PROCURANDO POR ALGO?

segunda-feira, 13 de junho de 2016

Tudo que já se sabe sobre o pior ataque a tiros dos Estados Unidos

Ataque na Flórida matou 50 pessoas em boate gay e deixou 53 ficaram feridas



A polícia americana informou que as investigações sobre o ataque na boate Pulse, em Orlando, que vitimou 50 pessoas e deixou 53 feridos está em pleno andamento.

Entre dúvidas e esclarecimentos, autoridades já divulgaram informações sobre o ocorrido, segundo o G1.
Confira:

- O atirador, Omar Mateen, matou 50 pessoas e deixou 53 feridas na boate. Mateen é cidadão americano e filho de pais afegãos. Nasceu em Nova York e vivia a 200 km de Orlando, na cidade de Port Saint Lucie.
A ex-mulher de Mateen informou ao "Washington Post" que ele era violento, mentalmente instável e batia nela constantemente enquanto eles eram casados.
- As armas usadas no crime foram um rifle AR calibre .223 e uma pistola 9mm semiautomática.
- A polícia foi acionada por volta das 2h da manhã, horário local, e resolveu resgatar as vítimas feitas reféns por volta das 5h.
- Houve troca de tiros entre atirador e polícia. O atirador foi morto por agentes, que libertaram os reféns.
- A Pulse faz parte de uma rede comunitária dinâmica na Flórida que pretende "despertar as consciências" sobre a homossexualidade nos Estados Unidos e no mundo.
- O atirador ligou para o 911 pouco antes do ataque dizendo ser leal ao Estado Islâmico.
- O FBI investiga o ataque por possível ligação com territoristas, mas nada foi confirmado.
- Mateen havia comprado duas armas na última semana.
- O Itamaraty afirmou que ainda não há registro de brasileiros entre as vítimas do ataque em Orlando
- Motivações do atirador ainda são desconhecidas.
- Investigadores procuram saber se Omar Mateen teria se radicalizado mesmo sem ter algum laço direto com o EI.
- Testemunhas disseram que tiros duraram cerca de um minuto, embora parecessem mais.
- O Papa, a Casa Branca, Donald Trump, Hillary Clinton, Dilma Rousseff, Michel Temer, políticos do mundo inteiro, celebridades e esportistas lamentaram o ataque.
- Antes deste, o pior ataque registrado havia ocorrido em 2007, quando um estudante matou 32 pessoas e se suicidou no campus da Universidade de Virginia Tech.

Nenhum comentário:

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK