PROCURANDO POR ALGO?

quinta-feira, 30 de junho de 2016

Lâmpadas incandescentes têm venda proibida no Brasil; multa pode chegar a R$ 1,5 milhão

Foto: Agência Brasil
FOTO: Agência Brasil
Está proibida a venda de lâmpadas incandescentes no Brasil, a partir desta quinta-feira (30). A medida visa minimizar o desperdício de energia elétrica no País. O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) começa a fiscalizar, em julho, estabelecimentos comerciais que ainda tenham à disposição lâmpadas incandescentes com potência de 41 watts (W) até 60 W. Quem não atender à legislação poderá ser multado entre R$ 100 e R$ 1,5 milhão.
Economia de energia e de dinheiro
Uma lâmpada fluorescente, de luz branca, pode gerar economia de 75% em comparação à incandescente de luminosidade equivalente. Se o consumidor optar por uma lâmpada de LED, essa economia sobe para 85%.
Segundo o responsável pelo Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE) do Inmetro, engenheiro Marcos Borges, uma casa com dois quartos, usando em todos os cômodos lâmpadas incandescentes de 60 W, paga de R$ 20 a R$ 25 por mês para pela iluminação. Ao trocar por uma lâmpada equivalente fluorescente compacta, essa conta cairia para R$ 4 ou R$ 5.
Com informações da Agência Brasil
FONTE: Verdinha

Nenhum comentário:

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK