PROCURANDO POR ALGO?

sábado, 21 de julho de 2018

Dicas e Receitas Para Acabar Com a Cólica

Entenda um pouco mais sobre as cólicas menstrual e intestinal. Veja também dicas e receitas de chás para aliviar o problema através de chás erva doce, alecrim, camomila e losna. 
Algumas mulheres chegam a desmaiar por causa
 das cólicas fortes
A palavra cólica é usada para problemas diversos. Trata-se, em termos gerais, de uma dor causada pela contração da musculatura de órgãos lisos e ocos, como o estômago, o intestino e o útero. De acordo com a Wikipedia:

A cólica (do grego κολικός, kolikós, relativo a cólon ) é uma dor que ocorre em órgãos ocos, especialmente estômago, intestino e útero. Caracteriza-se por ciclos de dor intensa, com aumento gradual da intensidade até um pico e depois melhora lentamente. As causas mais comuns de cólicas são a síndrome do intestino irritável e as cólicas menstruais.

Nas mulheres, o período menstrual é muitas vezes acompanhada de cólicas causadas pela contração uterina. O problema também ocorre em bebês, crianças e adultos de todas as idades, mas nesse caso a dor vem do intestino. Hoje vamos aprender um pouco mais sobre as cólicas e como tratá-las de modo natural.

LEIA TAMBÉM: Qual É o Melhor Remédio Natural Para Cólicas?

Tipos de Cólica

Cólica Menstrual

Estima-se que 50% das mulheres entre 13 e 25 anos já tiveram cólicas durante o período menstrual ou antes de menstruar. Dependendo da intensidade da dor, a mulher pode sofrer com as contrações, sentir enjoos e até mesmo desmaiar. Todos esses sintomas parecem estar ligados à liberação de uma substância chamada prostaglandina.

No período da menstruação, o organismo feminino libera grandes quantidade dessa substância juntamente com o sangue. A presença da prostaglandina faz com que o útero se contraia com grande intensidade, o que causa a dor.

Em mulheres mais jovens, sobretudo adolescentes, o útero costuma ser menor, o que dificulta a eliminação da prostaglandina. Por isso, elas são as principais vítimas da dores, que tendem a melhorar com o passar dos anos.

Cólica Intestinal

A cólica intestinal também é causada pela contração muscular, mas do intestino. Alguns fatores podem contribuir para a dor, como a formação de gases, má alimentação e infecções na região. Nos bebês, a cólica é mais comum porque o intestino ainda está “aprendendo” a eliminar devidamente os gases e processas certos tipos de alimento. Com o passar dos anos, no entanto, é comum que esse problema desapareça naturalmente, a não ser que haja algum problema.

A síndrome do intestino irritável é uma das causas da cólica intestinal. Quando as queixas de dor são constantes, é fundamental que se procure um médico para que seja feito o diagnóstico da doença. Em casos esporádicos, a dor geralmente é causada por alimentos que “não caíram bem”, mas sem grandes prejuízos.

É Normal Sentir Cólica?

Não. Sentir dor é sempre uma reação do organismo que indica que algo não está correto. Como mencionamos acima, as causas podem ser mais ou menos simples, mas isso não significa que você deva ignorar a dor que está sentindo.

Com relação às cólicas, alguns sinais devem atentamente observados, como mudanças no fluxo menstrual, intensidade da dor, frequência com que o problema acontece ou alterações no funcionamento do intestino. Somente um especialista pode definir as causas do problema e oferecer o melhor tratamento.

Chás, massagens e outras medidas podem ajudar no controle da dor, mas não substituem a consulta com um médico. Abaixo, vamos ensinar algumas dicas e receitas que auxiliam no tratamento indicado pelo profissional.

Dicas Para Aliviar a Dor

Se você está sentindo dores na região abdominal, vale a pena tentar algumas das dicas abaixo:
LEIA MAIS EM...

Nenhum comentário:

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK