PROCURANDO POR ALGO?

segunda-feira, 16 de março de 2020

Chega a nove o número de casos confirmados do novo coronavírus no Ceará

Outros 62 pacientes ainda estão sob investigação. Governo decreta série de medidas para conter avanço do vírus no Ceará.
Pessoas com máscaras de proteção contra o novos
 coronavírus no Aeroporto Internacional de São Paulo
 em 27 de 
fevereiro — Foto: Andre Penner/AP
Por G1 CE
O Ceará tem agora nove casos confirmados do novo coronavírus, conforme atualização da Secretaria da Saúde (Sesa) feita na tarde desta segunda-feira (16). Outros 62 casos estão sob investigação, e 99 já foram descartados.

Dos pacientes diagnosticados com o vírus, oito estão em Fortaleza, enquanto um é do município de Aquiraz, na Região Metropolitana.

No novo balanço do Ministério da Saúde, divulgado nesta segunda (16), o Brasil tem 234 casos confirmados da doençaAlém disso, 2.064 casos são suspeitos e 1.624 foram descartados.
LEIA MAIS EM...

SAIBA MAIS SOBRE O CORONAVÍRUS: AQUI

Sequenciamento do coronavírus possibilita o desenvolvimento de vacinas

@
Cientistas brasileiras, Ester Sabino, diretora do Instituto de Medicina Tropical da USP e Jaqueline Goes de Jesus, pós-doutoranda na USP, em apenas 48 horas sequenciaram o genoma do coronavírus (COVID-19) do primeiro caso da doença confirmado no Brasil.

E para entender mais sobre esse sequenciamento do coronavírus, o Blog da Saúde conversou com duas pesquisadoras que fazem parte do grupo, a Dra. Camila Malta Romano, pesquisadora científica dos LIMs do Hospital das Clinicas e do Instituto de Medicina Tropical e a professora.

Dra. Maria Cássia Jacintho Mendes Corrêa, Professora Associada do Departamento de Doenças Infecciosas (USP) e coordena o Ambulatório de Hepatites Virais do Hospital das Clínicas (USP), para entender melhor esse assunto. Confira: 

1. Inicialmente pode nos explicar o que seria um sequenciamento de genoma?
Sequenciamento é a leitura do genoma de um organismo. Todos os organismos vivos são compostos por DNA, ou RNA. Tanto um como outro são formados por um conjunto de letras (bases nitrogenadas) que funcionam como um código (palavras). Por exemplo, cada trinca de bases nitrogenadas – letras- representam um aminoácido, que nada mais é do que um bloquinho utilizado para construir as proteínas de um organismo. Portanto, como analogia, entenda-se que o genoma é o conjunto de palavras de um livro, que só pode ser lido se cada letra de cada palavra for corretamente identificada. No caso da coronavírus, seu genoma é de RNA.

2. De que forma é feito um sequenciamento?Ha diversas formas atualmente de sequenciar um genoma, ou parte dele. Uma das maneiras mais básicas, e utilizadas por várias plataformas de sequenciamento utiliza marcadores acoplados as bases (letras) chamados de fluoroforos. Basicamente, fazemos uma cópia do DNA a ser sequenciado, utilizando para a síntese dessa cópia essas bases com marcadores no lugar das bases (letras) comuns que estão sendo copiadas. Após feita a cópia utilizando marcadores coloridos/fluorescentes, um aparelho “escaneia” esse DNA marcado, e interpreta as cores dos marcadores utilizados para sintetizar esse DNA. Essa interpretação, portanto, nos retorna qual é a sequência certinha das bases nitrogenadas (letras) que compunham o DNA copiado.

3. Como vocês chegaram ao sequenciamento do coronavírus?
Uma tecnologia chamada MinION, uma plataforma já utilizada em projetos anteriores aqui no Brasil para o sequenciamento de ZIKA vírus foi usada.

4. Como foi possível realizar este sequenciamento em apenas 48 horas? Normalmente, qual seria o tempo para tal descoberta?
Quando protocolos estão estabelecidos, não demora muito para realizar. O grande feito aqui foi que não havia ainda nada pronto aqui, não se tinha padronizado a técnica para o genoma de coronavírus, portanto, essa etapa, de padronização geralmente é mais demorada e pode levar dias ou semanas, a depender da dificuldade. O Grupo que o fez realizou essa padronização em tempo recorde.

5. Por que a descoberta do sequenciamento do coronavírus é tão importante?
Para o desenvolvimento de vacinas e drogas para tratamento é fundamental saber qual é a real diversidade do patógeno. Por exemplo, o HIV sofre mutações no seu genoma muito facilmente, o que dificulta não somente o desenvolvimento de uma vacina (outros fatores também estão envolvidos na dificuldade em produzir uma vacina para o HIV) mas também a drogas eficientes. Não é incomum pacientes com HIV desenvolverem “resistência” ao medicamento. Isso ocorre não porque o paciente ficou resistente, mas sim o vírus! Portanto, saber como o coronavirus se comporta em nível gnômico pode ajudar a desenvolver drogas eficientes. Além disso, através do genoma dos vírus é possível saber qual a rota de transmissão (por exemplo, se os vírus que chegaram aqui são provenientes da China, da Itália, da Alemanha) pois apos um vírus entrar numa determinada população, ele vai acumulando mutações, e aos poucos vai diferindo da população a qual ele saiu. Então comparando vírus de populações diferentes, podemos traçar sua rota de dispersão.

6. Como esta descoberta pode ajudar o Brasil e o mundo no combate ao coronavírus?
O conhecimento do genoma do vírus possibilita o desenvolvimento de vacinas e medicamentos que possam ser utilizados na prevenção e no tratamento desse vírus.
Além disso possibilita conhecer as rotas de transmissão desse vírus.

7. Quais são os próximos passos da pesquisa?
É necessário o monitoramento contínuo das eventuais alterações que esse vírus possa sofrer no sentido de compreender os rumos da epidemia. Além disso recursos financeiros deveriam ser destinados para o desenvolvimento dos processos acima mencionados: vacinas e medicamentos. O sequenciamento viral é apenas o início de um processo.

8. A sequência analisada no Brasil apresenta diferenças em relação ao genoma identificado em Wuhan, o epicentro da epidemia na China?
Sim, algumas, sendo, portanto, confirmado que o vírus não veio direto de lá para cá, mas sim, de países da Europa, que mostram sequencias genômicas mais semelhantes aos vírus daqui. Um deles era mais semelhante a vírus amostrados na Alemanha, e outro, na Inglaterra.

9. Esta descoberta ajuda de que forma o Sistema Público de Saúde do nosso país?
Como disse, anteriormente, no desenvolvimento dos processos acima mencionados: vacinas e medicamentos. O sequenciamento viral é apenas o início.
10. Vocês sabem dizer se o vírus reage de forma diferente com nosso clima?
De forma geral os vírus que causam doenças respiratórias se transmitem mais eficientemente no inverno. As aglomerações e maior possibilidade de contágio nessa época do ano, sem dúvida, favorecem a disseminação desses agentes.
Não há dados específicos relativos a esse vírus em climas tropicais. Possivelmente deverá se comportar como os demais agentes de transmissão respiratória.

Após cumprimentar apoiadores, Bolsonaro diz que é o responsável caso tenha se contaminado

Presidente descumpriu no domingo recomendação de médicos para se manter em casa. Primeiro teste de Bolsonaro para coronavírus deu negativo. Ele fará um novo exame nesta terça.
Bolsonaro descumpre monitoramento por coronavírus
 e cumprimenta apoiadores em Brasília
POR G1
O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira (16) que é um “direito” apertar as mãos de apoiadores e que, caso tenha sido infectado com o novo coronavírus por esse motivo, a “responsabilidade” é dele. “Ninguém tem nada a ver com isso”, declarou.

Bolsonaro deu as declarações em entrevista à Rádio Bandeirantes, um dia depois de descumprir a recomendação de monitoramento dada por médicos em razão da confirmação da contaminação por coronavírus de integrantes da comitiva que viajou com ele aos Estados Unidos na semana passada.

Bolsonaro fez um primeiro teste, com resultado negativo para a presença do vírus, e fará um segundo exame nesta terça-feira (17). Ele foi aconselhado a permanecer no Palácio do Alvorada, residência oficial da Presidência, mas descumpriu a recomendação.

No domingo, dia em que o Brasil contabilizou 200 casos do novo coronavírus, Bolsonaro deixou o Palácio da Alvorada e participou de uma manifestação a favor do governo, com críticas ao Congresso e ao Supremo Tribunal Federal (STF). O presidente desceu a rampa do Palácio do Planalto e foi até a grade, onde apertou a mão de apoiadores e tirou "selfies".

Questionado na entrevista sobre o exemplo a ser dado pelo presidente da República, já que o próprio Ministério da Saúde recomenda evitar aglomerações, Bolsonaro disse que não convocou os atos realizados pelo país e que fez sua parte ao conversar com apoiadores.

“Não convoquei o movimento, tá certo? E tenho a obrigação moral de saudar o povo que foi na frente aqui do Palácio do Planalto, tenho a obrigação. Fui lá e fiz a minha parte, declarou.
LEIA MAIS EM...

SAIBA TUDO SOBRE O CORONAVÍRUS  AQUI

Detran 2020: Renovação da CNH sem sair de casa é liberada

Renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) poderá ser feita através da internet; Ferramenta está disponível em alguns estados
@
A validade de sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH) está prestes a vencer ou já venceu? É possível renová-la sem sair de casa, através da internet. Saiba como!

Hoje, a CNH precisa ser renovada a cada cinco anos para quem tem menos de 65 anos. Quem tem menos disso, o limite passa a ser de três anos. Há casos, ainda, com períodos mais curtos que são determinados pelo médico.

A renovação da CNH em 2020 sem sair de casa poderá ser feita em alguns estados do país. Em São PauloSanta Catarina e Rio Grande do Norte, por exemplo, não é necessário fazer a renovação pessoalmente. O serviço é feito online nos respectivos sites oficiais dos Departamentos Estaduais de Trânsito (Detrans).

Saiba como renovar sua CNH pela internet em cada estado:

São Paulo
A Renovação da CNH poderá ser feita através do site oficial do DETRAN-SP e está disponível em 85 municípios do estado. Através do portal, os condutores com CNH A (moto), B (automóvel) e A/B podem renovar a carteira. Para renovar, o condutor deverá acessar o site: www.detran.sp.gov.br
Segundo o site oficial, para receber o documento na residência, será necessário agendar os exames médico e psicotécnico no portal do órgão. O motorista deve ir até à clínica e pagar a taxa de emissão e de envio pelos Correios no valor de R$ 54,77.
Segundo regras do DETRAN, a renovação da carteira pela internet não poderá ser feita por condutores que tenham foto suspensa ou cassada, que não tenham biometria cadastrada, ou que necessitem atualizar algum dado, como nome de casado ou endereço.
Veja o passo a passo:
  1. Condutor deve fazer o login no portal detran.sp.gov.br
  2. Após isso, deve clicar em Serviços Online, no topo da página inicial
  3. Logo em seguida, acesse Renovação da CNH >> Renovação Simplificada
  4. Confirme os dados em tela e escolha as datas e os horários dos exames médico
  5. Se exercer atividade remunerada, como taxista, é necessário também um exame psicotécnico
  6. Pelo número do CPF, pague a taxa de emissão e de envio pelos Correios, no valor de R$ 54,77
  7. A Carteira Nacional de Habilitação renovada deve ser entregue na casa do motorista em até sete dias úteis.

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
AVISO IMPORTANTE!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. EMAIL: josenidelima@bol.com.br FAVOR INFORMAR O LINK