PROCURANDO POR ALGO?

sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

Benefícios da Folha de Algodão

O algodoeiro é usado para fins medicinais há milhares de anos. Veja os principais usos do chá feito com as folhas da planta. Saiba também quais são as contraindicações no uso. 
Folhas e flor do algodoeiro
algodoeiro é uma planta mais conhecida por fornecer o algodão que utilizamos na produção de tecidos, além de outras finalidades, como a utilização para limpar ferimentos e o seu uso nos curativos, além de ser usado para limpeza da pele, na remoção de esmalte da unha, etc. Porém, as folhas e raízes do algodoeiro também podem ser aproveitadas. De acordo com a medicina popular, as folhas de algodão são um excelente anti-inflamatório natural, além de possuir outras propriedades.
O nome científico do algodoeiro é Gossypium herbaceum. Ele pertence à família Malvaceae e estima-se que cerca de 40 espécies diferentes de algodoeiro podem ser encontradas em todo o mundo. A planta é do tipo arbustiva, possui folhas largas, flores amareladas e frutos com o interior felpudo (que dão origem ao algodão).
Com relação às origens do algodoeiro, o mais provável é que a planta tenha surgido na Ásia. Relatos de 500 a.C tratam do cultivo do arbusto no Egito, na China e na Índia. Aqui no Brasil, o mais provável é que o algodão tenha sido trazido pelos europeus por volta do século XVIII.

Benefícios e Propriedades Medicinais

Os indígenas da América do Norte utilizavas as folhas e raízes do algodoeiro para preparar medicamentos indutores do parto e também para estancar o sangue após o nascimento dos bebês. Já na China, a medicina popular atribui efeitos relacionados à fertilidade às sementes do algodão. Por isso, elas foram usadas como uma espécie de anticoncepcional para homens.
Um dos usos mais comuns do chá feito com as folhas do algodoeiro é para estimular a produção de leite em mulheres que estão amamentando. Após alguns dias de uso da infusão, mulheres relatam o aumento considerável na quantidade de leite produzida.
Além de aumentar a produção de leite, o chá de folhas de algodão ajuda na cicatrização dos pontos após o parto, seja ele normal ou cesariana. O chá pode ser ingerido ou aplicado no local, desde que esteja frio.
Algodoiero
Folhas e flor do algodoeiro
As folhas contêm diversas substâncias benéficas, como: furfurol, serotonina, óleos essenciais, resina, tanino, fenóis, ácidos orgânicos, vitamina E e fitosteróis. Elas possivelmente explicam os efeitos positivos observados popularmente, ainda que não existam estudos consistentes sobre as propriedades medicinais do chá de folha de algodoeiro.
De acordo com a medicina popular, o chá é indicado para:
  • estimular a produção de leite materno;
  • controlar as hemorragias uterinas;
  • cicatrização no pós operatório;
  • inflamações no útero;
  • ajudar na cicatrização de cirurgias;
  • diminuir a produção de espermatozoides;
  • regular os níveis do colesterol no sangue;
  • reduzir o tamanho da próstata;
  • tratar infecções renais;
  • combater as dores do reumatismo;
  • controlar o fluxo menstrual excessivo.

Contraindicações

Como comentamos antes, não existem estudos que comprovem todos as propriedades listadas. Por isso, é importante tomar cuidado ao fazer uso do chá feito com as folhas de algodoeiro. Ele não deve ser consumido por mulheres que querem engravidar, pois a planta contém substâncias que dificultam a implantação do óvulo. Além disso, a ingestão do chá pode, em alguns casos, aumentar o fluxo sanguíneo durante o período menstrual. Se observar esse efeito, interrompa o tratamento.
LEIA TAMBÉM:

Chá de Folha de Algodão

Nenhum comentário:

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK