PROCURANDO POR ALGO?

segunda-feira, 6 de abril de 2020

Crédito para folha de pagamento já está disponível nos bancos

Programa foi regulamentado hoje (6) pelo Conselho Monetário Nacional
@
O programa de financiamento da folha de pagamento para pequenas e médias empresas foi regulamentado hoje (6) pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), em reunião extraordinária. Com isso, as empresas já podem pedir o empréstimo aos bancos.

Cerca de 1,4 milhão de pequenas e médias empresas, que empregam 12,2 milhões de trabalhadores que ganham até dois salários mínimos, receberão R$ 40 bilhões de crédito com juros baixos para manter a folha de pagamento por dois meses.

O limite de financiamento é de dois salários mínimos. Ou seja, se o trabalhador ganha mais de dois salários mínimos, a empresa terá de complementar o salário. Ao contratar o crédito, a empresa assume o compromisso de não demitir o funcionário nesse período de dois meses.

A taxa de juros será de 3,75% ao ano (atual taxa Selic), com seis meses de carência e 36 meses para o pagamento.

Os recursos virão do Tesouro Nacional (85%) e das instituições financeiras participantes (15%). Em caso de inadimplência, as perdas serão absorvidas pelo Tesouro e pelos bancos participantes nessa mesma proporção.

A União, por meio do Tesouro Nacional, aportará até R$ 34 bilhões no Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), que atuará como agente financeiro da União no programa.

As instituições financeiras participantes poderão conceder operações de crédito no âmbito do programa até 30 de junho de 2020. As pequenas e médias terão carência de seis meses para começar a pagar e um prazo de 30 meses para pagamento, totalizando 36 meses.

Segundo o BC, “para assegurar a destinação dos recursos e o cumprimento dos objetivos do programa, empresas e sociedades beneficiárias deverão ter as folhas de pagamento processadas pelas instituições financeiras participantes, além de se comprometerem a prestar informações verídicas e a não utilizar os recursos para finalidades distintas do pagamento de seus empregados. Os recursos tomados serão depositados diretamente nas contas dos funcionários”.

Depósito compulsório

O BC anunciou hoje que devido à “elevada demanda” por recursos decidiu permitir que os bancos participantes do programa deduzam o valor por elas financiado do recolhimento compulsório (dinheiro que os bancos são obrigados a deixar depositado no BC) sobre recursos a prazo.
A medida passa a ter efeito, em termos de recolhimento, a partir do próximo dia 20. O volume que pode ser deduzido poderá chegar a R$ 6 bilhões, cerca de 5% do montante atual do recolhimento compulsório sobre recursos a prazo.

Comer para emagrecer: alimentos que ajudam a controlar o apetite

Alimentos fáceis de incluir na dieta diária
@
Emagrecer enquanto come. Quer melhor do que isto? A verdade é que há alimentos que ajudam a controlar a fome, potencializando o emagrecimento.

Maçãs: As maçãs têm uma alta concentração de fibra que aumenta a sensação de saciedade, retardando o processo de digestão. Assim, coma uma maçã média, com casca, todos os dias!

Cenouras: Uma cenoura crua por dia é extremamente saudável. É saciante e rica em nutrientes. 

Ovos: Além de se serem deliciosos, os ovos são ricos em proteína e pode comê-los sem culpa em qualquer horário.

Feijão: O feijão é rico em proteína e fibra, aumentando a sensação de saciedade. Porém, não deve ser consumido todos os dias. Duas ou três vezes por semana é o ideal.

Aveia: As fibras da aveia prolongam a sensação de saciedade. E são boas fontes de energia. 

Gelatina: Ocupa espaço no estômago e tem poucas calorias, principalmente na versão light. 
POR NOTÍCIAS AO MINUTO

3 coisas que estão mais sujas que a privada e (talvez) você não sabia!

Ps: Certamente já tocou em pelo menos uma hoje.
@
Se acha que o seu assento da privada é a superfície mais suja da sua casa, está enganado. E não, não falamos do celular (ainda que este também faça parte da lista). As três superfícies de que falamos hoje são mais supreendentes.

Tábua de cortar pão, carne, legumes, fruta...
Investigadores da Universidade do Arizona descobriram que a tábua média tem 200 vezes mais bactérias fecais do que uma privada. Um grande culpado: carne crua, já que muitas bactérias fecais têm origem nos órgãos internos dos animais.

Tigela de comida do seu animal de estimação
Uma das superfícies mais sujas da casa pode ser o prato de ração do seu animal de estimação. Se o seu cão lambe uma privada, está em contato com cerca de 295 bactérias por metro quadrado. Mas se ele lambe a borda interna do seu prato, devora 2.110 bactérias.

O seu tapete
As bactérias adoram células mortas da pele. Considerando que uma pessoa comum perde cerca de 1,5 milhões a cada hora, isso faz dos seus tapetes numa boa experiência gastronômica para as bactérias. 

Faxina na quarentena? 10 dicas para manter seu colchão bem limpo

Dicas para retirar manchas, evitar ácaros e muito mais!
© Pixabay
Que tal aproveitar a quarentena para fazer uma faxina geral em casa? Sim, não é das tarefas mais divertidas mas é sempre necessária. Hoje daremos dez dicas caseiras para livrar o seu colchão das sujeiras mais comuns:
Ácaros - Faça uma limpeza semanal com bicarbonato de sódio, que deve ser polvilhado por toda a superfície do colchão. Aguarde 30 minutos e passe o aspirador de pó. Nunca coloque o colchão sob o sol.

Mofo - Deixe o colchão tomar um ar para que a umidade seque. Se as manchas forem recentes, passe um pano umedecido em detergente com água e borrife vinagre branco. Deixe secar. Se o bolor for mais antigo, use 1 colher de sopa de bicarbonato diluída em 30 ml de água oxigenada. Aplique com uma escova dental e esfregue até formar espuma. Tire o excesso com pano úmido.

Urina - Aplique bicarbonato de sódio sobre as manchas e deixe agir por 30 minutos. Depois, com uma esponja, esfregue levemente uma solução de partes iguais de sabão em pó e água morna. Passe um pano úmido para limpar essa mistura e deixe o colchão secar diante do ventilador.

Sangue - O detergente quebra as moléculas de manchas biológicas, mas, para removê-las, nunca deve ser aplicado diretamente sobre elas, mas em um pano úmido. Depois de passar sobre o local sujo, deixe agir por 15 minutos e passe um pano seco. Se não funcionar, aplique com uma escovinha ou um pano um pouco de água oxigenada de 10 volumes e depois limpe.

Vinho - Misture meio copo de água morna e meio copo de vinagre de álcool ou de limão e aplique com uma toalha branca sobre o colchão. Se a mancha estiver muito concentrada, evite esfregá-la para não aumentar o estrago.

Cigarro - Passe sobre o colchão um pano embebido em vinagre de maçã branco. Ou espalhe bicarbonato e deixe agir por cerca de oito horas, antes de remover com aspirador.

Suor - Misture meio copo de água morna mais meio copo de vinagre de álcool e 3 colheres de sopa de bicarbonato. Depois, aplique essa solução em uma flanela e esfregue a área afetada. Caso o colchão fique cheirando a vinagre, pingue cerca de 20 gotas de óleo essencial de lavanda em outro pano e passe sobre o local já limpo.

Ferrugem - Cubra a área manchada com uma pastinha feita com suco de meio limão e um punhado de bicarbonato. Deixe agir por cerca de 30 minutos e depois limpe com um pano úmido em água. 

Cheiro de cachorro molhado - Borrife uma mistura de meio copo de vinagre branco e meio de álcool. Esfregue e deixe secar naturalmente.

Tinta - Com uma folha de papel-toalha pressione a mancha para absorvê-la. Nunca esfregue! Depois, umedeça um pano com álcool e aperte. Se não sair, passe outro pano umedecido em 1 colher de sopa de detergente, 2 colheres de chá de vinagre e 1 xícara de água. Deixe agir por cerca de 10 minutos e repita o processo, caso seja necessário. Depois é só limpar com pano umedecido em água fria.
POR NOTÍCIAS AO MINUTO

Regulamentada às pressas, consulta médica a distância explode no Brasil

Em alguns casos, a demanda pela teleconsulta aumentou sete vezes em 15 dias,
© Pixabay
Regulamentada às pressas no País por causa do surto de covid-19, a telemedicina teve nas duas últimas semanas uma explosão em número de atendimentos. As consultas a distância entraram na rotina de hospitais, operadoras e clínicas. Em alguns casos, a demanda pela teleconsulta aumentou sete vezes em 15 dias, segundo levantamento do jornal O Estado de S. Paulo com empresas que oferecem a modalidade.

Por resistência principalmente de conselhos regionais de medicina, atendimentos online não eram permitidos no Brasil até março. No dia 19, com a escalada da covid-19 e a necessidade de reduzir a ida desnecessária a prontos-socorros, o Conselho Federal de Medicina (CFM) liberou, temporariamente, atendimentos virtuais para triagem e monitoramento de pacientes em isolamento. No dia 20, o ministério editou portaria em que regulamentava a prática.

Centros médicos que já ofereciam a modalidade mesmo sem aval do CFM tiveram alta expressiva. No Hospital Albert Einstein, o número de teleconsultas diárias saltou de 80 para 600. "Cerca de 450 delas são por sintomas de covid-19 e as outras 150 são de outras doenças. Estávamos com 100 médicos nesse projeto, mas estamos contratando e devemos chegar a 500", diz Sidney Klajner, presidente do Einstein.

Entre os pacientes que usam a plataforma de telemedicina do hospital estão beneficiários da Amil e da Care Plus. Na primeira, os atendimentos aumentaram seis vezes. Na segunda, o número de teleconsultas passou de 100 por mês para 100 por dia. "Já preconizávamos esse tipo de atendimento justamente em situações como essas, em que o deslocamento não é recomendado. Além da parceria com o Einstein para casos de pronto-atendimento, autorizamos todos os médicos credenciados a fazerem consultas a distância", diz Ricardo Salem, diretor médico da Care Plus.
LEIA MAIS EM...

Camilo Santana volta atrás e desiste de relaxar regras da quarentena no Ceará

Governador havia anunciado na noite deste domingo (6) redução nas restrições de atividade de comércio e indústria. Ele revogou a decisão cerca de três horas depois.
Camilo Santana comentou sobre a reunião com
 todos os governadores do Brasil desta quarta-feira (25).
 — Foto:
Reprodução/Facebook
POR G1 CE
O governador do Ceará, Camilo Santana, anunciou na noite deste domingo (6) que revogou a decisão que havia tomado horas mais cedo de relaxar a quarentena no estado. Por volta das 21h30, o governador havia dito que estariam liberadas as atividades de parte da indústria, comércio das áreas de limpeza, higiene e material de construção, além de feiras populares.

Já por volta das 23h50, Camilo Santana voltou a usar as redes sociais para afirmar que desistiu da flexibilização da quarentena. Ele argumentou que foi alertado pelo comitê que estuda a evolução do vírus no estado.
Diante da argumentação feita pelo nosso Comitê de Saúde, demonstrando preocupação com as flexibilizações de funcionamento colocadas pelo Governo do Estado nesse último decreto que entraria em vigor nesta segunda-feira (6), decidi revogar imediatamente o mesmo, e publicar um novo decreto, mantendo todas as proibições dos decretos anteriores, e com o mesmo prazo de validade de 15 dias. Se houve um erro nessa proposta de flexibilização, que seja imediatamente corrigido.
Com o novo anúncio, fica valendo até 20 de abril o decreto que proíbe o funcionamento de atividade não essencial:
  • Bares, restaurantes, lanchonetes e estabelecimentos congêneres;
  • Templos, igrejas e demais instituições religiosas;
  • Museus, cinemas e outros equipamentos culturais, público e privado;
  • Academias, clubes, centros de ginástica e estabelecimentos similares;
  • Lojas ou estabelecimentos que pratiquem o comércio ou prestem serviços de natureza privada;
  • Shopping center, galeria, centro comercial e estabelecimentos congêneres, salvo quanto a supermercados, farmácias;
  • Serviços de saúde no interior dos referidos dos estabelecimentos;
  • Feiras e exposições.

Avanço da doença no Ceará
LEIA MAIS EM...

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
AVISO IMPORTANTE!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. EMAIL: josenidelima@bol.com.br FAVOR INFORMAR O LINK