PROCURANDO POR ALGO?

sábado, 29 de fevereiro de 2020

O que você pode cobrar de um vereador?

@Reprodução / Youtube
Os vereadores, assim como os prefeitos e governadores, têm competências e atribuições bem específicas.
É importante entendê-las, até mesmo para poder cobrar ações e respostas dos representantes certos. O vídeo de hoje dá alguns exemplos do que você pode exigir dos vereadores da sua cidade, confira! CONFIRA O VÍDEO
#QuemTeRepresenta! #Eleições2020 #SeuVotoTemPoder #JustiçaEleitoral

Lenda da sinuca, baiano Rui Chapéu morre em São Paulo aos 79 anos

Foto: Reprodução/Instagram
Lenda da sinuca brasileira, Rui Chapéu morreu neste sábado, aos 79 anos. O baiano ficou famoso pela parceria formada com o narrador Luciano do Valle no programa Show do Esporte, da TV Bandeirantes, nos anos 1980. A informação a respeito do falecimento foi publicada nas redes sociais do jogador. A causa da morte ainda não foi divulgada. O velório será realizado neste sábado, às 18h30, no Cemitério São Pedro, Vila Alpina, em São Paulo.

"Esse é um post daqueles que nunca gostaríamos de fazer. O Rui faleceu hoje. Todos estamos muito tristes e abalados. Estamos fazendo esse post em respeito a todos os amigos e fãs do Rui. Assim que possível daremos mais notícias", diz a publicação no Instagram. José Rui de Mattos Amorim é natural de Itabuna, na Bahia, onde passou a infância e adolescência e começou a praticar o bilhar ainda criança.

Na década de 1970, mudou-se para São Paulo. Largou o emprego de caminhoneiro e vendeu uma mercearia da qual era dono para apostar na sinuca. Começou a ganhar dinheiro em desafios contra outros jogadores em bares do Centro da cidade. No Centro da capital paulista, o jogador baiano conheceu os clubes da modalidade e jogava com apostas altas. As partidas, no entanto, duravam pouquíssimos minutos, dado o alto nível dos atletas.

Foi nos bares em São Paulo que ganhou o apelido de Rui Chapéu por usar costumeiramente uma boina branca, objeto que virou uma espécie de símbolo. Rui Chapéu ficou nacionalmente conhecido entre as décadas de 1980 e 1990 por exibir seu enorme talento no bilhar nas edições semanais do programa Show do Esporte, da TV Band, comandado pelo narrador Luciano Do Valle, que o viu em um programa de Silvio Luiz, na TV Record, em 1979.

O auge dos desafios televisionados em rede nacional foi a vitória sobre o inglês Steve Davis, conhecido como Pelé da modalidade e seis vezes campeão mundial. Além de popularizar de vez a sinuca no País, Rui Chapéu foi responsável por mudar a imagem do esporte, antes associado à criminalidade e visto como exclusivo de malandros e vagabundos. Ele chegou a receber propostas para jogar no exterior, na Inglaterra e no Japão, mas preferiu ficar perto da família. Dizia que não tinha a intenção de ser rico.

Nos últimos anos, diminuiu o ritmo e passou a fazer algumas apresentações especiais. Também ensinava sinuca para iniciantes por meio de um curso online. Por meio da Lei nº 14.485, promulgada no dia 19 de julho de 2007 na cidade de São Paulo, o dia 21 de março passou a ser considerado o dia do Atleta de Sinuca e Bilhar. É a data do aniversário de Rui Chapéu, que completaria 80 anos em 2020.


FONTE:https://www.diariodepernambuco.com.br/ultimas/2020/02/lenda-da-sinuca-baiano-rui-chapeu-morre-em-sao-paulo-aos-79-anos.html

Medo se multiplica como vírus com proximidade do Covid-19

Victor Pessoa se esforça para atender pedidos
 (Thamyres Oliveira)
O medo do contágio do coronavírus tem se espalhado no Recife. É a tia que repassa supostas recomendações e hipóteses para grupos de WhatsApp, a criança que é enviada para a aula com máscara cobrindo o nariz numa das mais tradicionais escolas do Recife, as empresas de produtos hospitalares que contabilizam demanda aumentada em até 300%, as farmácias de um bairro inteiro como Boa Viagem que enfrentam escassez nas prateleiras; e tem o frei da Basílica da Penha que, antes da comunhão, alerta sobre a mudança do rito: a hóstia agora é entregue na mão do fiel; longe da boca.

“As pessoas estão desesperadas, mas esse pavor é desproporcional”, disse a médica infecto-pediátrica e professora da UPE e Uninassau Alexsandra Costa (Entrevista abaixo). A preocupação da especialista está na falta de informação e nas fake news. “Está pior que na zika”, compara a médica, coordenadora de residência em pediatria. Alerta semelhante fez Michael J. Ryan, diretor do programa de saúde emergencial da Organização Mundial da Saúde (OMS). “Nosso maior inimigo agora não é o coronavírus por si só. São o medo, os rumores e o estigma”.

Na Casa do Socorrista do Recife, revendedora de produtos hospitalares e médicos, o telefone toca e o gerenciador de compra do outro lado da linha faz a inusitada encomenda de três mil macacões especiais para proteção química. O empresário Victor Pessoa promete se esforçar para atendê-lo mas avisa que deve conseguir “no máximo, mil unidades”.

Segundo Pessoa, a procura por produtos hospitalares, especialmente máscaras e álcool em gel, cresceu 300%. Pior, as fábricas já avisaram que irão enviar menos da metade dos pedidos realizados. Alegam falta de matéria-prima para a produção. A Casa do Socorrista atende clínicas particulares, hospitais públicos de grande porte como o Pelópidas Silveira e Dom Hélder, e pessoas físicas. “Tem um hospital da cidade que está com estoque baixo e pediu 100 mil máscaras. Não tenho. Pedi 70 mil a uma fábrica e me disseram que mandarão 20 mil porque estão rateando entre os clientes deles. Ou seja, nem sei se vão mandar mesmo. Tudo é incerto”. Já falta álcool e, sexta à tarde, restava uma única caixa de máscara simples. A máscara N95, que tem fator de proteção na ordem de 90%, acabou rápido. “Custava 4,90. Clientes meus dizem que encontraram as últimas numa outra loja por R$ 49,00”, conta. 

A prática de venda limitada e atrelada a CPFs para álcool e máscaras já existe na cidade. O Procon comprovou e a condenou. Nos hospitais, nesta sexta-feira se via profissionais de saúde até do setor da segurança usando máscaras - como entre profissionais da Maternidade Barros Lima, em Casa Amarela.
 
Maria do Carmo Perminio, 69 anos: "Rezo muito
 para que nada aconteça" (Thamyres Oliveira)
Leigos também estão alarmados. A aposentada Maria do Carmo Perminio, 69 anos, contou que a filha encomendou dois litros de álcool. “Meu genro estava com febre e foi agorinha para o hospital. Já eu, comprei a minha máscara quando começou esta zoada toda”, lembra. “Bate o medo mesmo, né? Rezo muito para que nada aconteça”.

A orientação da Arquidiocese de Olinda e Recife para que as paróquias católicas evitem abraços e contato direto na oração do Pai Nosso entre fiéis ou no momento da comunhão foi cumprida nesta sexta pelo frei Cícero Ferreira da Silva, da Basílica da Penha, no bairro de São José. O momento era solene, de rito, mas a informação estava ali: “É uma prevenção para que o vírus não chegue”, explicou.

Nas corridas de taxis, a proliferação do coronavírus - cuja ameaça subiu para “muito alta”, segundo a OMS - ganha corpo nas conversas rotineiras. O tema tem se multiplicado rápido, mas a melhor vacina contra o medo é a informação de qualidade, dizem especialistas.

Entrevista com Alexsandra Costa, professora e médica

Justiça decreta preventiva de 44 PMs amotinados no Ceará

@
O juiz Roberto Soares Bulcão Coutinho, da 17ª Vara Criminal de Fortaleza, decretou a prisão preventiva de 44 policiais militares amotinados no Ceará. Eles haviam sido presos em flagrante. Em audiência de custódia, a medida cautelar foi confirmada, para que fiquem detidos por tempo indeterminado. Ao todo, mais de 170 assassinatos já foram cometidos durante a paralisação da categoria que dura 11 dias.

O governo Camilo Santana (PT) busca fechar acordo com os amotinados, mas após sucessivas reuniões, a crise continua. Dentre uma lista de 17 reivindicações estão a anistia a processos disciplinares e a revisão da política de reajuste salarial do governo Santana e de seu antecessor, Cid Gomes.

Segundo o magistrado, 'o material que acompanha o procedimento aponta indícios de autoria e da materialidade do delito de deserção especial'. "No atual momento, o Ceará enfrenta uma grave crise no sistema de segurança, com o movimento paredista, apesar de ser vedado aos militares fazerem greve, como previsto expressamente na Constituição Federal, ao dispor que 'ao militar são proibidas a sindicalização e a greve'".

"Esses fatos, como o relatado nos presentes autos, com a falta de apresentação dos autuados para embarque, com vistas ao reforço na Operação Carnaval 2020, importaram em agravamento da situação, com risco em potencial e consequências severas para toda a população, como o crescimento drástico no número de homicídios e a mudança de rotina de toda a sociedade, com reflexos na economia, pois importou em cancelamento dos festejos em diversos municípios", escreve.

De acordo com o juiz, restam 'presentes os fundamentos que ensejam a prisão preventiva, quais sejam a garantia da ordem pública, diante dos fatos ocorridos nas últimas horas, com grave risco para a segurança da sociedade, bem como a necessidade de preservar a hierarquia e a disciplina, configurando o periculum libertatis'.

Lei de Segurança Nacional

Nesta quinta, 28, o Ministério Público Federal instaurou investigação para apurar a prática de crimes contra a segurança nacional e a ordem política e social na greve de policiais militares do Ceará. A Procuradoria vai apurar se os atos praticados na greve podem ser enquadrados como crimes tipificados na Lei de Segurança Nacional (Lei nº 7.170/83).

O dispositivo legal caracteriza como crime, por exemplo, a prática de sabotagem contra instalações militares, meios de comunicações, meios e vias de transporte, estaleiros, portos, aeroportos, fábricas, usinas, barragem, depósitos e outras instalações congêneres.

Também é considerado crime tentar impedir, com emprego de violência ou grave ameaça, o livre exercício de qualquer dos Poderes da União ou dos Estados, bem como incitar à subversão da ordem política ou social e à prática de qualquer outro crime previsto na lei.

Os ministros do Supremo criticaram o movimento grevista e disseram que a Constituição Federal proíbe a sindicalização e a greve de militares. "É um perigo para as instituições. Não pode nenhuma corporação armada fazer greve", disse Ricardo Lewandowski. "Como ministro do Supremo Tribunal Federal, acho que é extremamente preocupante uma greve de policiais militares ou qualquer corporação armada. É constitucionalmente vedado que corporações armadas façam greve."

O presidente Jair Bolsonaro decidiu nesta sexta, 28, prorrogar por mais uma semana o decreto de Garantia da Lei e da Ordem (GLO). O decreto possibilitou o envio de militares do Exército para reforçar a segurança pública no Estado.

Durante a manifestação, unidades militares foram ocupadas na capital, Fortaleza, e no interior. O senador licenciado Cid Gomes (PDT) levou dois tiros enquanto tentava negociar a retirada de policiais amotinados em um quartel de Sobral. Ele avançou com uma retroescavadeira sobre os amotinados.

FONTE:https://www.diariodepernambuco.com.br/noticia/brasil/2020/02/justica-decreta-preventiva-de-44-pms-amotinados-no-ceara.html

Prefeitura do RJ suspende exposição com Virgem Maria Trans

Foto: Reprodução
A prefeitura do Rio de Janeiro suspendeu uma exposição na cidade por considerá-la uma ofensa a grupos religiosos. As obras do Coletivo Lavra fazem referência a imagens cristãs, como a de uma Virgem Maria transexual. Incomodados, parlamentares do PSL recorreram nesta semana à Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi) e ao prefeito Marcelo Crivella (PRB) pedindo a cassação dos trabalhos artísticos e tiveram a reivindicação atendida.

A exposição "Todxs xs santxs - renomeado - #eunãosoudespesa" estava aberta ao público no Centro Municipal Hélio Oiticica, no centro do Rio. O responsável pela obra polêmica é o artista plástico Órion Lalli, que no fim do ano passado chegou a sair do País porque estava recebendo ameaças. Em sua página no Facebook, em resposta a um comentário crítico à 'Virgem Maria Trans', ele afirma: "Pai! Perdoai, eles não sabem o que fazem... verdadeiramente vocês não estão entendendo nada mesmo".

Na última quarta-feira, o deputado estadual Márcio Gualberto (PSL) esteve no Hélio Oiticica e gravou um vídeo enquanto passeava pelas obras. "A pergunta que eu faço é se isso aqui deveria estar num espaço administrado pela prefeitura do Rio de Janeiro. Evidentemente que não. É de um extremo mau gosto, no mínimo", afirma no vídeo.

Em nota, a Secretaria Municipal de Cultura (SMC) afirmou ter "compromisso com o respeito constitucional à liberdade religiosa e a todas as crenças". Disse também que os espaços sob sua administração recebem manifestações culturais de todas as linguagens e estilo e que um dos pilares da sua atuação é o respeito à liberdade artística.

Segundo a Secretaria de Cultura, foi apresentada uma notícia crime na Decradi na quinta-feira, 27. "A Secretaria Municipal de Cultura respeitará o processo legal e aguardará a decisão judicial", acrescenta.

FONTE:https://www.diariodepernambuco.com.br/noticia/viver/2020/02/prefeitura-do-rj-suspende-exposicao-com-virgem-maria-trans.html

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
AVISO IMPORTANTE!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. EMAIL: josenidelima@bol.com.br FAVOR INFORMAR O LINK