PROCURANDO POR ALGO?

quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Foster descarta alta da gasolina

NO CURTO PRAZO

Foster descarta alta da gasolina

19.09.2013

Brasília. O aumento de preços de combustíveis no curto prazo foi descartado pela presidente da Petrobras, Graças Foster. Em audiência no Senado ela explicou que o tempo todo analisa o caixa da companhia. E, ao mesmo tempo está olhando a cotação do petróleo no mercado internacional e o cambio, que esse é um trabalho diário.

"Trabalhamos sistematicamente na busca da economicidade da companhia, que nos faça poder ser cada vez mais ativos no negócio. Agora repito o que disse ontem à Bolsa, não há, no curto prazo, previsão de aumento no preço dos combustíveis", garantiu ela.

Durante a audiência, Graça evitou a se pronunciar diretamente se o leilão do campo de petróleo da camada de pré-sal de Libra, marcado para o dia 21 de outubro, deveria ser adiado, após denúncias de espionagem pelos EUA à empresa. No entanto, deixou subentendido que era contrária a possibilidade, porque a companhia tem todos os conhecimentos para participar da licitação.

"Libra é desejo, decisão do governo que haja um leilão, a Petrobras não tem nenhum poder. Libra não é uma descoberta comum, não é qualquer coisa", disse a presidenta da empresa.

Graça disse ainda que a Petrobras não teria condições econômicas de participar sozinha no leilão, porque o bônus de assinatura de R$ 15 bilhões era muito alto para as condições econômicas e financeiras atuais da empresa. Sem querer também, em momento nenhum, dizer se a Petrobras vai participar do leilão, ela lembrou várias vezes durante a audiência pública na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Espionagem, do Senado realizada ontem, que foi a companhia que descobriu de Libra e fez a perfuração do campo.

Desconforto

Graça disse que não há, até o momento, qualquer registro ou evidência de que informações da empresa foram acessadas pela espionagem norte-americana, mas admitiu que a possibilidade de informações sigilosas da estatal terem sido acessadas causa ´no mínimo desconforto, porque não sabemos se vazou e o que vazou´. Ela mostrou confiança na segurança dos dados enviados à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), porque não são transmitidos pela internet. 

FONTE:
http://diariodonordeste.globo.com/materia.asp?codigo=1319255

Nenhum comentário:

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
Aviso Importante!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: joseni_delima@hotmail.com FAVOR INFORMAR O LINK