PROCURANDO POR ALGO?

domingo, 12 de janeiro de 2020

Projeto visa divulgar plantas alimentícias não convencionais

Em cem anos, tipos de plantas consumidas caiu de 10 mil para 170
@
Estudo da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) mostra que o número de plantas consumidas pelo homem nos últimos cem anos se reduziu de 10 mil para apenas 170. No Brasil, apesar da riqueza e variedade de espécies encontradas na natureza, a demanda do mercado se concentra em algumas dezenas de itens, esquecendo milhares de outras espécies disponíveis.

Com base neste comportamento, desde 2013, o Departamento de Biologia da Universidade Federal Fluminense (UFF) vem resgatar a cultura popular do consumo de plantas alimentícias muito usadas no passado e cada vez mais esquecidas, através do projeto Pancs (Plantas Alimentícias Não Convencionais),

Em entrevista à Agência Brasil, a professora do departamento, Odara Boscolo, explica que os brasileiros, com o passar do tempo, perderam o hábito de consumir plantas que comiam antigamente, como aroeira, picão, mostardas, entre outras. “O pessoal foi perdendo o costume. O Pancs procura fazer o resgate de uma cultura popular que a gente tinha”.

Fácil acesso

O grupo que participa do projeto Pancs UFF procura preencher essa lacuna, levando à sociedade informações sobre plantas de fácil acesso e elevado teor nutritivo, valorizando, dessa forma, a flora nacional. Segundo Odara, a grande maioria dessas plantas é conhecida principalmente no interior do país. As redes sociais são um recursos usado pelo grupo para que a informação chegue à população.

Segundo a professora,  além das folhas, muitas flores podem ser comidas. É o caso, por exemplo, do hibisco, do qual pode-se consumir as pétalas e as folhas, que contêm muito ferro. Outra é a capuchinha, semelhante à flor da abóbora e da mesma família que, além de rica em vitamina C e sais minerais, apresenta propriedades diuréticas, purificantes, analgésicas, anti-glicêmicas e anti-hemorrágicas. “A capuchinha tem aquele sabor azedinho, tipo trevinho, que é uma planta infestante, que as pessoas arrancam do vaso”, disse Odara Boscolo.
LEIA MAIS EM...

Migração da poupança para outros investimentos exige cuidado

Investidor precisa estar atento a prazos e taxas de administração
Arquivo/Agência Brasil
A queda dos juros, que barateia o crédito e incentiva a produção, acendeu o alerta sobre a aplicação financeira mais tradicional do país. Sem perspectiva de mudanças nos juros, a caderneta de poupança encerrará 2020 rendendo menos que a inflação pelo segundo ano seguido.

Em 2019, a poupança rendeu menos que a inflação oficial pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). A aplicação rendeu 4,26% no ano passado, contra inflação de 4,31%. O cenário não deve mudar em 2020. Enquanto as instituições financeiras projetam IPCA de 3,6%, de acordo com o boletim Focus, pesquisa semanal divulgada pelo Banco Central, a caderneta renderá apenas 3,15% este ano caso os juros básicos não mudem.

Busca de alternativas
Para o investidor tradicional, este é o momento de buscar alternativas que pelo menos assegurem que o dinheiro não perderá para a inflação. A migração para outras aplicações, no entanto, exige cuidado. O investidor precisa estar atento ao prazo em que quer deixar o dinheiro parado, à cobrança de impostos e a eventuais taxas de administração para não sair perdendo.

Apesar de ser isenta de tributos e permitir saques imediatos, a poupança rende 70% da taxa Selic, juros básicos da economia hoje em 4,5% ao ano. Em contrapartida, os fundos e a maior parte das aplicações em renda fixa pagam tributos e nem sempre têm resgate imediato. O investidor corre o risco de perder dinheiro se sacar antes do vencimento.

Segundo o professor de finanças do Ibmec Gilberto Braga, os fundos de investimento representam uma das melhores opções para o investidor iniciante. Isso porque a maioria dos fundos permite resgatar o dinheiro sem espera, como na poupança. Ele, no entanto, lembra ao investidor que deve prestar atenção no prazo de resgate e na finalidade do dinheiro.
LEIA MAIS EM...

A noiva sabia que estava sendo traída mas esperou a hora exata. As pessoas que esperaram para agir

@Reprodução / Youtube
No nosso dia a dia, um momento pode parecer algo insignificante, a vida passa por nós em instantes, que nem sempre damos o devido valor. Neste vídeo, conheceremos a vida de três pessoas que viram tudo mudar, num estalar de dedos. Clique no Play e acompanhe com a gente como um instante pode transformar tudo, definitivamente.
LEIA MAIS EM...

Aprenda uma forma simples para não fracassar em seus objetivos!

@
CRÉDITOS DO TEXTO: Ana Camargo
É necessário termos um planejamento para podermos realizar nossos objetivos e atingir nossas metas.
Veja a seguir uma forma simples para te ajudar a não fracassar em seus objetivos.
Antes de qualquer coisa é preciso entender que para a realização de objetivos é necessário ter disciplina. E uma pessoa disciplinada segue corretamente seus deveres. O que falta na vida das pessoas que desistem é disciplina e nada mais! Isso significa que todos os seus objetivos podem ser realizados, desde que você tenha disciplina e um plano de ação.

Como ter disciplina?
Ter disciplina é ser obediente às regras. Certifique-se de que você é uma pessoa disciplinada e relacione tudo o que precisa ser feito durante o seu dia, seja fiel aos seus afazeres para conseguir ter algum resultado, faça um planejamento para te auxiliar na tarefas.

Planejamento Pessoal
Com um planejamento fica mais fácil conseguir realizar seus objetivos. Os planejamentos podem ser diários, semanais, mensais e anuais, isso te ajuda a manter o foco nas atividades que realmente são importantes, e te ajudará a não perder tempo em tarefas desnecessárias.
Seja justo ao fazer planejamentos, coloque apenas tarefas que podem ser realizadas e não se sobrecarregue em suas atividades.
LEIA MAIS EM...

Prefeitos têm uma semana para aderir ao Município + Cidadão

Programa apoia municípios nas áreas social, cultural e esportiva
@REPRODUÇÃO
Termina no próximo domingo (19) o prazo para as prefeituras municipais aderirem ao programa do governo federal “Município + Cidadão”, lançado em outubro passado pelo Ministério da Cidadania para áreas de cultura, desenvolvimento social e esporte.

O programa apoia os municípios a realizarem jogos escolares e competições municipais, festivais de música, dança e audiovisual, shows, cursos profissionalizantes, a promoverem atividades para idosos e para o desenvolvimento infantil, fomentar a agricultura familiar e prevenir o uso de drogas.

Ao participar do programa, as prefeituras receberão apoio técnico do Ministério da Cidadania para a formatação de ações. Os municípios que se destacarem na implementação das ações receberão “Prêmio Município + Cidadão – Edição 2019-2020”.

De acordo com cartilha do programa, disponível na internet, para participar do Município+ Cidadão, as prefeituras devem aderir ao Plano Progredir (trabalho e renda) e ao Programa Criança Feliz (desenvolvimento infantil), fazer compras de alimentos da agricultura familiar e firmar compromisso para a elaboração de diagnóstico sobre a situação dos dependentes químicos do município.

As próximas eleições municipais estão marcadas para os dias 4 (1º turno) e 25 de outubro (2º turno) deste ano. Por causa da campanha eleitoral, está proibida a distribuição gratuita de bens, pagamento de valores ou oferta benefícios por parte da administração pública municipal, salvo em casos de calamidade pública e estado de emergência. Podem ser executados programas sociais autorizados em lei e já previstos nos orçamentos municipais dos anos anteriores.
POR AGÊNCIA BRASIL

ICMBio abre edital para retomar turismo no Parque do Pico da Neblina

Divulgação do resultado está marcada para 28 de fevereiro
Ramilla Rodrigues/icmbio.gov.br
Empresas que desejem desenvolver atividades turísticas no Parque Nacional do Pico da Neblina, no Amazonas, podem se candidatar ao posto mediante participação em processo seletivo organizado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Na primeira fase, a de habilitação, os interessados deverão remeter documentos solicitados em edital, como registro no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) e no Cadastur, do Ministério do Turismo.

O prazo da etapa inicial se encerra no dia 21 de janeiro, e a divulgação do resultado está marcada para 28 de fevereiro. A previsão é de que as visitações ao local, interrompidas em 2003, sejam retomadas em março.

Considerado unidade de conservação, o parque tem 2,25 milhões de hectares e conquistou popularidade por abranger o ponto mais elevado do país, chamado de Yaripo pelos indígenas, a 2.995 metros do solo.

Conforme estabelecido nos termos do edital, sairão à frente empresas que tenham experiência com atuação turística na Amazônia, em terras indígenas e comunidades tradicionais ou com práticas em montanhas e locais remotos. A avaliação será feita por meio da atribuição de pontos, que irão variar de acordo com o tempo de duração das operações. Desse modo, aquelas que não tiverem vivência, não pontuarão, tendo menos chance de vencer o certame.

O edital prevê ainda que a empresa apresente uma carta na qual a Associação Yanomami do Rio Cauaburis e Afluentes (Ayrca) a autorize a prestar o serviço turístico no local. As companhias que não encaminharem o documento serão desclassificadas. Esse critério se alinha com os cuidados tomados pelas instituições públicas envolvidas na reabertura do parque. Quando o Ministério Público Federal (MPF) e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) se posicionaram a favor da suspensão dos passeios, argumentaram que as agências de turismo ocasionavam danos ambientais, além de não instruir os visitantes sobre medidas de conservação. Por isso, informá-los sobre o assunto é uma das contrapartidas agora definidas pelo ICMBio.

Além disso, outro aspecto denunciado como parte do contexto da época era a reiterada violação aos direitos dos indígenas que vivem na região. Dessa vez, a proposta é de que os yanomami sejam os guias que conduzirão os turistas pelo parque. A forma como os trabalhos serão coordenados foi decidida coletivamente, por indígenas, pela Fundação Nacional do Índio (Funai), ICMBio e a Secretaria de Turismo do município de São Gabriel da Cachoeira (AM), sob consulta do Instituto Socioambiental (ISA). As diretivas constam do Plano de Visitação Yaripo.

A expectativa é de que mais de 2,9 mil indígenas de seis comunidades da região sejam beneficiados, conforme cálculos da Ayrca. A entidade foi quem apresentou a proposta do projeto ao governo federal, juntamente com a Associação de Mulheres Indígenas Kumirayoma (Amyk). É também a Ayrca que irá definir a destinação dos recursos obtidos com as visitações. Como destacou a Agência Brasil, em reportagem publicada em novembro do ano passado, tanto o ICMBio quanto a Ayrca percebem as atividades de etnoturismo e ecoturismo do parque como uma alternativa ao garimpo de ouro, que provoca graves efeitos, a exemplo da contaminação de rios por metais pesados, como mercúrio, e também o assoreamento (acúmulo de detritos).
POR AGÊNCIA BRASIL

Mourão reinaugura terça-feira base brasileira na Antártica

Novo centro de pesquisas vai contar com 17 laboratórios
Mauricio de Almeida - TV Brasil
O vice-presidente Hamilton Mourão embarca nesta segunda-feira (13) com destino à Antártica, onde será o principal representante do governo brasileiro na reinauguração da Estação Comandante Ferraz, base de pesquisa do país no continente.

O novo prédio, que fica na ilha Rei George, na Bahia do Almirantado, está sendo erguido ao lado da atual base, que tem estrutura provisória. A inauguração oficial será na terça-feira (14).

A Estação Comandante Ferraz foi criada em 1984, mas em 2012 sofreu um incêndio de grande proporções. Na ocasião, dois militares morreram e 70% das suas instalações foram perdidas. O governo federal investiu cerca de US$ 100 milhões na obra, e a unidade recebeu os equipamentos mais avançados do mundo. No local, pesquisadores vão realizar estudos nas áreas de biologia, oceanografia, glaciologia, meteorologia e antropologia.

"[A estação]  vai dar melhores condições de trabalho aos nossos pesquisadores, vai manter nossa presença no trabalho que está sendo feito pela comunidade científica internacional, de buscar respostas e avanços no conhecimento, na tecnologia, outras áreas que são pesquisadas lá. Ao mesmo tempo, permite que a Marinha faça um adestramento em termos de logística, em termos de deslocamento em águas, que não são tão tranquilas assim. Nós, do governo Bolsonaro, vemos com extrema satisfação este momento de reinaugurarmos a Estação Comandante Ferraz e darmos uma nova roupagem ao trabalho de pesquisa que está sendo realizado lá", afirmou o vice-presidente, em entrevista exclusiva à Empresa Brasil de Comunicação (EBC).
LEIA MAIS EM...

Veja o que esteve em alta no Google no Brasil em 2019

Divulgação internet
Copa América, tabela do Brasileirão, Gugu Liberato, vagas de emprego e Gabriel Diniz. O que os cinco temas tão diferentes tem em comum? Foram os principais assuntos buscados no Google no Brasil em 2019. A análise foi disponibilizada pelo Google Trends, a ferramenta do buscador que indica o que tem sido mais pesquisado pelos usuários de acordo com a localização em um determinado período.

Dentre as perguntas mais buscadas em 2019 em primeiro lugar ficou o WhatsApp, ou o motivo da rede de mensagens instantâneas ter parado de funcionar (Por que o WhatsApp parou de funcionar hoje?). A segunda pergunta foi um tanto curiosa “Por que são 21 tiros de canhão?”, que trata da homenagem que marca o início dos trabalhos do Legislativo. Na sequência, vieram as perguntas “Por que o Japão está na Copa América?” (a seleção asiática foi convidada pela federação sulamericana), um questionamento musical “Por que Carlinhos Brown saiu do The Voice?” (segundo a emissora em que o programa é exibido, a saída é normal e faz parte do “revezamento de técnicos”). Em último lugar, a pergunta foi de cunho religioso “Por que não comer carne na Sexta-Feira Santa?” (segundo a fé católica é um sacrifício que deve ser feito na quaresma).

Dentre os acontecimentos mais pesquisados no Brasil no último ano o futebol apareceu no topo com a Copa América em primeiro lugar seguida da Copa do Mundo de Futebol Feminino e Libertadores. Brumadinho ficou em quarto lugar e em quinto o Dia dos Professores. Para ver o que esteve em alta em 2019 no Brasil confira o link.
POR AGÊNCIA BRASIL

Terremoto que matou 300 mil no Haiti faz 10 anos

Tragédia agravou condições de miséria do país mais pobre das Américas
Ricardo Rojas/Reuters/Direitos reservados
O terremoto que devastou o Haiti e deixou cerca de 300 mil mortos e mais 300 mil feridos faz hoje (12) 10 anos. O terremoto agravou as condições de miséria do país mais pobre das Américas. Um 1,5 milhão de pessoas ficaram desabrigadas.

No dia 12 de janeiro de 2010, uma terça-feira, a cidade de Porto Príncipe, capital do Haiti, ficou coberta de poeira por causa de um terremoto, de magnitude 7 na escala Ritcher, cujo epicentro foi na península de Tiburon, a cerca de 25 quilômetros da cidade e profundidade de 10 quilômetros.

O terremoto é considerado o quinto mais grave da história mundial. Destruiu a maior parte da capital haitiana, incluindo o prédio da sede do governo (Palácio Presidencial), a sede do Banco Mundial e a catedral de Notre-Dame de Porto Príncipe.

A sede da missão da ONU de paz e estabilização no Haiti, a Minustah (sigla em francês de Mission des Nations Unies pour la Stabilisation en Haïti), também desabou e causou a morte de diversos funcionários das Nações Unidas, inclusive o chefe da missão, o diplomata tunisiano Hédi Annabi. Naquele momento, havia 1.200 soldados brasileiros atuando na missão.

A brasileira Zilda Arns, pediatra coordenadora da Pastoral da Criança, também morreu na ocasião, quando falava sobre o cuidado com a saúde infantil, por causa do desabamento da igreja onde fazia a palestra.

Após a tragédia, o país, passou por sucessivas crises, inclusive um surto de cólera dez meses após o tremor. Milhares de pessoas foram afetadas pela doença e mais de 9 mil morreram.

Atualmente, o Haiti tem 70% da população na miséria, com renda menor que US$ 2,4 por dia, e o país está em recessão.

*Com informações da TV Brasil e do Radiojornalismo da EBC
POR AGÊNCIA BRASIL

Veja as NOTÍCIAS que foram DESTAQUE NA SEMANA no Blog do Parceiro: 05/01/2020 a 11/01/2020

@
CONFIRA OS DESTAQUES DA SEMANA ANTERIOR:

Veja as NOTÍCIAS que foram DESTAQUE NA SEMANA no Blog do Parceiro: 29/12/19 a 04/01/2020


10º LUGAR:

Ministério da Saúde quer zerar fila de espera por cirurgias eletivas

Municípios terão R$ 250 milhões a mais para procedimentos
Elza Fiúza/Agência Brasil
O Ministério da Saúde reservou R$ 250 milhões a mais para aumentar o número de cirurgias eletivas a serem realizadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Os repasses começam a ser feitos já em janeiro para diminuir as filas para 53 tipos de procedimentos que incluem catarata, varizes, hérnia, vasectomia e laqueadura, além de cirurgia de astroplastia de quadril e joelho, entre outras com grande demanda.

Os procedimentos com maior demanda são os oftalmológicas, para tratamento de catarata e de suas consequências, e para tratamento de doenças da retina, seguida de cirurgia para correção de hérnias e retirada da vesícula biliar.
De acordo com o Ministério da Saúde a expectativa é zerar a fila de espera de pacientes que aguardam por esses procedimentos, que não têm caráter de urgência e são de média complexidade.
As cirurgias eletivas, fazem parte do atendimento diário oferecido à população em hospitais de todo o país. Dados registrados no sistema de informação do SUS mostram que ao longo de 2018 foram realizadas 2,4 milhões de cirurgias eletivas em todo país. Até outubro de 2019, foram 2 milhões de procedimentos realizados em todos os estados brasileiros.
Os gestores estaduais, municipais e do Distrito Federal, responsáveis pela organização e a definição dos critérios que garantam o acesso do paciente aos procedimentos cirúrgicos eletivos, podem se programar para utilização os recursos de acordo com as demandas da população de cada estado. Confira o valor do repasse por estado.
LEIA MAIS EM..

9º LUGAR:

Mulher troca 'nudes' por doações para combater incêndios na Austrália

© Reprodução / Instagram
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Uma mulher resolveu usar uma estratégia inusitada para ajudar a combater os incêndios na Austrália, que assolam o sudeste do país há quatro meses e já mataram centenas de milhares de animais.
A jovem que se autodenomina "Fiantropa Pelada" no Twitter anunciou na última sexta-feira (3) que está vendendo fotos suas em que aparece pelada, em troca de doações para ajudar na causa.
"Estou enviando nudes para todas as pessoas que doarem pelo menos US$ 10 a qualquer um desses fundos de arrecadação para os incêndios na Austrália. A cada $ 10 que você doa = uma foto nua de mim em sua caixa de mensagens. Você deve me enviar a confirmação de que doou", afirmou a mulher, cujo verdadeiro nome é Kaylen, no Twitter. O valor das fotos é o equivalente a R$ 40,80.
Dois dias depois de ter feito o anúncio, ela já havia recebido uma série de doações. "Eu tive um profissional revisando minhas estatísticas em minhas mensagens no Twitter e eles estimaram que, até o momento, foram levantados US$ 300 mil [R$ 1,2 milhão] pelos incêndios na Austrália. Embora eu esteja impossibilitada de continuar respondendo às mensagens, elas ainda estão chegando como loucas. Obrigado a todos vocês".
LEIA MAIS EM...

8º LUGAR:

Brasil registra segundo maior número de mortes por dengue em 21 anos

Até o dia 7 de dezembro, já haviam sido confirmadas 754 mortes por dengue.
© Reuters
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Com novo avanço da dengue, o ano de 2019 registrou o segundo maior número de mortes pela doença desde 1998, ano de início da série histórica. Dados do Ministério da Saúde apontam que, até o dia 7 de dezembro, já haviam sido confirmadas 754 mortes por dengue.
Na prática, o total fica abaixo apenas do registrado em 2015, quando houve uma das piores epidemias da doença, com 986 mortes.
O número, porém, ainda pode crescer, já que o balanço não contabiliza o ano fechado. Até o dia 7, também havia 221 mortes suspeitas pela doença ainda em investigação.
Os dados retratam o impacto do novo avanço da dengue ocorrido em 2019, após dois anos com baixo número de registros.
Ao todo, de janeiro até o início de dezembro, o ministério contabilizava 1.527.119 casos prováveis da doença. 
É o segundo maior número desde que esses registros passaram a ser contabilizados, em 1990. A comparação do total de casos foi noticiada pelo jornal O Globo.

7º LUGAR:

Bombeiros dão dicas de como se prevenir de raios durante tempestade

@
A Enel Distribuição Ceará registrou, por meio do Sistema de Monitoramento e Alerta, 5.601 raios, somente do dia 1º de janeiro até a última quarta-feira (8), em todo o estado. Cerca de 60% foram registrados somente neste meio de semana.
Alguns pensam que um raio não cai duas vezes no mesmo lugar. Outros dizem que a melhor maneira de se proteger de uma descarga elétrica é permanecer dentro de um automóvel. Para esclarecer a forma mais segura de se proteger, o Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE) sugere orientações imprescindíveis de como reagir diante dessa situação.

Segundo o capitão Aluízio Souza Freitas, responsável pelo setor de Preparação para Desastres, da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil/CBMCE, a orientação é de que ao perceber as nuvens carregadas, é recomendado que tenha cuidado em áreas abertas. “A dica é abrigar-se em um ambiente fechado, tais como casas, comércios, industrias, veículos ou instalação subterrânea, como metrô. Se estiver dentro do veículo, orientamos que não saia e feche os vidros, não encoste em partes metálicas. Outra dica é que evite lugares abertos como estacionamentos, praias e campos de futebol. Caso não haja nenhum abrigo por perto, fique agachado, com os pés juntos, até a tempestade passar e não deite no chão. Se estiver na praia, rio, lago ou piscina orientamos que retire-se imediatamente da água. Também é importante manter a distância de lugares ou objetos altos, como árvores, postes, quiosques, caixa d’água, torres, antenas e de objetos metálicos grandes e expostos, como tratores, escadas e cercas de alarme ou cercas em sítios e fazendas”, comentou o bombeiro.
A recomendação é não soltar pipas e não carregar objetos, como canos e varas de pesca, além de evitar andar de bicicleta, carro sem capota (conversível), motocicleta ou cavalo. Os raios são muito perigosos, podem causar lesões e até serem fatais.
Embora as chances de atingir uma pessoa sejam pequenas, é importante sempre estar atento. Nem sempre as mortes e ferimentos estão associados à descarga de um raio diretamente em uma pessoa, esses danos podem ser causados por efeitos indiretos, como a queda de um raio próximo ao local onde a vítima esteja.
“Caso a vítima esteja desacordada, orientamos que seja iniciado uma massagem cardiorrespiratória e ligue em algum desses números 190, 193 ou 192”, orientou o capitão.

Raios e tempestades, como se proteger
Em uma tempestade de raios existe uma intensa atividade elétrica no interior das nuvens, com grande desenvolvimento vertical. No Ceará, esses eventos adversos são mais comuns nos meses de maior concentração de chuvas, de dezembro a maio.

Se estiver na rua, o que fazer?
– Evite lugares que ofereçam pouca ou nenhuma proteção contra raios, tais como pequenas construções não protegidas, tendas e barracos;
– Evite estruturas altas tais como torres de linhas telefônicas e de energia elétrica.
– Evite utilizar veículos automotores sem capota, motocicletas e bicicletas;
– Evite ficar próximo a postes e outras estruturas altas, bem como da fiação elétrica e telefônica;
– Não se aproxime de cercas de arame, varais metálicos, linhas férreas e outras estruturas metálicas;
– Não permaneça em áreas abertas como campos de futebol, praias, quadras esportivas e estacionamentos;
– Não fique no alto de morros ou no topo de prédios;
– Não se abrigue em árvores ou debaixo delas.

Qual o perigo de permanecer dentro de veículos?
– Evite veículos sem capota como tratores, motocicletas ou bicicletas;
– Evite estacionar próximo a árvores ou linhas de energia elétrica;
– Antes de saltar do veículo verifique se há algum cabo ou fio elétrico, solto, próximo ao veículo;
– Evite o contato com qualquer objeto metálico próximo ao veículo.

Estando dentro de casa, existe algum risco?
– Evite utilizar equipamentos e eletrodomésticos que estejam ligados à rede elétrica, como o celular carregando, por exemplo;
– Evite utilizar o telefone com fio (o sem fio pode ser utilizado);
– Não fique próximo a tomadas, canos, janelas e portas metálicas;
– Acione imediatamente o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU (fone 192), caso alguém seja atingido por um raio.

Alguns lugares são extremamente perigosos durante uma tempestade. Quais devem ser evitados?
– NÃO permaneça em áreas abertas como campos de futebol, quadras de tênis e estacionamentos;
– NÃO fique no alto de morros ou no topo de prédios;
– NÃO se aproxime de cercas de arame, varais metálicos, linhas aéreas e trilhos;
– NUNCA se abrigue debaixo de árvores isoladas.
POR GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ


ACESSE:
GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ NO FACEBOOK

6º LUGAR:

Preço da carne vai recuar em 2020, mas será maior do que o registrado até setembro, dizem frigoríficos

Associação diz que haverá um "ponto de equilíbrio" no valor da carne bovina a partir do ano que vem, com apetite chinês estabilizado, mas ainda em um patamar elevado.
Preço da carne bovina registra alta e inibe consumidores
 — Foto: Reprodução/EPTV
A associação que representa os frigoríficos exportadores de carne bovina (Abiec) disse nesta terça-feira (9) que os preços da proteína no mercado brasileiro em 2020 devem diminuir em relação a outubro e novembro, mas seguirá mais cara em relação aos meses entre janeiro e setembro.
“Eu acho que (na média) nós não vamos retroagir nos preços da arroba e nem no preço de carne. Não vai ficar nos patamares do momento de oscilação maior (outubro e novembro), mas não vai voltar aos preços ortodoxos de antes. Vai encontrar um ponto de equilíbrio”, disse o presidente da Abiec, Antônio Camardelli, durante coletiva em São Paulo.
A associação afirma que, para 2019, 25% da produção brasileira de carne bovina será vendida ao exterior, uma situação inédita no setor. A média histórica está entre 20% e 22%. Com o resultado, 75% do que foi produzido ficou no mercado interno.

Exportações recordes
Segundo a associação, as exportações serão recordes em 2019. Com dados preliminares para dezembro, a venda de carne de boi para o exterior deve chegar a 1,82 milhão de toneladas, alta de 11,7% em relação a 2018. Em receita, o valor alcança US$ 7,45 bilhões (+13,3%).
LEIA MAIS EM...

5º LUGAR:

Filmes de Ação 2020 ☆☆☆INOCENTE☆☆☆ Filmaço de Ação 2020 Dublado Completo em HD


FONTE DO VÍDEO:
#Filmaço2020 #filmes2020 #Inocente
Os eventos do filme acontecem em 1988 na ilha de Grand Isle. O pai solteiro Buddy forçado a empreender qualquer trabalho para fornecer família tudo o que necessário. Certa vez, um vizinho pede que ele conserte a cerca, para a qual o herói dá seu consentimento com prazer. Apesar do furacão que se aproxima, ele começa a trabalhar. A esposa do vizinho, nem um pouco envergonhada pelo marido, flerta francamente com um funcionário. Logo começa a chover, o que viola os planos de Buddy. Ele concorda em entrar em casa para beber um copo de álcool. Na manhã seguinte, a polícia parou o carro. Eles descobrem o cadáver de uma criança no carro do herói. Buddy não sabe como ele foi parar lá e quem cometeu o assassinato. Agora ele tem que se lembrar dos acontecimentos da noite infeliz e provar sua inocência.
VEJA MAIS EM...

4º LUGAR:

Conheça cinco benefícios do vinho para a saúde

Há vários séculos que o vinho é ingerido pelo ser humano para tratar diversos problemas de saúde (e certamente também pelo seu sabor!)
@
Vários povos da antiguidade elegeram o vinho como o verdadeiro elixir de excelência. Segundo a revista Women’s Health, egípcios, romanos, gregos e cristãos já consumiam vinho com o intuito de tratar e atenuar inúmeras condições de saúde.
Atualmente, multiplicam-se os estudos que exaltam os benefícios da bebida quando ingerida com moderação. Defendendo que a bebida pode prevenir doenças cardíacas, diversos tipos de câncer e até ajudar emagrecer.

Veja, segundo a Women’s Health, sete efeitos positivos do vinho no organismo:

Faz bem ao coração
Organizações como a American Heart Association e a European Society of Cardiology afirmam que o vinho pode ajudar a proteger contra o aparecimento de doenças cardíacas. “Os polifenóis aumentam os níveis de colesterol HDL (o bom) e diminuem o LDL (o mau), além de dificultarem a formação de coágulos, responsáveis pela incidência de ataques cardíacos e AVCs”, afirma à revista o cardiologista Jairo Monson de Souza Filho, autor do livro ‘Vinho é Saúde! – 50 respostas para entender por que a bebida de Baco pode fazer bem’. Os polifenóis fortalecem as paredes das artérias, o que reduz a pressão arterial e a gordura nos vasos sanguíneos.

Rejuvenesce o cérebro

Uma pesquisa realizada na Universidade de Reading, no Reino Unido, sugere que três copos de vinho por semana melhoram a memória, e outro estudo, da Università di Milano, em Itália, constatou que o hábito ativa uma enzima que protege os neurônios e desenvolve as sinapses no hipocampo. O que significa que a bebida pode diminuir a progressão de doenças neurológicas degenerativas, como demência e Alzheimer.

Previne vários tipos de câncer

Diversos estudos detectaram correlações entre o consumo moderado de vinho e a prevenção do câncer do pulmão, bexiga, próstata, ovários, garganta entre outros. “As células tumorais formam-se devido a uma desorganização interna que descontrola a sua multiplicação genética”, explica a biomédica Caroline Dani, também à Women’s Health. “Ao que tudo indica, os compostos fenólicos conseguem restabelecer a ação dos genes supressores de tumores, controlando a proliferação dessas células”.
LEIA MAIS EM...

3º LUGAR:

Apendicite: diagnóstico precoce evita o agravamento da saúde

@
Dores ao redor do umbigo, enjoo, falta de apetite, febre e anormalidade no funcionamento do aparelho digestivo, podem ser os sintomas da apendicite. A inflamação atinge o apêndice, um órgão que fica localizado no lado direito do intestino grosso e que muitas vezes é dito como vestigial, ou seja, que não tem uma função específica.
Na maioria dos casos, a apendicite é provocada pela obstrução do canal que liga o apêndice ao intestino grosso. Não existe uma causa única para isso acontecer, pode ser por fragmentos de fezes que impacta no aumento da pressão ou ainda quando o tecido linfoide aumenta, causando uma obstrução no órgão.
Não há nenhuma comprovação da prevenção da apendicite por isso é importante estar atento aos sinais, ressalta Fernando Mello, cirurgião do aparelho digestivo e profissional do Hospital Universitário Lauro Wanderley em João Pessoa. ‘’Não existe nenhuma mudança alimentar ou de hábito de vida que possa prevenir um episódio de apendicite”, explica o médico.
A apendicite precisa ser diagnosticada o mais rápido possível. Isso porque, ela se desenvolve rapidamente e, se houver demora no diagnóstico, há um grande risco de a infecção se espalhar pela corrente sanguínea, causando uma infecção generalizada. O tratamento pode ser feito com cirurgia, com a remoção do apêndice, ou com uso de antibiótico. Foi o que aconteceu com a enfermeira, Tainara de 23 anos que conta que começou a sentir uma leve dor do lado direito da barriga. ''No começo eu achava que não era nada demais, fiquei por dias sentindo dores abdominais achando que era normal, quando me vi, já estava com infecção generalizada, fiquei internada por 8 dias com dreno para drenar todo liquido inflamado, tomando antibiótico e passei por cirurgia'‘, relata.
Se a cirurgia não for realizada em tempo hábil, a apendicite pode pôr em risco a vida do paciente. “Qualquer pessoa que chegue a unidade de saúde com esses sintomas, a gente deve rapidamente pensar em apendicite e investigar”, alerta o cirurgião do Hospital Universitário Lauro Wanderley em João Pessoa.
Por Gabriela Sampaio, para Blog da Saúde 

2º LUGAR:

PEGADINHAS DIVERTIDAS QUE SEUS AMIGOS VÃO AMAR

28 PEGADINHAS LEGAIS E TRUQUES DIVERTIDOS
@REPRODUÇÃO / YOUTUBE
Você não sabe como entreter seus amigos em uma festa? Estamos prontos para ajudar e preparamos uma incrível coleção de brincadeiras e desafios para você experimentar! Você vai se divertir muito!
Brincadeiras com coisas comestíveis são uma das mais legais de todos os tempos! Mas lembre-se de que todos os alimentos devem ser seguros para todos os participantes.

Você pode brincar com seus amigos dando a eles algumas minhocas comestíveis (inclusive te mostramos aqui como fazê-las). Siga estas etapas: misture leite, cacau em pó, gelatina e leve tudo ao microondas. Encha o copo com canudos, certificando-se de que a parte flexível do canudo esteja mais próxima do fundo. Mais uma ideia divertida é substituir seu protetor labial por chocolate branco. A próxima brincadeira é muito engraçada! Coloque filme plástico sobre o batente da porta e seu amigo será empurrado para trás enquanto tentar atravessá-la. A melhor coisa é que é hilário, mas ainda assim é uma brincadeira inofensiva. Pregue peças em seus amigos com um café da manhã congelado. Você precisará congelar uma tigela de cereal durante a noite. De manhã, sirva aos seus amigos e divirta-se! Além disso, você pode tentar diferentes desafios e será divertido para os participantes. Assista a este vídeo e você encontrará desafios interessantes como por exemplo o desafio do limão, da maquiagem, a roleta de ovos, desafio dos marshmallows e muito mais! Você já se perguntou o que aconteceria se aplicasse 100 camadas de esmalte nas unhas? Assista a este vídeo e você verá como é ter uma verdadeira 'montanha' de esmaltes sobre os dedos.
CONFIRA O VÍDEO MINUTAGENS: 00:36 Brincadeira de café da manhã congelada 01:55 Partida de plástico 04:12 Desafios engraçados 05:58 Desafio do limão 09:23 Mentos e experimento de coca-cola

DESTAQUE CAMPEÃO:

Guarda Civil Municipal de Aracoiaba realizou mais uma ação social em comemoração ao dia das crianças


FONTE DO VÍDEO: 
Durante a manhã de sábado, dia 12 de outubro, a Guarda Civil Municipal de Aracoiaba realizou mais uma ação social em comemoração ao dia das crianças distribuindo presentes (roupas, calçados e brinquedos) para crianças na zona rural deste município.
Durante a ação foram feitos cortes de cabelos oferecidos pelo excelente profissional e amigo Juciê cabeleireiro que se doou ao projeto junto a nossa instituição.
Agradecemos ainda a presença e apoio dos amigos bombeiros civis a qual contribuíram junto ao evento e que vem a cada dia ganhando seu espaço mostrando seu valoroso trabalho. 
Desde já agradecemos a todos os nossos patrocinadores pela colaboração e pela confiança em nos ajudar nesse projeto, obrigado a todos que de alguma forma contribuíram para a realização de mais um ano da campanha AZUL MARINHO!
O sorriso de uma criança sempre será nossa esperança e nossa força para continuarmos levando um pouco de alegria e esperança até elas, não há dinheiro que pague a gratidão e o obrigado estampado no sorriso de quem precisa de muito pouco para ser feliz!

VEJA O TRABALHO REALIZADO PELA: Guarda Municipal de Aracoiaba no Facebook:

https://www.facebook.com/guardamunicipal.aracoiaba.9/
ACESSE:

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
AVISO IMPORTANTE!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: josenidelima@gmail.com FAVOR INFORMAR O LINK