PROCURANDO POR ALGO?

sexta-feira, 28 de setembro de 2018

Conheça a história do café em Maciço de Baturité, na região serrana do Ceará

Roteiro por 13 municípios leva visitante a conhecer antigas fazendas que cultivavam o grão; primeiras mudas foram plantadas no século XIX
Conheça a história do café em Maciço de Baturité,
na região serrana do Ceará | JORNAL O TEMPO
Publicado por MARCELOBALBIO
AGÊNCIAOGLOBO
POR O TEMPO
Pouco mais de 100 km separam Fortaleza do Maciço de Baturité, que abriga a mais extensa Área de Proteção Ambiental (APA) do Estado do Ceará, com 32.690 hectares. Ali, a produção de café remonta a 1820, quando as primeiras mudas foram plantadas pelas mãos do fazendeiro Manoel Felipe Castelo Branco. O produto se adaptou bem ao solo por causa da altitude e do clima mais ameno – as cidades localizadas no alto da serra se encontram entre 800 m e 900 m acima do nível do mar; o ponto mais alto, o pico Alto, em Guaramiranga, chega a 1.100 m. De dia, a temperatura atinge os 22°C, 23°C. À noite, pode chegar a 16 °C. Ou seja, leve casaco!

Dos 13 municípios localizados no entorno da cadeia montanhosa, quatro fazem parte da Rota Verde do Café: Guaramiranga, Mulungu, Pacoti e Baturité. Desde que o Sebrae-CE iniciou um projeto na região, algumas das antigas fazendas abrem suas portas para os turistas. Uma delas é o Sítio Águas Finas, em Guaramiranga, de propriedade de Francisco Uchôa, coronel aposentado do Exército. Com um boné na cabeça, que não tira por nada (“É para não mostrar a careca”, diz), ele recepciona os turistas e os conduz por uma trilha de 21 hectares, sete dos quais ocupados pela plantação de café (cerca de 7.000 pés). O passeio dura cerca de duas horas.

Com Informações no Facebook do Grupo: 

Ceará em História e Memória


LEIA MAIS EM...

Ouvindo Jorge Romano Acústico no Blog do Parceiro. Saiba Mais...

...
Clique no vídeo acima e comece a ouvir:
Incluindo a música Coração Blindado (autores: Gonzaga neto & Jorge Romano).... Matuto do Mazagão... Sou Vaqueiro e Empresário... Ponto Final.. Meiga Senhorita... Poeta Inspirado em Deus... Ponto G... Tocando em frente entre outras músicas de repertório ao vivo

Confira os Vídeos no Youtube de Jorge Romano:
Jorge Romano Byzone Jorge 

QUER CONHECER JORGE ROMANO, "O MATUTO DO MAZAGÃO" ?? 

Basta clicar aqui


Jorge Romano/Instagram
Jorge Romano : 
MATUTO DO MAZAGÃO ...esse é meu hino... minha história.... minha paixão
Mazagão é um povoado onde nasci pela as mãos da parteira....onde cresci junto com 5 irmãos...de família muito humilde mas muito trabalhadora e honestos... Hoje sou triste porque derrubaram a casinha de taipa onde nasci 🎹😎😘


Quem poder tirar um minuto e curtir minha nova página eu agradeço.... é só clicar no link e curtir... 
Jorge Romano cantor e compositor

Essa faz lembrar meu velho pai..... Jorge Romano Seresteiro , Jorge Romano canta samba de gafieira ao vivo no Eusébio CE

Confira o hino das vaquejadas música de Jorge Romano & Luiz Gonzaga Neto Gonzaganeto : 

SOU VAQUEIRO E EMPRESARIO clip oficial e GEAN MOTA


Jorge Romano ao lado de Vicente Nery
Será que VICENTE NERY vai gravar música de Jorge Romano ???????? Aguardem

Baixe o CD no link abaixo:
https://www.suamusica.com.br/josenidelima/ouvindo-jorge-romano-acustico
Ou clique aqui

LEIA TAMBÉM: Jorge Romano canta Ave Maria Sertaneja (cover) - Publicado em segunda-feira, 1 de outubro de 2018

VídeoVeinho testado acunha no forró 

Veja as NOTÍCIAS que foram DESTAQUE NA SEMANA no Blog do Parceiro

30/09/18 a 06/10/18


Agradecimento de Jorge Romano aos seus fãs e leitores do Blog do Parceiro.


Afinal, Instagram avisa ou não quando você tira 'print' de Stories?

© Reuters / Dado Ruvic
Recurso ficou conhecido pelo rival Snapchat
Usuários do Instagram costumam ficar em dúvida se o aplicativo avisa, ou não, quando é tirado um print de determinado Stories. Mas afinal, este recurso é mito ou verdade?

O recurso de "dedurar" os prints, tal como faz o rival Snapchat, já fez parte do Instagram de forma pacial. É verdade que a rede social tentou, de fato, implementar o recurso e fez testes com alguns usuários durante cerca de seis meses. Mas esta ideia não durou muito...

De acordo com o Techtudo, o Instagram anunciou em junho deste ano que o período de experimentações havia finalizado e que nenhum usuário seria notificado caso alguém tirasse prints dos conteúdos postados no Stories.

Com Informações de Notícias ao Minuto

Facebook diz que problema de segurança afetou 50 milhões de contas

© iStock

Falha teria ocorrido na tarde de terça-feira (25)

Facebook informou, nesta sexta-feira (28), que um problema de segurança afetou quase 50 milhões de contas na rede social. A falha teria ocorrido na tarde de terça-feira (25).

"Estamos levando isso incrivelmente a sério e quisemos informar a todos o que ocorreu e as ações imediatas que tomamos para proteger a segurança das pessoas", informou a empresa.

A investigação ainda está em fase inicial, mas já está claro que os ataques exploraram uma vulnerabilidade no código do Facebook ligada ao recurso de "Veja como" -no qual usuários conseguem ver como outras pessoas, que não são suas amigas na rede, enxergam seu perfil.

Os hackers conseguiram, por meio desse código, roubar tokens de acesso às contas. Os tokens de acesso são como chaves digitais que mantém as pessoas logadas à rede para que não tenham que preencher seu usuário e senha sempre que acessem suas contas. Com informações da Folhapress.


Mais de 28 mil militares devem atuar nas eleições 2018



Haverá apoio logístico em 598 localidades de 13 estados
O Ministério da Defesa confirmou que até o momento o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou o envio de militares das Forças Armadas para assegurar a Garantia da Votação e Apuração (GVA) e o apoio logístico em 598 localidades de 13 estados. Mais de 28 mil militares devem atuar nas eleições 2018.

Para as atividades relativas à votação e apuração serão atendidos os seguintes estados: Acre, 11 localidades; Maranhão, 72; Piauí, 122; Rio de Janeiro, 69; Amazonas, 26; Mato Grosso, 19; Mato Grosso do Sul, 4; Pará, 60; Rio Grande do Norte, 97; Tocantins, 12 e Ceará, 5.

O auxílio das Forças Armadas no apoio logístico é feito para o transporte de pessoal da Justiça Eleitoral e de urnas. Os militares desempenham essa tarefa acompanhados de pessoal da Justiça Eleitoral.

No total, ocorrerá em 101 localidades de cinco estados. No Acre, serão atendidas 41 localidades; no Amazonas, 25; no Amapá, 5; em Mato Grosso do Sul, 4 e em Roraima, 26.

Pedidos

As solicitações de apoio das Forças Armadas, quer seja para Garantia da Votação e Apuração (GVA) ou no transporte de pessoal e urnas, são formuladas pelos Tribunais Regionais Eleitorais ao TSE.

A GVA é uma atividade militar semelhante às missões de Garantia da Lei e da Ordem (GLO). No entanto, a GVA é utilizada especificamente para manter a normalidade da segurança pública nos locais de votação e apuração, durante o pleito eleitoral, nas localidades onde o TSE requisitar.
Após a análise e deliberação do TSE, as demandas são repassadas ao Ministério da Defesa, órgão responsável pelo planejamento e execução das ações empreendidas pelas Forças Armadas. 

Alunos da rede pública receberão livros literários a partir de 2019



Antes, as obras eram destinadas apenas para bibliotecas e sala de aula

Estudantes da rede pública receberão livros de literatura em 2019, além do material didático, de acordo com o novo formato do Programa Nacional do Livro e do Material Didático Literário (PNLD). A escolha das obras pelas escolas credenciadas teve início no último dia 25 e irá até o dia 8 de outubro.

De acordo com o Ministério da Educação, a escolha será feita pelas escolas, a partir de uma lista, e levará em conta a opinião dos professores e diretores de escola. No catálogo para o ensino médio, estão livros como a biografia da paquistanesa Malala - a mais jovem a receber um Prêmio Nobel da Paz; o clássico de ficção Admirável Mundo Novo, de Aldous Juxley; e poemas de Cecília Meireles.

Até este ano, o programa destinava as obras literárias apenas para as bibliotecas e para serem usadas em salas de aula. A previsão é que os estudantes recebam os dois livros literários.
Para a assessora de projetos da Campanha Nacional pelo Direito à Educação, Andressa Pellanda, é importante o aspecto individual da leitura, mas o papel didático da biblioteca não se deve ser esquecido. Ela defende que a escolha dos livros deve ser a mais democrática possível, envolvendo não só os professores, como prevê o programa, e que os alunos também sejam consultados.
“Sempre falamos da necessidade sobre o processo de gestão democrática dentro da escola. Então, a escolha dos livros didáticos também tem que passar por isso, existe todo um trabalho que é feito e pensado para que as escolas possam ter de fato gestão democrática”, disse. “Se os professores, os diretores, os coordenadores pedagógicos puderem discutir com os estudantes a escolha dos livros de literatura e também os livros didáticos, isso sempre é muito mais frutífero porque uma gestão democrática gera apropriação de cultura, então gera educação e aprendizado”, acrescentou.

Lewandowski autoriza Lula a conceder entrevistas a jornalistas



Decisão do ministro foi proferida após reclamação ao STF feita pelos jornalistas Mônica Bergamo e Florestan Fernandes
O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou nesta sexta-feira (28) o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a conceder entrevistas da carceragem da Polícia Federal (PF) em Curitiba, onde ele se encontra preso desde 7 de abril.  

A decisão do ministro foi proferida após reclamação ao STF feita pela jornalista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, e pelo jornalista Florestan Fernandes. Eles atacaram decisão da juíza Carolina Moura Lebbos, da 12ª Vara Federal de Curitiba, que em agosto havia negado o acesso da imprensa a Lula.

Lewandowski acolheu os argumentos dos reclamantes e entendeu que a decisão da juíza seria uma censura prévia ao trabalho da imprensa, o que viola decisão do próprio Supremo, que na ação de descumprimento de preceito fundamental (ADPF) 130 vetou qualquer tipo de censura prévia.  
LEIA MAIS EM...

SwiftKey agora pode traduzir conversas no WhatsApp e outros apps no Android

(Foto: Reprodução)

POR OLHAR DIGITAL
Microsoft liberou uma nova atualização para o SwiftKey no Android nesta quinta-feira, 27. A partir de agora, o teclado por fazer traduções em tempo real para o usuário e inseri-las automaticamente na conversa. O recurso funciona ainda para a mensagem que é enviada pelo contato no WhatsApp ou outro programa.
Inicialmente presente na versão beta, a função de tradução agora está disponível para todos os usuários do SwiftKey. De acordo com a publicação do MSPoweruser, o recurso funciona com mais de 60 idiomas, incluindo o português do Brasil. Caso o usuário tenha o Microsoft Translator instalado, o recurso pode funcionar até mesmo sem conexão com a internet.
Para usar, basta tocar sobre o botão de “+” e procurar pelo símbolo de tradução. Feito isso, é só digitar no campo de tradução e a mensagem será automaticamente digitada no idioma escolhido na caixa de conversa. Para traduzir as mensagens do seu contato, é só clicar sobre ela e copiar para que o SwiftKey se encarregue de todo o resto.

20 anos do Google relembre a evolução do buscador

..
POR Olhar Digital

Desafio para você: tente imaginar o mundo de hoje sem o Google. Pois o que parece quase impossível só se tornou realidade há vinte anos. Neste mês de setembro, o gigante das buscas comemora 20 anos desde que sua página foi publicada. Nós fomos remexer nos arquivos da Web para dar uma olhada em como eram as coisas naquela época. Neste site aqui, o Web Archive, é possível fazer uma pequena viagem no tempo. Lá em setembro de 1998, o Google tinha essa cara. Repare na URL: GOOGLE.STANFORD.EDU. Isso mesmo: Larry Page e Sergei Brin criaram o Google como um sub-domínio da universidade de Stanford, onde os dois estudavam. Nesta primeira página, havia uma busca dedicada aos usuários de Linux e uma newsletter para receber novidades – mensalmente... Aliás, não custa lembrar que o Google tinha vários competidores na época – os mais velhos talvez se lembrem do Altavista, por exemplo. Ou do Lycos. E, é claro do Yahoo! A verdade é que havia uma profusão de buscadores no mundo de então... O primeiro Doodle também é de 1998. Ele faz referência ao festival Burning Man, nos Estados Unidos – que é um festival de música no deserto, realizado até hoje. Mas, a ideia de Sergei Brin e Larry Page não era apenas fazer uma homenagem ao evento: eles queriam informar aos usuários que os dois estariam se divertindo no deserto e não poderiam responder caso o site caísse...

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK