PROCURANDO POR ALGO?

sábado, 6 de julho de 2013

beijão

..


Enviado em 04/06/2011
beijão
  • Categoria

  • Licença

    Licença padrão do YouTube

Você Sabe o Que é Bacanal

..


Enviado em 29/05/2011
Você Sabe o Que é Bacanal
  • Categoria

  • Licença

    Licença padrão do YouTube

FESTA DO MUNICÍPIO



Seguindo · há 15 horas 

Vem comemorar com a gente ao som da melhor do Brasil!
 


MTE divulga calendário de Pagamento do Abono Salarial do PIS/PASEP, exercício 2013/2014


MTE divulga calendário de Pagamento do Abono Salarial do PIS/PASEP, exercício 2013/2014

Ontem, dia 4 de julho, o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) apresentou o calendário de pagamento do Abono Salarial do PIS/PASEP – Exercício 2013/2014 – nas agências da Caixa e do Banco do Brasil. O benefício começa a ser pago a partir de 13 de agosto e termina em 30 de junho de 2014.


Podem sacar o Abono Salarial todas às pessoas que trabalharam com vínculo empregatício por pelo menos 30 dias no ano anterior ao exercício e tenham recebido, em média, até dois salários mínimos. Também é preciso estar inscrito no Programa de Integração Social (PIS) ou no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Púbico (Pasep) há cinco anos.

O Abono Salarial é liberado anualmente aos trabalhadores cadastrados no PIS que estejam cadastrados no Programa há pelo menos cinco anos; tenham recebido de empregador contribuinte do PIS/Pasep (inscrito sob CNPJ), remuneração mensal média de até dois salários mínimos durante o ano-base que for considerado para a atribuição do benefício; que tenham exercido atividade remunerada, durante pelo menos 30 dias, consecutivos ou não, no ano-base considerado para apuração; que tenham seus dados informados pelo empregador corretamente na Relação Anual de Informações Sociais (Rais) do ano-base considerado.
O Abono equivale a um salário mínimo vigente e o pagamento é efetuado conforme calendário anual estabelecido pelo Codefat e divulgado pela Caixa.

O pagamento do Abono Salarial pode ser realizado:

- Por meio de crédito em conta, quando o trabalhador possui conta individual na Caixa, com saldo positivo e movimentação nos últimos meses. -
- Através do crédito na folha de pagamento, caso a empresa empregadora do trabalhador tenha celebrado convênio Caixa PIS-Empresa. 
- Nos terminais de autoatendimento, Correspondente Caixa Aqui e Loterias, utilizando o Cartão do Cidadão com senha cadastrada. 
- Em agência da Caixa, mediante apresentação do número do PIS e um dos documentos de identificação abaixo relacionados: carteira de identidade; carteira de Habilitação (modelo novo), observado o prazo de validade, se houver; carteira funcional reconhecida por decreto; identidade militar; carteira de identidade de estrangeiros; passaporte emitido no Brasil ou no Exterior e CTPS.
  
Os trabalhadores inscritos no PIS devem ir às agências da Caixa. Quem tiver Cartão Cidadão com senha cadastrada, pode fazer o saque em agências lotéricas, caixa de auto-atendimento e postos do Caixa Aqui. Os inscritos no Pasep recebem no Banco do Brasil. Para sacar, devem apresentar um documento de identificação e o número de inscrição nos Programas.

CRONOGRAMA DE PAGAMENTO DO ABONO SALARIAL - EXERCÍCIO 2013/2014 – De acordo com o Ministério do Trabalho e Emprego:


NAS AGÊNCIAS DA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL


NASCIDOS
EM
RECEBEM A
PARTIR DE
RECEBEM
ATÉ
JULHO
13 / 08 / 2013
30 / 06 / 2014
AGOSTO
15 / 08 / 2013
30 / 06 / 2014
SETEMBRO
20 / 08 / 2013
30 / 06 / 2014
OUTUBRO
22 / 08 / 2013
30 / 06 / 2014
NOVEMBRO
12 / 09 / 2013
30 / 06 / 2014
DEZEMBRO
17 / 09 / 2013
30 / 06 / 2014
JANEIRO
19 / 09 / 2013
30 / 06 / 2014
FEVEREIRO
24 / 09 / 2013
30 / 06 / 2014
MARÇO
10 / 10 / 2013
30 / 06 / 2014
ABRIL
15 / 10 / 2013
30 / 06 / 2014
MAIO
17 / 10 / 2013
30 / 06 / 2014
JUNHO
22 / 10 / 2013
30 / 06 / 2014

I - O crédito em conta para correntistas da CAIXA será efetuado a partir de julho/2013.
II – Pagamento pelo CAIXA PIS-Empresa (por intermédio das empresas conveniadas) - o crédito será efetuado na folha de salários dos meses de julho a agosto/2013.
III - Pagamento de Abono regularização cadastral (inciso II do art. 2º, desta Resolução) no período de 02.12.2013 a 30.06.2014.


CRONOGRAMA DE PAGAMENTO DO ABONO SALARIAL - EXERCÍCIO 2013/2014 PROGRAMA DE FORMAÇÃO DO PATRIMÔNIO DO SERVIDOR PÚBLICO - PASEP

NAS AGÊNCIAS DO BANCO DO BRASIL S.A.
FINAL DA INSCRIÇÃO
INÍCIO DE PAGAMENTO
ATÉ
0 e 1
13 / 08 / 2013
30 / 06 / 2014
2 e 3
20 / 08 / 2013
30 / 06 / 2014
4 e 5
27 / 08 / 2013
30 / 06 / 2014
6 e 7
03 / 09 / 2013
30 / 06 / 2014
8 e 9
10 / 09 / 2013
30 / 06 / 2014

I - O crédito em conta para correntistas do Banco do Brasil será efetuado a partir de julho/2013.
II - Pagamento pela FOPAG (através da folha de pagamento das entidades conveniadas) - o crédito será efetuado a partir de julho/2013.



FONTE:
http://www.multifazes.com/

PROTESTO Nº2013!


"Verás que um filho teu não foge
à luta"... Terra adorada!
(Joaquim Osório Duque Estrada)

P r o t e s t o - Nº 2013.

Eu verso porque o momento exige
E o meu poema uma faixa exibe:
Que o estatuto tenha outro critério...
O pai, a mãe, que eduquem o filho
Porque se o mesmo sair do trilho
O destino dele é cadeia ou cemitério.

Mata, rouba, zomba, causa o terror
E não podemos chamá-lo de infrator
E sim, menor em conflito com a lei...
Senhores políticos usem a sensatez
Maioridade penal a partir dos dezesseis
Senão como será o amanhã, não sei!

Urge que se proponha mudanças já
A sociedade não pode mais esperar
Ouça-se das ruas uníssono alarido...
Estatuto da criança e do adolescente
Deve ser projetado pro menor carente
E não pra proteger o menor bandido!

03/07/2013 - D I L S O N - NATAL/RN.
PUBLICADO NO RECANTO DAS LETRAS
Enviado por DILSON POETA em 04/07/2013
Código do texto: T4372068
Classificação de conteúdo: seguro

Para limpar a mente das impressões do passado

Nova publicação em Universo Natural

Para limpar a mente das impressões do passado

by José Batista de Carvalho
limpar a menteSe você sente dificuldade para confiar, então você tem de retroceder. Tem de mergulhar fundo nas suas lembranças. Tem de voltar ao passado. Limpar a mente das impressões do passado. Você deve estar carregando um monte de lixo do passado; livre-se dele.
Essa é a chave para ter confiança: se você conseguir não só recordar tudo isso, mas também se livrar dessas lembranças. Faça isso durante a meditação.
Todo dia, à noite, faça essa retrospectiva durante uma hora. Tente recordar tudo o que aconteceu na sua infância. Quanto mais fundo você for, melhor — porque você esconde muitas coisas que aconteceram, sem deixá-las aflorar na consciência. Deixe que elas venham à superfície.
Se fizer isso todo dia, cada vez irá mais fundo. Primeiro você vai se lembrar de quando tinha em torno de 4 ou 5 anos, e não conseguirá ir além disso. De repente, será como se tivesse diante de você a Muralha da China.
Mas siga adiante — pouco a pouco, você verá que está indo mais fundo: 3 anos, 2 anos... Existe quem já tenha se lembrado de quando saiu do útero da mãe. Há quem tenha lembranças de quando estava dentro do útero e há quem vá além disso, lembrando-se do momento da morte numa vida passada.
Mas se você conseguir chegar ao ponto em que nasceu e puder relembrar esse momento, será uma experiência profunda, dolorosa. Será quase como nascer de novo. Você pode gritar como o bebê gritou pela primeira vez.
Pode se sentir sufocado como o bebê ao sair do útero — porque, por alguns segundos, ele não consegue respirar. Sente um sufocamento terrível: então grita e volta a respirar; a passagem se abre, os pulmões começam a funcionar. Talvez você precise começar desse ponto. Retroceder dali.
Tente outra vez, toda noite. Isso levará de três a nove meses, pelo menos, e todo dia você se sentirá mais aliviado, mais e mais aliviado, e a confiança, por sua vez, irá aumentando simultaneamente.
Depois que o passado estiver claro e você tiver visto tudo o que aconteceu, você se livrará dele. Esta é a chave: tome consciência de tudo o que você tem na memória e você se verá livre disso. A consciência liberta, a inconsciência gera escravidão.
Só assim será possível ter confiança.

Osho
José Batista de Carvalho | 06/07/2013 às 09:28

LEITURA DO DIA

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 9, 14-17


Naquele tempo: 14Os discípulos de João aproximaram-se de Jesus e perguntaram: 'Por que razão nós e os fariseus praticamos jejuns, mas os teus discípulos não?'


Sábado, 6 de Julho de 2013.

Santo do dia: Santa Maria Goretti, virgem e mártir; São Pedro Wang Zuolong, mártir

Cor litúrgica: 
verde

Primeira leitura: Gênesis 27, 1-5.15-29
Leitura do livro do Gênesis:

1Quando Isaac ficou velho, seu olhos enfraqueceram e já não podia ver. Chamou, então, o filho mais velho Esaú, e lhe disse: 'Meu filho!' Este respondeu: 'Aqui estou!' 2Disse-lhe o pai: 'Como vês, já estou velho e não sei qual será o dia da minha morte. 3Toma as tuas armas, as flechas e o arco, e sai para o campo. Se apanhares alguma caça, prepara-me um assado saboroso, 4como sabes que eu gosto, e traze-o para que o coma, e assim te dar a bênção antes de morrer'. 5Rebeca escutava o que Isaac dizia a seu filho Esaú. Esaú saiu para o campo à procura de caça para o pai. 15Rebeca tomou, então, as melhores roupas que o filho mais velho tinha em casa, e vestiu com elas o filho mais novo, Jacó. 16Cobriu-lhe as mãos e a parte lisa do pescoço com peles de cabrito. 17Pôs nas mãos do filho Jacó o assado e o pão que havia preparado. 18Este levou-os ao pai, dizendo: 'Meu pai!' 'Estou ouvindo', respondeu Isaac. 'Quem és tu, meu filho?' 19E disse Jacó a seu pai: 'Eu sou Esaú, teu filho primogênito; fiz como me ordenaste. Levanta-te, senta-te e come da minha caça, para me abençoares'. 20Isaac replicou-lhe: 'Como conseguiste achar assim depressa, meu filho?' Ele respondeu: 'É o Senhor teu Deus que fez que isso acontecesse'. 21Isaac disse a Jacó: 'Vem cá, meu filho, para que eu te apalpe e veja se és ou não meu filho Esaú'. 22Jacó achegou-se a seu pai Isaac, que o apalpou e disse: 'A voz, é a voz de Jacó, mas as mãos são as mãos de Esaú'. 23E não o reconheceu, pois suas mãos estavam peludas como as do seu filho Esaú. Então, decidiu abençoá-lo. 24Perguntou-lhe ainda: 'Tu és, de fato, meu filho Esaú?' Ele respondeu: 'Sou'. 25Isaac continuou: 'Meu filho, serve-me da tua caça para eu comer e te abençoar'. Jacó serviu-o e ele comeu; trouxe-lhe depois vinho e ele bebeu. 26Disse-lhe então seu pai Isaac: 'Aproxima-te, meu filho, e beija-me'. 27Jacó aproximou-se e o beijou. Quando Isaac sentiu o cheiro das suas roupas, abençoou-o, dizendo: 'Este é o cheiro do meu filho: é como o aroma de um campo fértil que o Senhor abençoou! 28Que Deus te conceda o orvalho do céu, e a fertilidade da terra, a abundância de trigo e de vinho. 29Que os povos te sirvam e se prostrem as nações em tua presença. Sê o senhor de teus irmãos, e diante de ti se inclinem os filhos de tua mãe. Maldito seja quem te amaldiçoar, e quem te abençoar, seja bendito!'.

- Palavra do Senhor
- Graças a Deus
 
Salmo 135

- Louvai o Senhor, bendizei-o; louvai o Senhor, servos seus, que celebrais o louvor em seu templo e habitais junto aos átrios de Deus!

R: - Louvai o Senhor, porque é bom!

- Louvai o Senhor, porque é bom; cantai ao seu nome suave! Escolheu para si a Jacó, preferiu Israel por herança.

R: - Louvai o Senhor, porque é bom!

- Eu bem sei que o Senhor é tão grande, que é maior do que todos os deuses. Ele faz tudo quanto lhe agrada, nas alturas dos céus e na terra, no oceano e nos fundos abismos
R: - Louvai o Senhor, porque é bom!
 
Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 9, 14-17

- Aleluia, Aleluia, Aleluia!
- Minhas ovelhas escutam minha voz, eu as conheço e elas me seguem (Jo 10, 27)


Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus:

Naquele tempo: 14Os discípulos de João aproximaram-se de Jesus e perguntaram: 'Por que razão nós e os fariseus praticamos jejuns, mas os teus discípulos não?' 15Disse-lhes Jesus: 'Por acaso, os amigos do noivo podem estar de luto enquanto o noivo está com eles? Dias virão em que o noivo será tirado do meio deles. Então, sim, eles jejuarão. 16Ninguém coloca remendo de pano novo em roupa velha, porque o remendo repuxa a roupa e o rasgão fica maior ainda. 17Também não se coloca vinho novo em odres velhos, senão os odres se arrebentam, o vinho se derrama e os odres se perdem. Mas vinho novo se coloca em odres novos, e assim os dois se conservam.'
- Palavra da Salvação
- Glória a Vós, Senhor.

Comentário do dia Beato João Paulo II (1920-2005), Papa 
Carta apostólica «Mulieris dignatatem», §§26-27
(trad. © Libreria Editrice Vaticana, rev.)

A Eucaristia: dom de Cristo/Esposo à Igreja/Esposa
É na Eucaristia que, em primeiro lugar, se exprime de modo sacramental o acto redentor de Cristo Esposo em relação à Igreja Esposa. [...] O Concílio Vaticano II renovou na Igreja a consciência da universalidade do sacerdócio. Na Nova Aliança, há um só sacrifício e um só sacerdote: Cristo. Deste único sacerdócio participam todos os baptizados, tanto homens como mulheres, enquanto devem «oferecer-se a si mesmos como vítima viva, santa, agradável a Deus» (cf Rom 12,1), dar em toda parte testemunho de Cristo e, a quem pergunte, dar uma resposta acerca da esperança da vida eterna (cf 1 Pdr 3,15). [...] Na Igreja, todos [...] participam, não só da missão sacerdotal, mas também da missão profética e real de Cristo Messias.
Esta participação determina, outrossim, a união orgânica da Igreja, como Povo de Deus, com Cristo. Nela se exprime ao mesmo tempo o «grande mistério» da Carta aos Efésios: a Esposa unida ao seu Esposo, unida porque vive a sua vida; unida porque participa na sua tríplice missão [...]; unida de maneira a responder com um «dom sincero de si mesma» ao dom inefável do amor do Esposo, Redentor do mundo. Isto diz respeito a toda a Igreja, tanto a mulheres como a homens, e diz respeito obviamente também àqueles que participam do sacerdócio ministerial, que é por natureza um serviço. No âmbito do «grande mistério» de Cristo e da Igreja, todos são chamados a responder - como uma esposa - com o dom da sua vida ao dom inefável do amor de Cristo, o qual, como Redentor do mundo, é o único Esposo da Igreja.


TwitterFacebookOrkut
Arautos do Evangelho
Copyright© Arautos do Evangelho 2011 Todos os direitos reservados.
Divulgação autorizada, citando a fonte.

EVANGELHO DO DIA

Santa Maria Goretti – Sábado 06/07/13


Primeira Leitura (Gn 27,1-5.15-29)
Leitura do Livro do Gênesis.
Quando Isaac ficou velho, seus olhos enfraqueceram e já não podia ver. Chamou, então, o filho mais velho Esaú, e lhe disse: “Meu Filho!” Este respondeu: “Aqui estou!”Disse-lhe o pai: “Como vês, já estou velho e não sei qual será o dia da minha morte.Toma as tuas armas, as flechas e o arco, e sai para o campo. Se apanhares alguma caça, prepara-me um assado saboroso, como sabes que eu gosto, e traze-o para que o coma, e assim te dar a bênção antes de morrer”.
Rebeca escutava o que Isaac dizia a seu filho Esaú. Esaú saiu para o campo à procura de caça para o pai. 15 Rebeca tomou, então, as melhores roupas que o filho mais velho tinha em casa, e vestiu com elas o filho mais novo, Jacó. 16 Cobriu-lhe as mãos e a parte lisa do pescoço com peles de cabrito. 17 Pôs nas mãos do filho Jacó o assado e o pão que havia preparado. 18 Este levou-os ao pai, dizendo: “Meu pai!”
“Estou ouvindo”, respondeu Isaac. “Quem és tu, meu filho?” 19 E disse Jacó a seu pai: “Eu sou Esaú, teu filho primogênito; fiz como me ordenaste. Levanta-te, senta-te e come da minha caça, para me abençoares”.
20 Isaac replicou-lhe: “Como conseguiste achar assim depressa, meu filho?” Ele respondeu: “É o Senhor teu Deus que fez com que isso acontecesse”. 21 Isaac disse a Jacó: “Vem cá, meu filho, para que eu te apalpe e veja se és ou não meu filho Esaú”.
22 Jacó achegou-se a seu pai Isaac, que o apalpou e disse: “A voz é a voz de Jacó, mas as mãos são as mãos de Esaú”. 23 E não o reconheceu, pois suas mãos estavam peludas como as do seu filho Esaú. Então, decidiu abençoá-lo. 24 Perguntou-lhe ainda: “Tu és, de fato, meu filho Esaú?” Ele respondeu: “Sou”. 25 Isaac continuou:
“Meu filho, serve-me da tua caça para eu comer e te abençoar”. Jacó serviu-o e ele comeu; trouxe-lhe depois vinho e ele bebeu. 26 Disse-lhe então seu pai Isaac: “Aproxima-te, meu filho, e beija-me”. 27 Jacó aproximou-se e o beijou. Quando Isaac sentiu o cheiro das suas roupas, abençoou-o, dizendo: “Este é o cheiro do meu filho: é como o aroma de um campo fértil que o Senhor abençoou! 28 Que Deus te conceda o orvalho do céu, e a fertilidade da terra, a abundância de trigo e de vinho. 29 Que os povos te sirvam e se prostrem as nações em tua presença. Sê o senhor de teus irmãos, e diante de ti se inclinem os filhos de tua mãe. Maldito seja quem te amaldiçoar, e quem te abençoar, seja bendito!”

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


FONTE:
http://liturgia.cancaonova.com/

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK