PROCURANDO POR ALGO?

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Dicas para Tratar o Refluxo


Dicas para Tratar o Refluxo

O refluxo é um problema que atinge muitas pessoas. Veja quais são as medidas necessárias para controlar o refluxo, além de receitas caseiras que ajudam a combater os sintomas. 

O problema popularmente conhecido como refluxo é chamado na medicina de refluxo gastroesofágico (DRGE). Ele é caracterizado pelo retorno do ácido do estômago pelo esôfago. Esses ácidos são necessários para os processos digestivos. O estômago é protegido contra a ação deles, mas outras partes do sistema digestivo não. Quando o ácido volta, causa sensação de incômodo e pode, inclusive, agredir de modo grave o esôfago e o esfíncter esofágico.
Quem sofre com o problema costuma sentir sintomas como azia e queimação mais próxima do peito que do estômago. Além disso é comum que o paciente reclame da sensação de que a comida está voltando “pela garganta”. Em alguns casos, o refluxo pode causar problemas respiratórios por atacar canais que também participam da respiração.
Algumas das causas do DRGE são: comer em excesso, deitar logo após as refeições, uso constante de bebidas alcoólicas e refrigerantes, hérnia de hiato e músculo esofágico fraco. Por isso, é muito importante que quem sofre com esse problema procure um médico para que sejam identificadas as causas. Dependendo do que for descoberto, uma simples mudança de hábitos pode acabar de vez com o problema.

Cuidados do Dia a Dia

Algumas medidas simples fazem toda diferença no tratamento do refluxo. O mais importante é mudar a alimentação e também o modo de comer, para evitar as crises causadas pelo retorno dos ácidos e combater alguns dos seus sintomas. Veja os principais cuidados a serem tomados:
Refluxo
Refluxo
  • Não tomar suco, água o outras bebidas durante as refeições;
  • Esperar pelo menos 30 minutos antes de se deitar após as refeições;
  • Sempre mastigar os alimentos com bastante cuidado;
  • Não fazer refeições com pressa;
  • Evitar o uso de roupas que apertem a região do abdômen;
  • Coma pouco antes de dormir e antecipar o horário do jantar;
  • Durma o tempo necessário para o seu descanso durante a noite;
  • Prefira os travesseiros mais altos;
  • Nunca faça uso de medicamentos sem a prévia orientação médica, pois muitos deles podem irritar as paredes do estômago;
  • Pratique algum tipo de atividade física que lhe seja prazerosa;
  • Fuja do cigarro e das bebidas alcoólicas.

Chás e Receitas Caseiras

Existem também alimentos e ingredientes que ajudam a aliviar a azia e as crises de refluxo. Conheça algumas dicas caseiras para combater o problema:
  • Misture duas colheres de vinagre de maçã em um copo de água e tome antes das principais refeições;
  • Use o cravo e a hortelã no preparo de sucos, chás e alimentos do dia a dia;
  • Coma coentro ou prepare um suco com suas folhas;
  • Inclua iogurtes naturais na alimentação diária;
  • Tome o chá de camomila pouso antes do almoço e do jantar;
  • Mastigue fatias de gengibre ou acrescente o ingrediente em outros preparos;
  • Faça uso do chá de canela diariamente;
  • Procure consumir o suco de babosa.

Tratamento em Bebês e Crianças

O refluxo também pode acontecer com crianças pequenas. Nesses casos, é muito importante consultar um pediatra para que seja feito o tratamento adequado. Normalmente, são indicados remédios especiais de uso pediátrico, que ajudam a regularizar o problema. De todo modo, é importante que os pais sigam algumas sugestões:
  • Mesmo que o bebê queira, evite dar leite fora dos horários de mamada e não exagere na quantidade;
  • Procure saber se a criança tem alergia ao leite e outras substâncias;
  • Mantenha o bebê em posição vertical durante pelo menos 30 minutos após cada mamada;
  • Evite usar o bebê conforto quando estiver em casa;
  • Não compre fraldas que fiquem apertadas na região da cintura, pressionando o estômago;
  • Jamais exponha a criança à fumaça de cigarro;
  • Opte sempre pelo leite materno, exceto em casos em que isso não for possível;
  • Não dê alimentos para o bebê duas horas antes dele dormir.

Importância da Alimentação

Uma boa alimentação é fundamental para todas as pessoas, mas merece atenção especial de quem sofre com o DRGE. É sempre importante incluir frutas e verduras no cardápio com pele menos 4 porções ao dia. Também é fundamental se alimentar com grãos e cereais ricos em fibras, a fim de facilitar a digestão. As carnes devem ser leves e com pouca gordura, como preferência para o peixe e as aves.
Alimentos como café, refrigerantes, frituras, chocolate, molhos industrializados e álcool precisam ser evitados. O paciente deve observar ainda quais são os itens que agridem mais o seu organismo, retirando-os da dieta. Um nutricionista poderá auxiliar nas escolhas dos alimentos mais adequados.

Nenhum comentário:

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK