PROCURANDO POR ALGO?

quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Parte do 13º deve ser pago até dia 30

PELAS EMPRESAS

Parte do 13º deve ser pago até dia 30

21.11.2013

São Paulo/Fortaleza. As empresas têm até o fim da próxima semana para pagar aos seus funcionários a primeira parcela do décimo terceiro, já que o prazo termina no dia 30 deste mês. Em dezembro é a vez da segunda parcela cair na conta - o prazo termina dia 20. Até o fim deste ano, cerca de R$ 143 bilhões devem ser injetados na economia brasileira a título de 13º salário, de acordo com cálculos do Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos). Os valores devem ser pagos a 82 milhões de brasileiros, que, em média, receberão R$ 1.740 de gratificação.

No Ceará cerca de R$ 3,32 bilhões devem ser injetados na economia por conta do pagamento do 13º salário. A cifra representa um incremento de quase 9% (8,96%) na comparação com o montante que circulou no Estado, no ano passado, a título do benefício. Em 2013, 2,84 milhões de trabalhadores cearenses devem receber o salário extra, número 2,89% superior ao registrado em 2012.


Descontos na 2ª parcela
Como na primeira parcela não há nenhum tipo de desconto, o trabalhador irá receber 50% do seu salário atual -no caso de quem já começou o ano trabalhando na empresa. Já sobre a segunda parcela haverá os descontos do INSS e do Imposto de Renda. Para calcular o valor da última parcela, o trabalhador deve, primeiro, encontrar a parte devida à Previdência Social.

O desconto do INSS varia de 8% a 11% sobre o salário, até o máximo de R$ 457,49, de acordo com a faixa salarial. A tabela com as alíquotas pode ser encontrada no site da Previdência Social. Ao fazer o desconto do INSS, o trabalhador encontrará o valor a ser usado como base de cálculo para o Imposto de Renda. As alíquotas do IR, disponíveis no site da Receita Federal -junto com o valor da parcela a deduzir-, variam de 7,5% a 27,5%, dependendo da faixa salarial do trabalhador.

Neste ano, quem ganha até R$ 1.710,78 está isento. Com a alíquota do IR em mãos, o trabalhador deve aplicá-la na base de cálculo para o Imposto de Renda encontrada anteriormente e, na sequência, descontar do valor encontrado a parcela a deduzir. Finalmente, para chegar ao montante da 2ª parcela do 13º, basta descontar do salário bruto a primeira parcela recebida do 13º, o INSS e o IR encontrados. Para quem tem dependentes, existe um passo adicional: da base de cálculo para o IR, subtraia R$ 171,97 por dependente.

13º proporcional
Quem foi contratado ao longo do ano terá direito à gratificação, mas ela será proporcional ao período trabalhado. Para chegar ao valor da primeira parcela, o trabalhador deve dividir seu salário bruto por 12 e, depois, multiplicar o resultado encontrado pelo número de meses em que trabalhou até outubro.


FONTE: DIÁRIO DO NORDESTE

Nenhum comentário:

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
AVISO IMPORTANTE!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: josenidelima@gmail.com FAVOR INFORMAR O LINK