasos na organização de uma Copa do Mundo que ele já acompanhou.

A Copa das Confederações foi um teste em 2013 que ajudou a mostrar alguns desses problemas já identificados décadas atrás. FOTO: KID JÚNIOR
Restando cinco meses para o início do Mundial, o cenário atual é bem parecido com o de 64 anos atrás, quando o País se preparava para receber a Copa de 1950.

Assim como agora, há seis décadas, apesar do forte investimento de dinheiro público, as obras nos estádios também estavam atrasadas e a escolha das cidades-sede e os longos deslocamentos que seriam feitos pelas delegações dos países eram motivo de preocupação.

A CBD, antiga CBF, não colocou empecilhos na decisão da Fifa de adiar em um ano a competição. E, mesmo com 12 meses a mais para entregar os estádios, o Brasil conseguiu se complicar. Não havia exigências com transporte, aeroportos, hospitais ou outros itens de infraestrutura. O único pedido era estádios "padrão Fifa".

A Fifa somente pedia arquibancadas para no mínimo 20 mil torcedores, alambrados, cabines para a imprensa e autoridades e túneis interligando os vestiários ao gramado.

A Presidência da República chegou a formar a Comissão de Estádios, mas, mesmo assim, nenhum ficou pronto com antecedência - nem o Pacaembu, inaugurado em 1940, considerado moderno à época e que havia passado por uma ampla reforma, na época.

Prova do atraso nas obras foi dada no dia 22 de maio, quando se realizou o sorteio dos grupos da Copa em uma cerimônia no Palácio do Itamarati, no Rio de Janeiro. Por causa de problemas na construção dos estádios, as sedes não foram totalmente anunciadas no evento. 

FONTE: DIÁRIO DO NORDESTE

13 mil faixas e placas ilegais foram removidas

EM 2013

13 mil faixas e placas ilegais foram removidas

19.01.2014

Placas imobiliárias em locais proibidos são as propagandas irregulares mais comuns na Capital
Cartaz anunciando atrações, faixa com declaração de amor, placa em postes e árvores, panfletos no meio-fio, postes e calçadas pintadas são comumente vistos pelas a Cidade. O que muitas pessoas não sabem é que estas ações são consideradas crime ambiental, pois descaracterizam a paisagem urbana. Em 2013, foram removidos pela Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma) um total de 13.668 engenhos.

Inserção de cartazes, faixas e placas de forma irregular é considerada poluição visual e é passível de multa, conforme a legislação municipal. Foto: Bruno Gomes

Toda atividade que degrada a qualidade ambiental, seja construída ou natural, direta ou indiretamente, é nomeada poluição visual. Em ano de Copa do Mundo e eleições, a fiscalização dessa prática ilegal deve ser redobrada. A pintura de calçadas, ruas e muros irregularmente também se caracterizam como crime ambiental, e as pessoas responsáveis estão sujeitas a multas.

Mocinha de ‘Amor à vida’, Paolla Oliveira conta o que a tira do sério: ‘Falta de respeito e gente mal educada me irritam’



Do que são feitas as mocinhas? O vasto mundo da ficção é repleto delas e, no entanto, a fórmula permanece misteriosa. Quando os braços do público cismam em acolher vilões, vivê-las, por vezes, é uma tarefa ingrata. Mocinha em “Amor à vida”, Paolla Oliveira abraçou a causa, diz ter encontrado em Paloma o “carinho do público” e ressalta por duas vezes ao falar da personagem: “Estou num momento tão feliz”. Enquanto atores do mundo inteiro recorrentemente se debatem em torno de uma célebre indagação — “Ser ou não ser, eis a questão?” — ela, a seu modo, se apropria da frase shakespeariana. Sim, Paolla é:
quem tem sangue nas veias, como eu, acaba sendo vilã às vezes
Paolla Oliveira
— Se mocinha for ser uma pessoa honesta, bom caráter e que tenha sangue nas veias, eu sou uma mocinha, sim — avisa a atriz, de 31 anos, contando, em seguida, o outro lado da moeda: — Mas quem tem sangue nas veias, como eu, acaba sendo vilã às vezes. Hoje, por exemplo, eu fui vilã no trânsito. Não estava muito simpática, não (risos).
Paloma é a segunda mocinha da atriz no horário nobre — a primeira, Marina, de “Insensato coração” (2011), surgiu após a desistência de Ana Paula Arósio às vésperas do início das gravações. Com a trama de Walcyr Carrasco chegando ao fim — o último capítulo vai ao ar dia 31 —, ela se prepara para se despedir da personagem com a qual convive há um ano (a primeira reunião sobre o papel aconteceu em janeiro de 2013). Cada pensamento sobre a novela desemboca num elogio, num sentimento bom. Esse raciocínio, porém, flui de maneira natural e há motivos para isso: Paolla está satisfeita, de bem com a vida, não cogita o contrário.

com Paola

— Eu fui e sou muito feliz com a Paloma, é uma uma personagem de muitos conflitos. Houve momentos em que o público estranhou, principalmente quando ela desconfiou do amor de Bruno (Malvino Salvador). É uma mocinha diferente, não convencional, faz com que o público às vezes sinta raiva e, momentos depois, volte a amá-la. É bom chegar ao fim e ver as pessoas torcendo pelo casal — avalia Paolla, que se revelou uma ótima vilã em “Cama de gato” (2009), na pele de Verônica.
Maternidade
Tema clássico entre heroínas de diversas épocas, a maternidade — ou, no caso de Paloma, a ausência da filha — foi o fio condutor da trajetória da personagem. A atriz, que ainda não tem filhos, explica que se deixou levar por esse instinto para o papel.
— Eu batalhei para alcançar esse sentimento e fui muito feliz, venho de uma família muito maternal, as mulheres são muito presentes e eu tenho uma relação forte com a minha mãe, então, de alguma forma, foi fácil encontrar esse sentimento — diz Paolla, que reforça: — Tenho vontade, sim, de ter filhos, só não sei quando.


Paolla Oliveira: mocinha de “Amor à vida”


LEIA MAIS:
http://extra.globo.com/tv-e-lazer/mocinha-de-amor-vida-paolla-oliveira-conta-que-tira-do-serio-falta-de-respeito-gente-mal-educada-me-irritam-11337163.html


FONTE: EXTRA GLOBO

Reencontre-se

Nova publicação em Universo Natural

Reencontre-se

by José Batista de Carvalho
Reencontre-seVida, justaposição de opostos. Contraposição de dor e lirismo que se repartem, nos partem, até nos unificar na concepção maior do entendimento da singularidade inserida na universalidade. Até nos fazer sentir não apenas como o Verso do Uno indivisível, mas a própria expressão desse universo na poesia da vida.
O objetivo do meu trabalho é fazer você se sentir bem. É levar você ao bem-estar.
O QUE FAZER
Nós vamos buscar a paz em você. Para que você possa desfrutar sua vida com paz. Não em paz. Mas com paz. A paz que lhe dá serenidade para poder solucionar qualquer situação com segurança. Que vai despertar o sentir, o sentir que vale a pena. Que vai lhe mostrar que há muito mais do que rotina, monotonia e tédio entre a hora de acordar e a hora de ir dormir. A paz que restituirá o significado da sua vida, para que você não perca tempo correndo atrás de ilusões temporárias, e ao mesmo tempo lhe permita desfrutar de suas conquistas, com liberdade para poder expressar todos os seus talentos, seus dons, que são únicos, são divinos.

LEITURA ORANTE


Saudação
- A nós, a paz de Deus, nosso Pai,
a graça e a alegria de Nosso Senhor Jesus Cristo,
no amor e na comunhão do Espírito Santo.
- Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo!
Preparo-me para a Leitura, rezando:
Jesus Mestre,
ficai conosco,
aqui reunidos (pela grande rede da internet),
 para melhor meditar
e comungar com a vossa Palavra.

1. Leitura (Verdade)
O que diz o texto do dia?
Leio atentamente, na Bíblia, o Evangelho do Dia -    Jo 1,29-34 
 No dia seguinte, João viu Jesus vindo na direção dele e disse:
- Aí está o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo! Eu estava falando a respeito dele quando disse: "Depois de mim vem um homem que é mais importante do que eu, pois antes de eu nascer ele já existia." Eu mesmo não sabia quem ele era, mas vim, batizando com água para que o povo de Israel saiba quem ele é.
João continuou:
- Eu vi o Espírito descer do céu como uma pomba e parar sobre ele. Eu não sabia quem ele era, mas Deus, que me mandou batizar com água, me disse: "Você vai ver o Espírito descer e parar sobre um homem. Esse é quem batiza com o Espírito Santo." E eu vi isso e por esse motivo tenho declarado que ele é o Filho de Deus.
Vendo Jesus que vem em sua diração, João testemunha, reconhecendo Jesus com três títulos: Cordeiro de Deus, "Quem batiza com o Espírito Santo" e  Filho de Deus. É o Cordeiro de Deus que tem a missão do sacrifício para a expiação dos pecados.  É o que batiza com o Espírito Santo, despertando uma vida nova.  É o Filho de Deus de quem procede toda graça e salvação.

Evangelho do dia

Domingo, 19 de Janeiro de 2014.
Santo do dia: São Remígio de Rouen, Bispo
Cor litúrgica: verde
Evangelho de hoje: São João 1, 29-34
Primeira leitura: Isaías 49, 3.5-6
Leitura do livro do Profeta Isaías:

3O Senhor me disse: "Tu és o meu Servo, Israel, em quem serei glorificado". 5E agora diz-me o Senhor — ele que me preparou desde o nascimento para ser seu Servo - que eu recupere Jacó para ele e faça Israel unir-se a ele; aos olhos do Senhor esta é a minha glória. 6Disse ele: "Não basta seres meu Servo para restaurar as tribos de Jacó e reconduzir os remanescentes de Israel: eu te farei luz das nações, para que minha salvação chegue até aos confins da terra".

- Palavra do Senhor
- Graças a Deus

HORA DO RISO

Um carregador de água na Índia levava dois potes grandes, ambos pendurados em cada ponta de uma vara a qual ele carregava atravessada em seu pescoço.
Um dos potes tinha uma rachadura, enquanto o outro era perfeito e sempre chegava cheio de água no fim da longa jornada entre o poço e a casa do chefe;
o pote rachado chegava apenas pela metade. Foi assim por muito tempo.
Diariamente, o carregador entregando um pote e meio de água na casa de seu chefe. Claro, o...

Leia Mais!

MENSAGEM DO DIA


19/01 A fábula das garças


Em um recinto do zoológico foi oferecida a um bando de garças uma extraordinária abundância de alimentos. Para elas era o paraíso na terra. 

Contudo, tornou se um inferno: a ordem social e a vida familiar das brancas garças ficaram completamente abaladas. 

Enquanto a atividade sexual do bando crescia até mesmo a níveis grotescos, a prole diminuía sensivelmente. 

As aves adultas, que em liberdade viviam em severa monogamia, só pensavam em adultérios, poligamia, violência carnal e até incesto, guerra com os vizinhos e também em família. 

Sempre sangrando e enlameadas, pisavam nos ovos dos ninhos e deixavam morrer os filhotes. 
Os pequenos que conseguiam sobreviver não aprendiam a prover seu sustento. A única coisa que os ligava aos três ou quatro "pais" era o incessante pedido de alimento. 

Mesmo depois de adultos continuavam a perseguir os mais velhos até diante das vasilhas, sempre transbordantes de alimentos, pedindo com lamuriosa insistência, até que aqueles, para ter um pouco de paz, colocavam lhes alguma coisa no bico. 

Quando, depois, eles mesmos procriaram, não foram capazes de cuidar dos seus filhotes. 
E assim, os avós tiveram de alimentar, ao mesmo tempo, filhos e netos. 


Wendell Berry 
Do livro: A civilização da ternura - Paulinas


BOM FINAL DE SEMANA

    É fácil trocar as palavras,
    Difícil é interpretar os silêncios!
    É fácil caminhar lado a lado,
    Difícil é saber como se encontrar!
    É fácil beijar o rosto,
    Difícil é chegar ao coração!
    É fácil apertar as mãos,
    Difícil é reter o calor!
    É fácil sentir o amor,
    Difícil é conter sua torrente!

    Como é por dentro outra pessoa?
    Quem é que o saberá sonhar?
    A alma de outrem é outro universo
    Com que não há comunicação possível,
    Com que não há verdadeiro entendimento.

    Nada sabemos da alma
    Senão da nossa;
    As dos outros são olhares,
    São gestos, são palavras,
    Com a suposição
    De qualquer semelhança no fundo.

     
    Fernando Pessoa
     

Dois Homens

Dia: 19 de Janeiro de 2014

Meditação: … agitou-se no espírito e comoveu-se. […] Jesus chorou. (João 11:33,35)

Pensamento: A compaixão ajuda a curar as dores de outros.

Leitura: João 11:30-37.

Mensagem:
Dois Homens

            Em nossa cidade, dois homens foram mortos no mesmo dia. O primeiro, um policial, foi alvejado ao tentar ajudar uma família. O outro era um sem-teto que foi alvejado enquanto bebia com amigos na manhã daquele dia.
            Toda a cidade entrou em luto pelo policial. Ele era um jovem bom e se importava com os outros e era amado pela vizinhança a que servia. Alguns sem-teto ficaram de luto pelo amigo que amavam e perderam.

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK