PROCURANDO POR ALGO?

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Acupuntura

mulher
Acupuntura é um método chinês utilizado há mais de 2.500 anos para aliviar a dor e tratar doenças. Atualmente, vem sendo empregada com sucesso no tratamento de vários distúrbios dolorosos. O procedimento envolve a inserção de agulhas em várias partes do corpo e tem sido utilizada para tratar doenças como asma, surdez, úlceras, doenças dos olhos e alguns tipos de doenças mentais.

Neste artigo:
Acupuntura é um método chinês para aliviar a dor e tratar doenças. Atualmente, a acupuntura vem sendo empregada com sucesso no tratamento de vários distúrbios dolorosos, com bons índices de sucesso em portadores de Espondilite Anquilosante
O procedimento envolve a inserção de agulhas em várias partes do corpo. A acupuntura tem sido utilizada para tratar doenças como asma, surdez, úlceras, doenças dos olhos e alguns tipos de doenças mentais e faz parte do sistema de saúde na China há mais de 2.500 anos.
De acordo com a filosofia chinesa, a doença e a dor ocorrem devido a um desequilíbrio entre as duas principais forças da natureza – o Yin e o Yang. Acredita-se que a acupuntura restaure este equilíbrio. Muitos chineses e seguidores acreditam que a acupuntura influencie uma força vital (chamada QI) que flui ao longo de 12 meridianos (canais de energia que correm longitudinalmente no corpo) pareados e dois não-pareados.
Os terapeutas – chamados acupunturistas – inserem agulhas finas em um ou mais dos centenas de pontos específicos ao longo dos meridianos. A dor é mínima e logo desaparece, deixando lugar a uma sensação de peso ou dormência enquanto as agulhas estiverem no lugar. O paciente permanece consciente durante o tratamento.
Apenas recentemente a acupuntura foi reconhecida como especialidade médica pelo Conselho Federal de Medicina do Brasil.

Os cientistas propuseram três grandes teorias de como a acupuntura funciona. Uma teoria sugere que os meridianos realmente existem e conectam os órgãos do corpo de maneira bastante específica. De acordo com esta teoria, a acupuntura aumenta a atividade ao longo dos meridianos, influenciando assim o funcionamento de um determinado órgão.
A segunda teoria afirma que a acupuntura funcione, pelo menos em parte, aumentando a produção cerebral de analgésicos naturais chamados endorfinas. Estas substâncias são químicos correlacionados com a morfina e influenciam a sensibilidade dolorosa do corpo. O fato de que os antagonistas opioides – como a naloxona – revertem os efeitos analgésicos da acupuntura reforça esta teoria.
A estimulação através da acupuntura também deve ativar o hipotálamo e a glândula pituitária, resultando em um amplo espectro de efeitos sistêmicos. Foram documentadas alterações na secreção de neurotransmissores e neurohormônios e na regulação do fluxo sangüíneo, tanto central quanto perifericamente.
A terceira teoria sustenta que a acupuntura possa funcionar via sistema nervoso, desencadeando sinais que interrompem as mensagens dolorosas enviadas ao cérebro. Esta hipótese é conhecida como a "Teoria do portal da dor".

LEIA MAIS

Nenhum comentário:

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK