PROCURANDO POR ALGO?

segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Mais um boxeador é preso sob acusação de estupro na Vila Olímpica

FOTO: AFP
Mais um atleta da Olimpíada do Rio foi preso acusado de tentar estuprar uma camareira na Vila Olímpica, desta vez no último domingo. De acordo com a Polícia Civil, o boxeador da Namíbia Jonas Junias, de 22 anos, beijou a funcionária à força e ofereceu dinheiro para fazer sexo com ela.
A mulher procurou a polícia e denunciou Junias, que foi preso e levado à 42ª DP (Recreio dos Bandeirantes). A assessoria da Olimpíada informou que a organização está ciente do caso e vai colaborar com a investigação policial “o quanto for preciso”.
Junias foi porta-bandeira de seu país na cerimônia de abertura da Olimpíada, na última sexta-feira. Competidor do meio-médio ligeiro, categoria para atletas até 64 quilos, o namibiano deveria subir ao ringue na próxima quinta-feira para encarar o francês Hassan Amzile. Resta saber se ele será liberado até lá.
No último sábado, outro boxeador, o marroquino Hassan Saada, perdeu por W.O. porque estava preso, também sob a acusação de estupro a uma camareira da Vila Olímpica. Ele também teria atacado a funcionária e tocado seu corpo, além de ter oferecido dinheiro por relações sexuais.

Nenhum comentário:

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK