PROCURANDO POR ALGO?

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Nova tecnologia promete inovar sistema prisional amazonense



A ideia surgiu depois do massacre no presídio Anísio Jobim, em janeiro deste ano, que deixou 56 mortos
Uma nova tecnologia promete inovar o sistema prisional amazonense. O governo pretende implementar uma técnica de reconhecimento facial e biométrico de todos os presos do estado.

A ideia surgiu depois do massacre no presídio Anísio Jobim, em janeiro deste ano, que deixou 56 mortos. Segundo a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, o projeto está sob o comando da empresa de Processamento de Dados Amazonas S.A (Prodam).
A chacina, que aconteceu por conta de briga entre facções, foi considerada a maior já registrada no sistema penitenciário do estado e o segundo maior do Brasil, ficando apenas atrás do Carandiru.

Nenhum comentário:

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK