PROCURANDO POR ALGO?

terça-feira, 7 de abril de 2020

Maior líder política de Aracoiaba, ex-prefeita Marilene Campelo comemora aniversário hoje

Dra. Marilene Campelo Nogueira

POR RC7

Maior liderança política de Aracoiaba, a ex-prefeita Marilene Campêlo comemora nesta terça-feira (7) mais um ano de vida. Carismática e popular, Marilene recebeu nas primeiras horas da manhã os cumprimentos, de familiares, amigos e partidários. As felicitações prometem agitar a cidade de Aracoiaba durante todo o dia.

Marilene é uma legenda viva da política local, ícone e referencial para milhares de pessoas, um exemplo de amor à coisa pública e ao seu povo.

De acordo com populares, ela é um símbolo de trabalho, de capacidade, ética e honestidade e, principalmente, de lealdade política”.

Marilene Campêlo Nogueira é uma renomada liderança política na cidade de Aracoiaba, já exerceu vários mandatos como prefeita, vice-prefeita e vereadora de Aracoiaba.

Marilene Campêlo é filha do ilustre casal José Bezerra Campelo e Luiza Cunha Campelo, mãe de Thiago Campelo (Advogado), Jonas Campelo (Biólogo) e Pedro Campelo (Engenheiro), avó de João Benicio (filho de seu primogênito) e esposa de José Danúsio Nogueira (agrônomo).

LEIA MAIS EM...

Auxílio Emergencial - Datas, Pagamento, Aplicativo, Erros e mais dúvidas!

Auxílio emergencial começou com tudo no Brasil!
@Reprodução / Youtube
POR CONSULTA PÚBLICA
Auxílio emergencial começou com tudo no Brasil! Milhões de cadastros no primeiro dia e com isso também muitas dúvidas e alguns problemas de instabilidade, tanto no aplicativo auxílio emergencial quanto no site auxílio emergencial. Dúvidas no nosso instagram -
https://www.instagram.com/canalconsultapublica/
Cadastro auxílio emergencial O cadastro pode ser feito através do auxilio emergencial site (https://auxilio.caixa.gov.br/) ou através do auxílio emergencial aplicativo, disponível nas principais plataformas (Android e IOS). Quem precisa fazer o cadastro nesta etapa?
Quem não está cadastrado no Bolsa Família ou no Cadastro Único. Qual a data de pagamento do auxílio emergencial Caixa? Pessoas que estão no Cadastro Único que não recebem Bolsa Família e têm conta no Banco do Brasil ou poupança na Caixa Econômica Federal: quinta-feira (9); Pessoas que estão no Cadastro Único que não recebem Bolsa Família e não têm conta nesses bancos: terça-feira da semana que vem (14 de abril); Trabalhadores informais que não estão no Cadastro Único: em 5 cinco dias úteis após inscrição no programa de auxílio emergencial (veja como se inscrever abaixo); Beneficiários do Bolsa Família: últimos 10 dias úteis de abril, seguindo o calendário regular do programa Quem pode receber? - ser maior de 18 anos de idade; - não ter emprego formal; - não ser titular de benefício previdenciário ou assistencial, beneficiário do seguro-desemprego ou de programa de transferência de renda federal, à exceção do Bolsa Família; - ter renda familiar mensal por pessoa de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal total de até três salários mínimos; - que, no ano de 2018, não tiver recebido rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70.

CONFIRA O VÍDEO:
Auxílio Emergencial - Datas, Pagamento, Aplicativo, Erros e mais dúvidas!

Adeus lactose! Aprenda a fazer leite de aveia em casa

Muitas pessoas são intolerantes ao açúcar do leite, denominado lactose
@
Para quem é intolerante à lactose ou quer deixar de consumir leite animal, o leite de aveia é uma excelente opção. Barato, prático e de sabor suave, é possível substituir o leite de vaca pelo vegetal em quase todas as receitas: bolos, molhos, biscoitos, tortas, papas e até para misturar no café ou no chá. 

Veja esta receita da estrela do mundo da culinária Bela Gil:

Ingredientes:
- 1 xícara de aveia hidratada;
- 1 litro de água. 

Preparação:
Hidrate a aveia colocando-a de molho na água durante até três horas.
Num liquidificador, bata a aveia hidratada com 1 litro de água. Peneire para extrair o leite e beba.
POR NOTÍCIAS AO MINUTO

VEJA MAIS RECEITAS EM...
SENTA AÍ QUE LÁ VEM RECEITA

Aprenda a fazer o café da manhã mais potente de todos

Rápido, simples e muito nutritivo
@
Antes de mais nada, não tenha medo de comer abacates nem ovos. Muito menos, abacates com ovos! Estes dois alimentos são vistos com algum ceticismo devido ao valor calórico e à presença de gorduras, mas são gorduras boas, essenciais e que não podem faltar na alimentação.

E se lhe dissermos que o café da manhã mais potente de todos combina justamente estes dois alimentos? Não acredita? Então veja a solução apresentada pelo Huffington Post: ovos cozidos em abacate.

Soa a manjar dos deuses? E é, é um manjar saudável, nutritivo e que sacia, que, na verdade, tanto dá para o café da manhã, como para o almoço, lanche ou jantar. E muito fácil de fazer.

Basta começar por aquecer o forno e cortar o abacate em duas metades. Retire o caroço e alargue, com uma colher, o buraco deixado pelo caroço nas duas partes do alimento. Em seguida, coloque o abacate numa assadeira e verta um ovo em cada metade, temperando à gosto.

Leve ao forno e sirva com os acompanhamentos desejados.
POR NOTÍCIAS AO MINUTO

Rio usa sinal de celular para evitar aglomerações

Medida integra pacote de combate à disseminação do novo coronavírus
@
O serviço Disk Aglomeração da prefeitura do Rio de Janeiro, que está atendendo pela Central 1746, vai começar a utilizar os sinais de celulares para identificar pontos de aglomeração de pessoas. A medida integra o pacote de combate à disseminação do novo coronavírus, que já conta 1.110 casos confirmados e 47 óbitos por covid-19 no município.

O uso dos dados faz parte de uma parceria do Centro de Operações Rio (COR) com a operadora de telefonia TIM. Na semana passada, o governo federal também firmou parceria nesse sentido com as empresas de telefonia Vivo, Claro, Oi, Tim e Algar, que vai durar por todo período de calamidade pública da covid-19.
A ferramenta identifica a quantidade de pessoas em algum local por meio do sinal emitido pelas antenas de aparelho celulares. Os dados são transmitidos e atualizados em tempo real no painel do Gabinete de Crise montado no Riocentro.
Serão utilizadas câmeras da prefeitura para complementar as informações e identificar os casos de trabalhadores em expediente ou pedestres. Após essa análise, uma equipe pode ser enviada ao local para dispersar as pessoas.
Para o secretário municipal de Ordem Pública, Gutemberg Fonseca, a plataforma vai ampliar a capacidade de atuação do poder público para evitar as aglomerações.
“Embora a parceria seja apenas com uma companhia telefônica, é possível estimar o público naquela região com base na participação de cada empresa no mercado. A parceria com a TIM e o COR é o primeiro passo para conseguirmos ampliar ainda mais nossa atuação no combate ao novo coronavírus, seguindo as determinações do prefeito Marcelo Crivella.”
De acordo com ele, o sistema assegura o sigilo dos dados dos clientes. “É muito importante dizer que todas as informações coletadas são anônimas, respeitando critérios de confidencialidade e segurança de dados pessoais, conforme prevê a Legislação.”
O chefe-executivo do COR, Alexandre Cardeman, explica que a mesma tecnologia já foi utilizada no município, para ajudar no planejamento da mobilidade durante os Jogos Olímpicos de 2016.
Foram destacados para o serviço 30 agentes, entre guardas municipais e policiais militares, divididos em cinco equipes. O objetivo é fiscalizar reuniões de dez pessoas ou mais que não tenham justificativa aparente e não respeitem a distância de um metro e meio entre elas.
Segundo a prefeitura, foram atendidos até o fim de semana 776 chamados e encontradas 273 aglomerações. A central também fiscalizou 1.933 estabelecimentos e fechou 1.282, que estavam funcionando em desacordo com as determinações do poder municipal. O serviço, operado pela Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop), pode ser solicitado pelo site da Central 1746.
Os bairros com mais chamadas são Campo Grande, Centro, Realengo, Bangu, Barra da Tijuca, Recreio dos Bandeirantes, Tijuca, Copacabana, Santa Cruz e Taquara.

Governo começa a pagar auxílio emergencial de R$ 600 na quinta-feira

Primeiros a receber serão os inscritos no CadÚnico
@
O governo começa a pagar na quinta-feira (9) a primeira parcela do auxílio emergencial de R$ 600 para pessoas inscritas no Cadastro Único (CadÚnico) com conta no Banco do Brasil ou poupança na Caixa Econômica Federal. Para os clientes dos demais bancos, o pagamento será feito a partir do dia 14 deste mês.

O segundo pagamento do benefício de R$ 600 ocorrerá entre 27 e 30 de abril, conforme a data de aniversário dos beneficiários. E a última parcela será paga de 26 a 29 de maio. A ideia é que todo o pagamento do benefício – as três parcelas de R$ 600 - seja feito em cerca de 45 dias, totalizando a liberação R$ 98 bilhões para 54 milhões de pessoas.
Hoje (7) foram lançados o site da Caixa e aplicativos para iOS e Android para os trabalhadores informais, autônomos, microempreendedores individuais (MEI) e contribuintes da Previdência que ainda não têm informações no CadÚnico. O cadastramento também é necessário para as pessoas que não estavam no CadÚnico até o dia 20 de março. Quem não sabe se está no cadastro pode conferir a situação ao digitar o número do CPF no aplicativo.

Aplicativo gratuito

O aplicativo pode ser baixado gratuitamente. De acordo com o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, houve um acordo com empresas de telefonia para que mesmo as pessoas sem crédito no celular pré-pago possam baixar a ferramenta sem custo. A Caixa disponibilizou ainda a central 111 para tirar dúvidas sobre como fazer o cadastramento.
“O aplicativo é só para quem é MEI, que é contribuinte individual do INSS ou informal. Quem está no Bolsa Família ou outros programas do governo federal não precisa fazer o cadastro”, ressaltou Onyx, em entrevista coletiva, nesta manhã, no Palácio do Planalto.
No caso dos beneficiários do Bolsa Família, o pagamento seguirá o calendário normal do programa. De acordo com o presidente da Dataprev, Gustavo Canuto, o CadÚnico tem 75 milhões de pessoas inscritas. Desses, 43,6 milhões são beneficiários do Bolsa Família.
Ao excluir os beneficiários do Bolsa Família, ficam 31,4 milhões de pessoas. “Desse universo de 31,4 milhões de pessoas, foram identificadas mais de 10 milhões que estão elegíveis para receber o auxílio emergencial. Hoje estamos na fase final de análise desse dados para garantir que todos os quesitos foram atendidos e nenhum pagamento será efeito para quem não estiver estritamente coberto pela lei”, disse Canuto.

Conta digital

O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, anunciou que criará 30 milhões de contas digitais para beneficiários sem conta em banco. Os beneficiários poderão movimentar a conta e fazer transferências gratuitamente, mas inicialmente não será possível sacar o dinheiro. Ainda será divulgado um cronograma para a realização de saques. Segundo Guimarães, haveria um “colapso” se fosse liberado o saque para todos ao mesmo tempo.
Guimarães informou ainda que fará transferência gratuita para contas em bancos privados e públicos estaduais nos casos de beneficiários que já têm conta.
Os recursos que forem transferidos para conta de beneficiários não poderão ser usados para pagar dívidas, como o cheque especial. Segundo o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, foi feito um acordo com os bancos para evitar que o auxílio seja usado para pagar automaticamente dívidas dos clientes.
“Mesmo se estiverem com débitos anteriores, esse dinheiro fica protegido. É um auxílio emergencial para sustentação das pessoas”, disse o ministro.

Segurança

Onyx destacou que a Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e a Polícia Federal investigam casos de fraudes e que a segurança do sistema da Caixa “está reforçadíssima”. “Fraudadores, atenção, vocês vão parar é na cadeia”, disse.
“O presidente [Jair] Bolsonaro quer transparência, segurança e agilidade. É o que estamos nos empenhando para fazer. Na medida em que as coisas vão avançando no Brasil, nós vamos retomar o trabalho em poucos dias”, disse o ministro.
Ele destacou ainda que a lei aprovada no Congresso e sancionada pelo presidente  determina a cobertura emergencial por três meses. Considerando o histórico das epidemias recentes, que dura de 12 a 14 semanas até a superação da doença, segundo o ministro, esse apoio de 90 dias deve ser suficiente. “Vamos acompanhando e vendo a necessidade de uma eventual suplementação”, disse.
Hoje, às 15h, a Caixa dará uma entrevista coletiva para explicar mais detalhes do pagamento do auxílio emergencial. Um decreto regulamentando essas operações também deverá ser publicado hoje em edição extra do Diário Oficial da União.

Caixa lança site e aplicativo para solicitar auxílio emergencial de R$ 600

Terão direito ao benefício, que será pago por até três meses, trabalhadores informais, desempregados, MEIs e contribuintes individuais do INSS, que cumpram requisito de renda média.
@
POR G1
A Caixa Econômica Federal disponibilizou nesta terça-feira (7) o site e o aplicativo por meio do qual informais, autônomos, desempregados e MEIs podem solicitar o auxílio emergencial de R$ 600.


O aplicativo deve ser usado pelos trabalhadores que forem Microempreendedores Individuais (MEIs), trabalhadores informais sem registro e contribuintes individuais do INSS. Aqueles que já recebem o Bolsa Família, ou que estão inscritos no Cadastro Único, não precisam se inscrever pelo aplicativo. O pagamento será feito automaticamente. (Clique aqui para ver como saber se você está no Cadastro Único).


Os trabalhadores que não tiverem acesso à internet poderão fazer o cadastro nas agências da Caixa ou nas casas lotéricas.

LEIA TAMBÉM: Cadastro Auxílio Emergencial - Passo a passo de como fazer no APP e Site

A Caixa também disponibilizou o telefone 111 para tirar dúvidas dos trabalhadores sobre o auxílio emergencial. Não será possível se inscrever pelo telefone, apenas tirar dúvidas. Na manhã desta terça, o G1 tentou contato, mas o sistema estava indisponível.
Página de abertura - solicitação de auxílio emergencial de R$ 600 — Foto: Reprodução
O benefício será pago a trabalhadores informais, autônomos e MEIs.

Será preciso se enquadrar em uma das condições abaixo:

  • ser titular de pessoa jurídica (Micro Empreendedor Individual, ou MEI);
  • estar inscrito Cadastro Único (CadÚnico) para Programas Sociais do Governo Federal até o último dia dia 20 de março;
  • cumprir o requisito de renda média (renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa, e de até 3 salários mínimos por família) até 20 de março de 2020;
  • ser contribuinte individual ou facultativo do Regime Geral de Previdência Social.

Além disso, todos os beneficiários deverão:

  • ter mais de 18 anos de idade;
  • ter renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa (R$ 522,50);
  • ter renda mensal até 3 salários mínimos (R$ 3.135) por família;
  • não ter recebido rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2018.
  • A mulher que for mãe e chefe de família, e estiver dentro dos demais critérios, poderá receber R$ 1,2 mil (duas cotas) por mês.

É preciso ter CPF e estar com ele regular para poder realizar o cadastro.
Na renda familiar, serão considerados todos os rendimentos obtidos por todos os membros que moram na mesma residência, exceto o dinheiro do Bolsa Família.
Quem já recebe outro benefício que não seja o Bolsa Família (como seguro desemprego, aposentadoria) não terá direito ao auxílio emergencial.
FONTE:
https://g1.globo.com/economia/noticia/2020/04/07/caixa-lanca-site-para-solicitar-auxilio-de-r-600.ghtml

Cadastro Auxílio Emergencial - Passo a passo de como fazer no APP e Site


FONTE DO VÍDEO:
Aprenda a fazer o cadastro auxílio emergencial. Neste vídeo, mostramos em detalhes como fazer o cadastro do auxílio emergencial no site da Caixa.
Clique aqui para fazer a inscrição pelo site:

Caixa terá app para trabalhadores informais receberem benefício emergencial

Em conjunto com a Caixa, o governo está criando um aplicativo para trabalhadores informais receberem o benefício emergencial por conta do coronavírus
@
POR OLHAR DIGITAL
Para minimizar os problemas causados por conta do surto do coronavírus, o Governo cederá R$ 600,00 de ajuda emergencial para trabalhadores informais, que não fazem parte de seus dados de programas sociais. Este anúncio, a princípio, foi realizado pelos ministros Paulo Guedes, Onyx Lorenzoni e, também, pelo presidente da Caixa, o Pedro Guimarães.
LEIA MAIS EM...

Virologista explica como o novo coronavírus se torna tão mortal

Atuação do vírus no corpo é o segredo de sua fácil disseminação
@
POR OLHAR DIGITAL
Benjamin Neuman, virologista e professor de Biologia na Universidade A&M do Texas, publicou um estudo para explicar o que o novo coronavírus faz ao corpo de uma pessoa para se tornar tão mortal.

LEIA MAIS EM...



ACOMPANHE AQUI O CORONAVÍRUS

CASOS CONFIRMADOS:
BRASIL: 12 240
MUNDO: 1 364 711
TOTAL DE RECUPERADOS:
BRASIL: 127
MUNDO: 293 843
TOTAL DE ÓBITOS:
BRASIL:566
MUNDO: 76 449
DATA: 07/04/2020
HORÁRIO: 11h22

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
AVISO IMPORTANTE!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. EMAIL: josenidelima@bol.com.br FAVOR INFORMAR O LINK