PROCURANDO POR ALGO?

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Ainda dá tempo! Saiba como resgatar informações do seu perfil do Orkut


Para matar um pouco dessa saudade, o Google liberou a recuperação das fotos do Orkut. Além disso, é possível baixar o perfil completo do orkut e visualizar todas as comunidades




Milhares de comunidades reunindo milhões de usuários foram destaques na história da rede social

Quem não se lembra da disputa pelo topo de depoimentos? Ou comunidades diferentes como 'eu odeio segunda-feira'? As lembranças do Orkut ainda estão presentes na mente dos internautas, apesar da rede social ter sido encerrada oficialmente em 2014. Para matar um pouco dessa saudade, o Google liberou a recuperação das fotos do Orkut. Além disso, é possível baixar o perfil completo do orkut e visualizar todas as comunidades existentes na biblioteca virtual. A recuperação dos dados pode ser feita até a próxima sexta-feira (30). 
Confira o passo a passo.
- Acesse o TakeOut e desmarque todas as opções disponíveis, deixando apenas o Orkut habilitado.
- Clique em próximo e depois em 'Criar arquivo'
- Após o Google preparar seus arquivos, clique na opção 'Fazer dowload'
- Salve o backup e relembre a época do Orkut!
A carta foi publicado pelo criador do Orkut
Foto: ReproduçãoAdicionar legenda
Carta
No site do Orkut, uma carta do criador da rede social está disponível para os internautas. Nela, Orkut Buykkokten, fala da criação do orkut e faz uma reflexão sobre o mundo
"Talvez você não me conheça, mas há 12 anos eu comecei uma rede social chamada orkut.com enquanto eu trabalhava como engenheiro na Google. Eu sou o cara no qual orkut.com foi dado o nome. Em 2014 quando a Google anunciou que estava fechando orkut, foi um momento triste para nós. Orkut tinha se tornado uma comunidade com mais de 300 milhões de pessoas e foi uma incrível aventura para todos nós. Ninguém queria que perdêssemos o que tínhamos criado juntos. Nós conhecemos novas pessoas extraordinárias. Paqueramos. Encontramos novas oportunidades de trabalho. Até casamos e tivemos filhos por causa do orkut. Fizemos tudo isso acontecer, juntos.
O mundo é um lugar melhor quando nós conhecemos uns aos outros, quando somos um pouco menos desconhecidos. Eu já me senti como um estranho no ninho às vezes: Eu nasci na Turquia e fui criado na Alemanha, onde eu era um menino nerd muçulmano em uma classe cheia de loiros. Quando voltei a Turquia, estudando primeiro grau, eu era o menino esquisito com sotaque alemão. Toda a minha vida, eu sempre me senti meio afora: Eu era programador, eu era gay, ou eu era baixinho e por cima tinha um sotaque estrangeiro. Eu quase nunca tive uma jornada fácil. Mas na verdade, eu nunca tive problemas em fazer amigos, porque eu amo as pessoas".
E completa:
"Eu acho que todos nós deveríamos ser um pouquinho mais amigáveis. O mundo precisa disso. Estamos vivendo numa época estranha. Nós nos escondemos atrás de nossos aparelhos, ignorando as pessoas ao nosso redor. Nós ficamos com os habitantes locais quando viajamos ao exterior, mas nós nem sequer sabemos quem são os nossos vizinhos em casa. Nós seguimos o feed de notícias de nossos amigos debaixo de nossos cobertores, no escuro. Nossas vidas são meros pedaços de anonimato e isolamento. Muitas vezes, estamos sozinhos. Muitas vezes, temos medo do que não sabemos. Muitas vezes, temos ódio das coisas que não entendemos.
Mas eu tenho esperança sobre esse nosso mundo. Eu tenho certeza que quanto mais nos conectarmos, mais bonito ele se tornará. Eu criei o orkut com isso em mente. O mesmo motivo pelo qual eu criei a primeira rede social do mundo, quando eu ainda era um estudante de mestrado na Universidade de Stanford, e é por isso que eu dediquei a minha vida inteira a ajudar as pessoas a conectarem-se umas com as outras".
Hello é a nova rede social do criador do Orkut
Foto: Reprodução
Nova rede social: Hello
O engenheiro turco Orkut Buykkokten, criador da rede social que tinha o seu nome, divulgou, na ultima quarta-feira (22), uma carta aberta, traduzida também para o português, para anunciar o lançamento de sua segunda rede social: o Hello.
Oficialmente, o Hello já está funcionando nos Estados Unidos, Autrália, Reino Unido e Canadá. Disponível nos sistemas iOS e Android, a rede social deve chegar ao Brasil em agosto deste ano.
A plataforma permitirá que os usuários se inscrevam em mais de 100 perfis baseados nas coisas que mais gostam, como música, esportes, culinária. Dessa forma, as pessoas poderão se conectar aos que têm gostos parecidos.
Com base nos interesses, personalidade e localização o Hello ainda terá um sistema de recomendação de amigos.

Nenhum comentário:

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK