PROCURANDO POR ALGO?

segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Pirataria causa perda de R$ 800 mi

ONLINE

Pirataria causa perda de R$ 800 mi

05.01.2015

Somente no Natal, o comércio eletrônico de itens falsificados pode ter crescido entre 25% e 30%

NEG 4
Entre os setores mais denunciados por itens piratas na internet, está o de perfumaria
FOTO: WALESKA SANTIAGO
São Paulo. O Brasil perdeu ao menos R$ 800 milhões com a venda de produtos piratas pela internet em 2014. Os dados se referem ao período de janeiro ao início de dezembro, sem computar as vendas de Natal. Na melhor época do ano para o comércio, estima-se que tenha havido uma expansão de 25% a 30% no comércio eletrônico de itens falsificados ou contrabandeados, em relação ao Natal de 2013.
Os dados são do Fórum Nacional de Combate à Pirataria (FNCP), que recentemente lançou o “piratômetro” (www.clickoriginal.org), um portal para empresas e consumidores denunciarem o comércio pela internet de produtos falsificados ou de origem suspeita - a maior parte vinda da China, com preços subfaturados. O fórum é integrado por 32 entidades.
O “piratômetro” foi desenvolvido em parceria com uma empresa que atua no setor de combate a fraudes bancárias e funciona com um sistema semelhante ao do impostômetro da Associação Comercial de São Paulo. O site publica, a partir de informações mapeadas em alguns segmentos, as perdas com a pirataria. Entre os setores campeões de denúncia no site estão perfumaria e cosméticos, brinquedos e medicamentos.
Varejo tradicional
No comércio tradicional (vendas de lojas físicas), a perda com o comércio ilegal de produtos deve chegar a R$ 30 bilhões em 2014, considerando 13 segmentos da indústria, afirma Edson Vismona, que preside o fórum.
“O Brasil é um mercado que desperta forte interesse, seja para quem quer vender produtos legais ou ilegais, e, no comércio online, o crescimento é vertiginoso. Os sites chineses estão aproveitando essa oportunidade e já alcançam a liderança no mercado brasileiro”, diz ele.
Segundo Vismona, a audiência desses sites cresceu 79% no País só no último ano. “O consumidor tem de ter atenção, desconfiar de preços fantásticos, daqueles que vendem sem nota fiscal”, afirma o executivo.
Valores
Levantamento do FNCP mostra, por exemplo, que amortecedores do Fiat Cinquecento são vendidos por US$ 2 a unidade, quando adquirido um pacote com 200 unidades no Alibaba. O site diz que o produto é “genuíno”.
O site AliExpress (Alibaba) informou, em nota, que é uma plataforma de e-commerce “neutra e transparente” e que incentiva os consumidores a dar sua opinião diretamente aos vendedores. “Qualquer um que identificar um produto falsificado ou de venda restrita ou proibida pode fazer uma denúncia à equipe do AliExpress por meio da opção ‘denunciar produto’ disponível nas páginas de produtos”, diz a nota enviada pelo site. 
FONTE:
http://diariodonordeste.verdesmares.com.br/cadernos/negocios/pirataria-causa-perda-de-r-800-mi-1.1164405

Nenhum comentário:

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
AVISO IMPORTANTE!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: josenidelima@gmail.com FAVOR INFORMAR O LINK