PROCURANDO POR ALGO?

quarta-feira, 18 de março de 2015

Garota de programa conta detalhes de noite com Michael Phelps: "Xixi e calcinha"

ESPORTES
Em entrevista, a mulher contou que o nadador utilizou um nome falso para marcar o encontro
Da Redação (redacao@correio24horas.com.br)

(Foto: AFP)
O nadador americano Michael Phelps se envolveu em mais uma polêmica. Depois de ter um suposto caso com a hermafrodita Taylor Liane Johnson, no ano passado, o nome do nadador foi ligado a outro caso de romance.

Em entrevista ao programa National Enquirer, a garota de programa Kim Petro, de 36 anos, contou detalhes de uma noite que passou com Phelps no hotel The London, em Manhattan, nos Estados Unidos.
De acordo com Kim, na ocasião o americano estava usando uma calcinha por baixo do short e pediu para que ela realizasse um fetichechamado "chuva de prata", em que uma pessoa faz xixi na outra.
"Quando ele me falou para beber água antes de ir para o hotel, eu já sabia o porquê. Já ia ao banheiro mesmo... Ainda fui bem paga por isso. Quando terminei, ele ainda me perguntou se eu tinha gostado. Eu falei: 'É claro que sim! Quebrei as regras com um campeão olímpico'. Aí ele tirou a calcinha que estava usando", contou Kim. 

Kim contou detalhes do encontro com nadador.
(Foto: Reprodução)
A mulher conta ainda que recebeu 900 dólares pelo programa e que Phelps usou o nome falso de Fabian Marasciullo para marcar o encontro. "O sexo com ele foi maravilhoso. Foi a primeira vez na minha vida que alguém fez eu me sentir uma verdadeira mulher. Ele, definitivamente, tem um corpo impressionante", completou.

FONTE:
DIÁRIO 24 HORAS

Droga que mistura heroína, veneno de rato, cloro e maconha surge na África do Sul

MUNDO
própria população está se organizando e criando centros privados de reabilitação

Da Redação (redacao@correio24horas.com.br)

Uma nova droga que mistura outros tóxicos e diferentes substâncias está se tornando uma febre na África do Sul. Batizada de nyaope, ela surgiu em um distrito pobre do país e mistura heroína, maconha, componentes de veneno de rato, remédios antirretrovirais, vinagre e cloro.
Droga se espalha pela África do Sul (Reprodução/BBC)
Uma dosa custa apenas dois dólares e a droga é altamente viciante. A polícia já estima que o uso da nyaope está ligado ao aumento da criminalidade em algumas comunidades do país. Os efeitos a longo prazo da droga podem ser devastadores para a saúde, segundo a BBC.
A própria população está se organizando e criando centros privados de reabilitação. Um homem que perdeu o filho para as drogas resolveu abrir um centro também. Oupa Segone dá oportunidades para jovens viciados de tentar se reerguer.

FONTE:
DIÁRIO 24 HORAS

Eduardo Cunha diz que vai processar Cid Gomes por acusações

DECLARAÇÕES

Nesta tarde, durante depoimento no Plenário, Cid Gomes afirmou apontando para o presidente da Câmara:“Prefiro ser acusado por ele de mal-educado do que ser acusado de achaque como ele"

O presidente da Câmara, Eduardo Cunha, disse que vai processar o ministro da Educação, Cid Gomes, pelas declarações feitas pelo ministro durante depoimento à Câmara nesta tarde.
 
O presidente optou por iniciar a Ordem do Dia por considerar que a convocação teria se tornado perda de tempo, diante dos ataques de Cid Gomes. “Peço desculpas por perder o nosso dia de trabalho com quem não parece que mereça”, disse Cunha.
 
No Plenário, Gomes apontou para o presidente e disse: “Eu prefiro ser acusado por ele de mal-educado do que ser como ele, acusado de achaque, que é o que diz a manchete da Folha de S.Paulo”, afirmou.
 
O presidente disse ainda que vai sugerir que a Procuradoria da Câmara processe o ministro e anunciou a disposição de entrar com uma ação individual contra Cid Gomes. “ Não vou admitir que um representante do Executivo agrida parlamentares e reafirme agressões inclusive chegando ao ponto de querer me nominar”, comentou.
 
Cunha encerrou a comissão geral porque o ministro saiu do Plenário da Câmara após ser chamado de “palhaço” pelo deputado Sergio Sveiter (PSD-RJ) e ter o microfone cortado por Cunha.


FONTE:
DIÁRIO DO NORDESTE

Goleiro do City impede goleada, mas Barcelona avança na Liga dos Campeões

JOGO DURO

Folhapress | 19h28 | 18.03.2015

Com gol do croata Rakitic, catalães batem time inglês no Camp Nou e garantem vaga nas quartas de final. Sorteio será na próxima sexta-feira

Barcelona x City
Com boa atuação, Hart evitou vitória elástica do Barcelona no Camp Nou
FOTO: GERMAN PARGA / SITE OFICIAL DO BARCELONA
Messi conduziu o Barcelona na vitória sobre oManchester City por 1 a 0, nesta quarta-feira (18), no Camp Nou, pelas oitavas de final daLiga dos Campeões. O gol da vitória foi marcado pelo croata Rakitic, mas foi do argentino toda jogada e a bela assistência, além de outras jogadas que deram ao camisa 10 o protagonismo da partida.
Uma grande atuação do goleiro Hart, no entanto, impediu uma vitória mais ampla do Barcelona. Foi uma sequência de defesas no segundo tempo, em chutes à queima-roupa deMessiNeymar e Suárez. Também na segunda etapa, Stegen defendeu pênalti cobrado por Aguero e garantiu o triunfo.
Foram duas vitórias no confronto contra o time inglês. Pelo jogo de ida, Suárez marcou duas vezes e os catalães fizeram 2 a 1. Juntam-se ao Barcelona nas quartas de final do torneio o Real MadridPortoPSGAtlético de MadriMonacoBayern de Munique e Juventus. O sorteio para definir os duelos das quartas de final acontece na próxima sexta-feira (20).
O jogo
A impressão no primeiro tempo foi a de que o Barcelona jogou contra uma equipe de outra divisão, e não que se tratava de um confronto decisivo de Liga dos Campeões da Europa. Neymar começou inspirado, passando como quis por Sagna. Logo aos 5min, acertou a trave e quase abriu o placar. Em seguida, preteriu os lances individuais e a todo momento tentava servir os companheiros.
A partir daí, Messi passou a comandar as ações. O argentino acertou ótimos dribles e belas tabelas. Aos 31min, a melhor das suas jogadas. O camisa 10 avançou pela direita e, cercado pro Milner e Kolarov, levantou a cabeça e virou o jogo para servir Rakitic. O croata matou com categoria no peito e encobriu Hart para marcar.
No segundo tempo, os destaques da partida foram os goleiros. Mais para o lado de Hart, que evitou uma goleada fazendo grandes defesas em chutes de Messi, Neymar e Suárez. Pelo Barcelona, Stegen salvou a equipe do empate ao defender cobrança de pênalti de Aguero.
Juventus bate Borussia e avança
O atacante argentino Tevez foi decisivo novamente, a Juventus bateu o Borussia Dortmundpor 3 a 0 na Alemanha e avançou às quartas de final da Liga dos Campeões da Europa. No jogo de ida, o clube italiano havia vencido por 2 a 1, com gols de Tevez e Morata.
Tévez começou a resolver a partida logo no início. Aos dois minutos, ele recebeu um passe e deu um forte chute. A bola entrou no ângulo do goleiro Weidenfeller. O Borussia então partiu para o ataque, concentrando suas ações na altura do meio de campo. A Juventus apostou nos contra-ataques, e conseguiu levar perigo ao time alemão. Aos 16 minutos, Weidenfeller teve que fazer boa defesa em chute do lateral Lichsteiner. O Borussia pressionou até o final do primeiro tempo, mas sem conseguir fazer gols.
No segundo tempo, logo aos 4 minutos, Morata perdeu gol de frente para o goleiro após passe de Tevez. Vinte minutos depois, o argentino recebeu passe em velocidade e, após saída de Weidenfeller, tocou para que Morata desta vez fizesse o seu gol na partida. Daí em diante, com a necessidade de fazer quatro gols, o clube alemão desmoronou. Aos 33 minutos, Tevez fez mais um gol. Mais uma vez ele recebeu um passe em velocidade nas costas da zaga e tocou na saída de Weidenfeller.

FONTE:
DIÁRIO DO NORDESTE

Confira momentos de Cid ao longo dos 77 dias como ministro da Educação

"PÁTRIA EDUCADORA"

19h42 | 18.03.2015

Ex-governador do Ceará assumiu o cargo no dia 2 de janeiro de 2015


Cid Gomes assumiu o ministério da Educação no dia 2 de janeiro de 2015 com o objetivo de levar adiante o slogan do segundo mandato da presidente Dilma Rousseff de “Brasil, pátria educadora”. Ao assumir o cargo, o ex-governador do Ceará tinha pela frente o reajuste do piso dos professores, a divulgação do resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e uma série de mudanças que planejava. 
 
Confira momentos de Cid ao longo dos 77 dias como ministro:
1 – Reajuste do piso salarial dos professores
No dia 7 de janeiro, Cid anunciou o ajuste do piso nacional dos professores da educação básica, que   teve um reajuste de 13,01%, saltando dos atuais R$ 1.697 para R$ 1.917,78. Isso significa que nenhum docente da rede pública do País, do ensino infantil ao médio, com jornada de 40 horas semanais, poderá ter remuneração abaixo desse valor.
2 – Resultado Enem
O resultado do Enem 2015 foi divulgado no dia 13 de janeiro. Na ocasião, o então ministro, Cid Gomes, fez uma avaliação sobre o desempenho dos estudantes na prova.  
3 – Consulta online
A consulta, que ajudará a fazer o Enem, teve um total de 36.582 sugestões e foi aberta em 2 de março e encerrada nesta terça-feira (17). Para contribuir, os interessados responderam um formulário com três perguntas, sobre ampliação do banco de itens nas quatro áreas de conhecimento do Enem, para o aprimoramento da logística, segurança e aplicação da prova, além de opinar livremente sobre o exame.
3 – Fies
O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) está passando por mudanças na concessão de recursos. Um novo sistema unificado on-line será o responsável por limitar a quantidade de financiamentos que serão concedidos em cada curso e faculdade.
Já neste ano, alguns obstáculos, como um teto para as mensalidades, vêm dificultando as inscrições em algumas instituições. 
4 – Cortes 
O Ministério da Educação foi o mais afetado pelos cortes de gastos não obrigatórios anunciados pelo governo em janeiro. Conforme o decreto 8.389, publicado no Diário Oficial da União (DOU), a pasta sofrerá uma limitação extra de 586,83 milhões de reais por mês em seu orçamento. Isso ocorre porque este ministério é o que possui o maior volume de gastos não prioritário
5 – Encontro com a Xuxa
Cid Gomes esteve, no dia 11 de fevereiro, com a Xuxa. Segundo o ex-ministro, a apresentadora tem produzido “excelentes materiais para o Ensino Infantil e se dispôs a colaborar com dois importantes projetos do Governo Federal: o Mais Creches e o Pacto Nacional de Alfabetização na Idade Certa”.
6 – Achacadores
Em fevereiro, durante uma visita à Universidade Federal do Pará, Cid Gomes disse que a Câmara tem "uns 400 deputados, 300 deputados achacadores". A frase gerou grande repercussão e levou o então ministro a prestar esclarecimentos na Câmara. Nesta quarta (18), o ex-governador do Ceará compareceu à sessão e depois de muito bate-boca, deixou o ministério. 

FONTE:
http://diariodonordeste.verdesmares.com.br/cadernos/nacional/online/confira-momentos-de-cid-ao-longo-dos-77-dias-como-ministro-da-educacao-1.1247606

Cid Gomes presta depoimento na Câmara sobre declaração polêmica que resulta em demissão

EM AUDIÊNCIA

15h38 | 18.03.2015

"Me perdoem, eu não tenho nenhum problema em pedir perdão para aqueles que não se comportam desta forma", disse Cid.

cid gomes
O ministro da Educação, Cid Gomes, também disse que os parlamentares da base do governo que não votam de acordo com a orientação do Planalto devem “largar o osso” e ir para a oposição
DIVULGAÇÃO / CÂMARA DOS DEPUTADOS
Atualizada às 18h56
Na tarde desta quarta-feira (18), o ex-ministro da Educação, Cid Gomes, compareceu, mesmo licenciado, a uma audiência no plenário da Câmara dos Deputados para prestar esclarecimentos acerca de declarações dadas por ele em Belém, no último dia 27, de que a Casa possui de 300 a 400 parlamentares que "achacam" o governo.
Após ser chamado pelo presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha, Cid Gomes teve tempo de fala de 30 minutos e começou relembrando sua trajetória política no Ceará, ressaltando ter sido reeleito em primeiro turno quando disputou as eleições pela segunda vez para o cargo de Governador do Estado.
A fala de Cid versou principalmente sobre suas ações como Ministro e sobre a importância da educação para o País. Sobre o objeto da convocação, Cid afirmou que a polêmica declaração em que chama deputados de "achacadores'' não foi feita em local público e que por isso não é motivo de proselitismo.
"Eu não tenho mais idade, eu não tenho o direito de negar a esse tanto tempo de vida pública. Eu não tenho como negar aquilo que falei em um ambiente reservado ", disse Cid. O ex-ministro pediu desculpas aos parlamentares, mas afirmou que a fala não reflete uma posição pública como ministro. "Me perdoem, eu não tenho nenhum problema em pedir perdão para aqueles que não se comportam desta forma", disse Cid.
Cid Gomes, também disse que os parlamentares da base do governo que não votam de acordo com a orientação do Planalto devem “largar o osso” e ir para a oposição. “Partidos de oposição têm o dever de fazer oposição. Partidos de situação têm o dever de ser situação ou entãolarguem o osso, saiam do governo”, afirmou.
O ex-governador do Ceará ainda afirmou que teria muito mais prazer de estar na Câmara para falar de programas que já estão sendo implementados pelo Ministério da Educação. Comentando sobre um encontro com estudantes que indagaram sobre os cortes no orçamento para a educação, Cid Gomes afirmou que "só se pode falar em corte quando se tem um orçamento votado", o que ainda não existia.
As declarações do então ministro Cid Gomes geraram protestos em plenário. O líder do PMDB, Leonardo Picciani (RJ), afirmou que o ministro “perdeu a condição de exercer o cargo”. “Cobraremos ao governo que diga se permite e orienta os ministros a desrespeitar o Parlamento. Não reconheço a autoridade de vossa excelência para criticar o Parlamento”, declarou. Bruno Araújo (PSDB) disse que pensava que hoje seria uma dia para discutir a vida real do brasileiro e pressionou perguntando “cadê a voz do partido que comanda o País para defender o Ministro da Educação?”. 
O líder da Minoria, deputado Bruno Araújo (PSDB-PE), disse há pouco que a presidente Dilma Rousseff precisa esclarecer sua opinião em relação à base aliada do governo na Câmara, depois da fala do ex-ministro da Educação. “Com a palavra, a partir de agora, a presidente da República sobre o que pensa da sua relação com a sua base, que foi acusada pelo ministro da Educação, e com Parlamento brasileiro”, declarou.
 
Após fala dos deputados, Cid Gomes teve 10 minutos cedidos por Eduardo Cunha para esclarecimentos. O ex-ministro manteve o tom de acusação contra os parlamentares, mas disse que tem "cosideração e respeito" pela Casa. "Há 400, ou 300 deputados para os quais quanto pior melhor. [...] Achacar é criar difoculdade para obter facilidade", afirmou Cid. Sobre ter chamado os deputados de 'achacadores', ele ainda completou: "eu me sinto livre a emitir opinião". 
 
Após ser chamado de 'palhaço' pelo líder do PSD, Sérgio Szveiter, Cid Gomes deixou o Plenário Ulysses Guimarães. 
 
Inicialmente, a audiência com o ministro estava marcada para o dia 11, porém Cid não compareceu por problemas de saúde. Ele foi internado no dia 10 de fevereiro com quadro de febre, associada a dor muscular, cefaleia intensa, tosse e calafrios. 

FONTE:
DIÁRIO DO NORDESTE

Miss bumbum Ceará irá concorrer ao Gata do Brasil 2015

CONCURSO

18h47 | 18.03.2015

Polêmica, a loira promete que dessa vez irá trazer o título ao seu estado

miss bumbum ceará
DIVULGAÇÃO
Renata Alves, loira que no ano passado foi miss bumbum Ceará e se declarou musa dos pedreiros, feirantes e motoboys, será sim candidata nas próximas eleições a prefeitura de sua cidade Groaíras. Mas essa, no entanto, não é a única votação ao qual ela será submetida.
Na última terça-feira, 17, a musa anunciou que irá concorrer agora ao Gata do Brasil 2015. "Vim para ganhar, esse ano não tem pra ninguém", afirmou. "Vim com tudo, amo os holofotes e jamais vou deixar de brilhar. Sou nordestina, arretada e prometo: este ano o Ceará verá o meu título!", prometeu.


FONTE: 

Tribunal nega recurso de prefeito afastado de Baturité

Publicado em 18/03/2015 - 17:47 por 

O Tribunal de Justiça do Ceará realizou hoje, 18 de março, sessão das Câmaras Criminais  e julgou um Agravo de Instrumento que pedia o retorno
de  Bosco Cigano , prefeito afastado do Município  de Baturité, por improbidade adminstrativa. Por unanimidade, os cinco desembargadores
decidiram manter a decisão  da desembargadora, Adelineide Viana, que havia decretado o afastamento do prefeito por 180 dias, em dezembro do
ano passado,  prorrogável por igual período.
Esta é a quarta derrota que Boscfo Cigano teve junto ao Poder Judiciário, uma vez que ele chegou a recorrer ao TSJ (Tribunal Superior de Justiça) em Brasília, contra a decisão do Tribunal de Justiça do Ceará de mantê-lo afastado do cargo.
A Câmara Municipal de Baturité já instaurou  quatro CEI’s (Comissões Especiais de Investigação) para apurar as denúncias, no entanto, vem
tendo dificuldades, pois Bosco Cigano cria subterfúgios para não receber as convocações. Devido a esse impase, a Câmara está utilizando os meios
de comunicação, inclusive as emissoras de rádio locais para garantir que Bosco Cigano compareça à Câmara para se defender.

FONTE: http://blogs.diariodonordeste.com.br/robertomoreira/tribunal-nega-recurso-de-prefeito-afastado-de-baturite/

Tribunal de Justiça mantém afastado prefeito do município de Baturité

18/03/2015 17h23 (editada em 18/03/2015 17h23)
JULGAMENTO
Tribunal de Justiça mantém afastado prefeito do município de Baturité
Redação
jornalismo@cearanews7.com.br
O Tribunal de Justiça do Ceará realizou sessão das câmaras criminais e julgou Agravo de Instrumento que inventava o retorno do prefeito afastado do município de Baturité, Bosco Saraiva, o 'Bosco Cigano'. 

Por unanimidade (5 votos a 0), os desembargadores decidiram pela manutenção da decisão da Desembargadora Adelineide Viana, que decretou afastamento por 180 dias, prorrogável por igual período, do prefeito investigado.

Enquanto isso, a Câmara dos Vereadores de Baturité instalou quatro CPIs (Comissão Parlamentar de Inquérito), porém, encontra muita dificuldades, pois o prefeito afastado cria subterfúgios para receber as notificações.

Com a intenção de ouví-lo nessa sexta-feira, a Câmara divulgou a intimação nas emissoras de rádio locais. 

FONTE: http://www.cearanews7.com.br/ver-noticia.asp?cod=25386

Um dia ejaculei antes da hora...

ejaculacao prematura.jpg


   Aqui fica mais um pedido de ajuda de um leitor do nosso BLOG.
Aproveite e dê o seu apoio através de um comentário!

Estes testemunhos são reais e poderão ajudá-l@ a compreender também os seus problemas...
PARTILHE AS SUAS EXPERIÊNCIAS ... AJUDE OS OUTROS !!!
(Nota: alguns destes pedidos serão publicados na Revista ANA de forma anónima)



Bom dia 

namoro há 6 meses, preciso da ajuda de vocês, no começo nosso sexo era perfeito, ate que um dia eu ejaculei antes da hora ai comecei a me preocupar e ate hoje não paro de pensar se vou conseguir ou não.

É o dia inteiro pensando ai chega de noite e as vezes beleza dá tudo certo mas ai no outro dia de tanto me preocupar já não dá certo e é assim que eu estou...

Ás vezes não fica erecto ai tentamos depois que eu me acalmar e beleza ... 

O que eu tenho por favor pode me ajudar?

Cid defende Dilma e diz estar 'feliz' com saída do Ministério da Educação

PLANALTO

Folhapress | 20h01 | 18.03.2015

Sobre o pedido de demissão, o ex-ministro afirmou que ele foi feito em caráter irrevogável, e que não deu espaço para Dilma dizer que não o aceitaria

cid gomes
Para Cid, é justamente a atitude contra a corrupção que fragilizou a relação da presidente com o Congresso
AGÊNCIA CÂMARA
Ao sair do Palácio do Planalto, onde pediu demissão do cargo de ministro da Educação, Cid Gomes (Pros-CE) defendeu a presidente Dilma Rousseff, voltou a criticar o Congresso e disse estar "feliz" com sua saída.
"A meu juízo ela tem as qualidades que são necessárias", afirmou, após um rápido encontro com a presidente, em que pessoalmente a comunicou de sua decisão.
"Tem muito discurso de oposição, muita gente que fala em corrupção. Isso parece ser uma coisa intrínseca ao governo, mas o que Dilma está fazendo é exatamente limpar o governo de corrupção que aconteceu no passado. Isso que ela está fazendo. É por isso que a gente vive uma crise hoje. Quem demitiu esse [ex-diretor da Petrobras] Paulo Roberto [Costa, um dos delatores na Operação Lava Jato], esse [também ex-diretor da Petrobras e preso pela Lava Jato] Renato Duque, foi ela. Há muito tempo."
Segundo ele, a atual crise ligada à Lava-Jato "é anterior a ela [Dilma]". "Ela, ao contrário, como é séria, está limpando e não está permitindo isso."
Para Cid, é justamente a atitude contra a corrupção que fragilizou a relação da presidente com o Congresso. "E é isso que fragiliza sua relação com boa parte dos partidos, que querem isso [corrupção]."
O ex-ministro lembrou da lista de parlamentares suspeitos de relação com o esquema de corrupção na estatal que o Supremo Tribunal Federal (STF) investiga. "Você viu do PP, quantos deputados recebiam mensalidade de um diretor na Petrobras? Isso era a base do poder. E ela está mudando isso. E isso, óbvio, cria desconforto."
Cid criticou novamente o Congresso. "A população está vivendo um momento difícil, a toda hora é bombardeada pela crônica da corrupção, mas o conceito que a população brasileira faz do Parlamento... eu considero o Parlamento fundamental para a democracia, o que é lamentável é a sua composição e a forma de o parlamento se relacionar com o poder", disse.
"Virou o antipoder. Ou tomam parte do poder ou apostam no quanto quanto pior, melhor, para assumirem o poder e muitas vezes fazerem as mesmas coisas que se está se fazendo, ou pior."
Sobre o pedido de demissão, o ex-ministro afirmou que ele foi feito em caráter irrevogável, e que não deu espaço para Dilma dizer que não o aceitaria.
Segundo ele, suas declarações desta quarta no Congresso, em que confirmou declaração anterior sobre existirem de 300 a 400 achacadores no Congresso, tornou sua situação insustentável.
"A minha declaração, e mais do que ela a forma como eu coloquei a minha posição na Câmara, óbvio que cria dificuldades para a base do governo. Pedi demissão em caráter irrevogável, agradecendo a ela. Eu não dei margem [para Dilma insistir ou dizer não]. Eu disse: "Presidente, lamento muito, agradeço, mas estou aqui entregando o cargo de ministro", afirmou.
"Falei com ela. Eu disse para ela que lamentava muito, que tinha muito prazer, que confiava nela, que acreditava nela, continuo acreditando, continuo confiando. Agora, a minha presença no ministério ficou numa situação de contraponto, de indisposição com a base que apóia o seu governo."
Ainda assim, Cid disse estar "feliz".
"Eu estou feliz. Lamento pela educação do Brasil. Lamento porque tem muito o que fazer, e eu estava muito entusiasmado. Eu tinha muito entusiasmo pelo ministério da Educação. Já tinha visitado seis Estados em dois meses e pouco. Iniciamos projetos que são importantes para melhorar a educação pública no Brasil."
FONTE: 
DIÁRIO DO NORDESTE

Cid Gomes não é mais ministro da Educação

DEMISSÃO

18h05 | 18.03.2015

Gomes ficou 77 dias à frente da pasta

Atualizada às 18h30
O ministro da EducaçãoCid Gomes pediu demissão, em reunião no Palácio do Planalto, após ter abandonado a comissão geral convocada pela Câmara. Em nota, a Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República informou que "o ministro da Educação, Cid Gomes, entregou nesta quarta-feira, 18 de março, seu pedido de demissão à presidenta Dilma Rousseff. Ela agradeceu a dedicação dele à frente da pasta". No total, Cid ficou 77 dias à frente da pasta. 
Ao sair do Congresso, Cid foi direto ao Palácio para informar à presidente de sua decisão. 
Após participar de audiência por mais de duas horas, e ver seus amigos, correligionários e apoiadores expulsos do plenário e da galeria, Cid perdeu a paciência ao ouvir ofensas dirigidas a ele por deputados, sem que lhe fosse dado o direito de defesa, já que o presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), cortou seu microfone. 
O PMDB chegou a informar à presidente Dilma Rousseff que deixaria o governo e a base aliada caso Cid Gomes permanecesse à frente do Ministério da Educação, conforme informações do jornal Folha de São Paulo.
A notícia sobre a saída de Cid Gomes foi anunciada por Eduardo Cunha, no plenário da casa, após ligação do ministro-chefe da Casa Civil, Aloísio Mercadante
FONTE: DIÁRIO DO NORDESTE

A fofoca é um pecado grave?

..
Publicado em 18 de mar de 2015
Muitos tendem a considerar a popular “fofoca” como uma falta leve, um “pecadinho” de nada. Falar mal dos outros se tornou um hábito tão comum, que chega a parecer algo normal. Mas, será isso mesmo? Os pecados da língua são realmente tão inofensivos quanto se pensa? Descubra neste vídeo a resposta católica, a partir das lições do Magistério da Igreja e da doutrina de Santo Tomás de Aquino.

Kiwi: o aplicativo que viralizou e está irritando muita gente nas redes sociais

Publicado por  em Notas às 13h54
Veja as respostas dos seus amigos. Diga o que você está pensando. Pergunte qualquer coisa, a qualquer pessoa/Foto: Divulgação
Veja as respostas dos seus amigos. Diga o que você está pensando. Pergunte qualquer coisa, a qualquer pessoa/Foto: Divulgação
Você deve ter notado que nas últimas 48 horas o Facebook foi invadido por uma corrente de usuários irritados – e dessa vez a questão nem se refere a política ou protestos. O motivo para tanta chateação chama-se Kiwi, um aplicativo que viralizou nos últimos dias. Com a mesma base dos já conhecidos Ask.FM e Formspring, a plataforma nada mais é do que uma versão móvel do jogo de perguntas e respostas, com a opção de anonimato. A interação entre o aplicativo e o Facebook, que vem tirando a paciência de alguns internautas, dá-se porque, ao criar uma conta no app, ele pergunta se você deseja convidar amigos. Muita gente, inadvertidamente, clica em “sim”, e é assim que as redes sociais ganham uma nova leva de indignados.
LEIA MAIS

FONTE: http://blogs.ne10.uol.com.br/social1/2015/03/17/kiwi-o-aplicativo-que-viralizou-e-esta-irritando-muita-gente-nas-redes-sociais/

Tente outra vez

Nova publicação em Universo Natural

Tente outra vez

by José Batista de Carvalho
Tente outra vez universo naturalAfinal, o que significa “fracasso”? Talvez que algo não saiu da forma que queria ou esperava? A lei da experiência é sempre perfeita. O que pensamos, criamos com perfeição. Você deve ter saltado uma etapa ou tem uma crença interior que lhe disse que você não merecia o sucesso ou o faz se sentir indigno dele.
O mesmo acontece quando trabalhamos no computador. Se algo sai errado, a culpa é só nossa. Fizemos ou não alguma coisa que consta das leis do computador. O erro apenas significa que temos mais a aprender.
Existe grande verdade no velho conselho que diz: “Se você não for bem-sucedido no início, tente, tente de novo” Todavia, isso não significa se maldizer e tentar da mesma forma que não deu certo, mas sim reconhecer o erro e procurar fazer de um outro jeito – até aprender o modo correto.

Postos de combustíveis não vão mesmo abrir durante o feriado de São José no Ceará

SEM ACORDO

13h59 | 18.03.2015

O Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis do Ceará (Sindipostos), destaca que tentou negociar até ontem o dissídio da categoria, prevendo a operação dos postos no feriado, o que acabou não ocorrendo.

posto de gasolina
O empregado pode se recusar a trabalhar e ainda denunciar o posto que insistir no funcionamento
ARQUIVO
Os postos de combustíveis no Estado não irão mesmo abrir no feriado de amanhã (19), Dia de São José. A razão é que não houve acordo entre os sindicatos patronal e laboral para o trabalho nesta data.
Na próxima semana, pode haver uma nova rodada de negociações com vistas ao funcionamento no dia 25 de março, feriado da Data Magna (abolição da escravatura no Ceará). 
O Sindicato dos Empregados em Postos de Serviços de Combustiveis e Derivados de Petróleo no Estado do Ceará (Sinpospetro-CE), por meio de sua diretoria, orientou os empregados do setor a não trabalharem nos feriados em todo o Estado. 
Segundo a entidade que representa os empregados dos postos, de acordo com a Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRT) e o Ministério do Trabalho, fica facultado ao sindicato laboral a autorização aos empregados para trabalharem nos feriados.
O Sinpospetro-CE afirma ainda que caso haja a exigência para o trabalho, o empregado pode se recusar a trabalhar e ainda denunciar o posto que insistir no funcionamento para que sejam tomadas as medidas cabíveis.
O Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis do Ceará (Sindipostos),  destaca que tentou negociar até ontem o dissídio da categoria, prevendo a operação dos postos no feriado, o que acabou não ocorrendo.
FONTE: DIÁRIO DO NORDESTE

Após manifestações, Dilma Rousseff lança pacote contra corrupção

ANÚNCIO

Agência Brasil/ Diário do Nordeste | 12h51 | 18.03.2015

O pacote foi lançado oficialmente na manhã desta quarta-feira (18) pela presidenta Dilma Rousseff e pelo Ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo

Dilma
Para a presidente, a impunidade é que provoca a reprodução dos casos de corrupção no País
REPRODUÇÃO
Atualizada às 13h20
O pacote anticorrupção enviado pelo governo ao Congresso Nacional foi lançado oficialmente nesta quarta-feira (18) pela presidenta Dilma Rousseff e pelo Ministro da Justiça José Eduardo Cardozo. Em discurso realizado ainda nesta manhã, a presidente afirmou que as medidas são um passo decisivo para ampliar o poder do Estado e combater a corrupção no país.
Entre os pontos do pacote, está a tipificação do crime de caixa 2, além da elaboração de um projeto de lei que institui aobrigatoriedade de ficha limpa para todos os servidores públicos dos poderes Executivo, Judiciário e Legislativo.
Ainda falando sobre as práticas de corrupção, Dilma afirmou que é necessário "separar o imenso trigo do pequeno joio", além de defender que o enfrentamento da corrupção deve ser implacável e constante. Segundo ela, também é necessário mais agilidade nos processos que investigam casos de corrupção.
As medidas foram entregues nesta terça-feira (17) ao presidente do Congresso, Renan Calheiros (PMDB-AL), pelos ministros da Justiça, José Eduardo Cardozo, e da Secretaria de Relações Institucionais, Pepe Vargas.
Em relação ao crime de caixa 2, quem for condenado  após a proposta ser aprovada pelo Congresso poderá ficar preso de três a seis anos. A tipificação consiste, segundo o pacote do governo, na tentativa de fraudar a fiscalização eleitoral, com a inserção de elementos falsos ou omitir informações para ocultar a origem, o destino ou a aplicação de bens, valores ou serviços da prestação de contas de partido político ou de campanha eleitoral.
A punição será estendida aos doadores – inclusive responsáveis por doações de pessoas jurídicas – e aos partidos. Há ainda a previsão de multa de cinco a dez vezes sobre o valor doado e não declarado.
"Queremos que as eleições sejam mais transparentes e mais limpas", comentou a presidente, promentendo que deve enfrentar essa questão de forma aberta.
Outros pontos do pacote preveem a aprovação de projetos de leis e mudanças na Constituição para permitir ao Estado “uma atuação contra diferentes frentes da corrupção”. 
Resposta do governo às manifestações populares do último final de semana, o pacote também propõe a aprovação por deputados e senadores do Projeto de Lei 5.586 de 2005, que tipifica ocrime de enriquecimento ilícito. De acordo com a proposta, possuir, adquirir ou fazer uso de bens incompatíveis com renda ou evolução patrimonial acarretará em pena de três a oito anos de prisão.
Também está prevista a regulamentação da Lei Anticorrupção, por meio de decreto, com incentivo a adoção de Programas de Integridade (compliance) por empresas privadas, com códigos de ética e de conduta, políticas e diretrizes para detectar desvios e irregularidades contra a administração pública. O texto estabelece e disciplina o rito do Processo Administrativo de Responsabilização e também disciplina o acordo de leniência, com competência exclusiva da CGU no Executivo federal.
FONTE: DIÁRIO DO NORDESTE

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK