PROCURANDO POR ALGO?

sábado, 24 de setembro de 2016

Se você não quer que o WhatsApp envie seus dados para o Facebook, precisa correr



POR TNH1
Com a compra do WhatsApp pelo Facebook, era questão de tempo até que o mensageiro passasse a compartilhar metadados dos usuários com a rede social para fins comerciais. Contudo, o WhatsApp está dando até sábado (24/09) para que quem não quiser ter suas informações enviadas para o Facebook se manifeste.
A justificativa oficial para essa mudança seria que, com os metadados e informações relevantes das mensagens trocadas pelos usuários do WhatsApp, o app e o Facebook poderão combater spam, dar e receber sugestões sobre os produtos e mostrar anúncios relevantes. Ou seja, os conteúdos e links que você manda nas suas conversas poderão servir de base para o Facebook conhecer melhor suas preferências e lhe mostrar anúncios mais direcionados.
O que eu faço?
Se você não gostou dessa ideia, é possível desativar uma opção dentro do WhatsApp até sábado e evitar que essa integração aconteça na sua conta. Ainda assim, a desenvolvedora afirma que, uma vez feita, não é possível reverter a mudança nunca mais.
Portanto, confira a seguir o que é preciso fazer para evitar que o Facebook passe a “espionar” tudo o que você escrever no WhatsApp:

Passo 1
Primeiro, toque no menu de opções do WhatsApp e escolha “Configurações”.
Passo 2
Na próxima tela, clique em “Conta” e, em seguida, em “Compart. dados da conta”. É necessário desmarcar essa caixinha que já estará verde para evitar o compartilhamento de dados entre os serviços.
Passo 3
Para finalizar, o mensageiro vai mostrar uma última mensagem explicando a situação, e você deve tocar em “Não compartilhar” caso tenha realmente decidido desativar isso.
Passo 4
Feito isso, uma mensagem avisando que o compartilhamento foi desativo será mostrada, e a opção de “ Compart. dados da conta” vai sumir. Ou seja, realmente não tem como voltar atrás.
Caso você não queria que o WhatsApp compartilhe seus dados com o Facebook, é bom fazer a desativação o quanto antes. O mensageiro já afirmou que não tem um horário exato para o final do prazo no próximo sábado 24. Ou seja, é preciso agir hoje ou, no máximo, amanhã para não correr riscos.
Fonte: Tecmundo

Nenhum comentário:

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK