PROCURANDO POR ALGO?

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019

A pílula anticoncepcional modifica a forma do corpo?

Descubra! Após décadas de pesquisa, ainda não há evidências conclusivas de que engordar seja uma consequência real da pílula
© iStock (Foto ilustrativa)
Faz tempo que existem muitos mitos -e verdades- em relação a pílula anticoncepcional. Entre as dúvidas das mulheres é como ela pode influenciar no corpo. 

O aumento de peso é o efeito colateral mais relatado por quem toma a pílula combinada - o tipo mais comum, que contém estrogênio e progesterona sintéticos, como relata a BBC.

Mas após décadas de pesquisa, ainda não há evidências conclusivas de que essa seja uma consequência real.
A maior revisão acadêmica realizada até hoje, que examinou 49 estudos sobre a pílula combinada, constatou que "não há nenhum grande efeito evidente", mas adverte que ainda não foram conduzidas pesquisas suficientes para se ter certeza.

Outros estudos que analisaram pílulas só de progesterona encontraram, de maneira semelhante, poucas evidências sobre o controverso efeito.

Maria Gallo, endocrinologista da Universidade de Ohio, nos Estados Unidos, e coautora da revisão acadêmica, acredita que a crença de que a pílula engorda está relacionada a uma tendência natural do ser humano. As pessoas são especialistas em identificar padrões ao seu redor, mesmo onde eles não existem.

O fenômeno cognitivo, conhecido como apofenia, é a razão pela qual identificamos rostos, animais e outras formas curiosas nas nuvens, ou nos preocupamos com os números que foram sorteados em concursos passados da Mega-Sena.

Somos particularmente suscetíveis à apofenia se estivermos inclinados a ver um determinado resultado - como ganhar peso após começar a tomar um novo medicamento.

"É a mesma razão pela qual existe a ideia de que as vacinas podem fazer mal à saúde", explica Maria Gallo. "Se a oferecer a toda população, haverá pessoas que apresentam problemas de saúde, sejam ligados à vacina ou não."
No caso da pílula, a endocrinologista ressalta que as pessoas ganham em geral pouco mais de meio quilo por cada ano durante a maior parte das suas vidas, a contar a partir do início da idade adulta - o que, aliás, é quando a maioria das mulheres começa a usar métodos contraceptivos.
Aliás, a especialista alerta que em alguns casos pode ser de fato reconfortante apontar a pílula como ‘vilã’, em vez de admitir um eventual consumo excessivo de calorias. No ano passado, um estudo identificou a falsa percepção de ganho de peso em mulheres nas quais foi colocado o implante anticoncepcional.

Nenhum comentário:

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS

ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS
AVISO IMPORTANTE!! Reconhecimento: Alguns textos e imagens contidas aqui neste Site são retiradas da internet, se por acaso você se deparar com algo que seja de sua autoria e não tiver seus créditos, entre em contato para que eu possa imediatamente retirar ou dar os devidos créditos. E-mail: josenidelima@gmail.com FAVOR INFORMAR O LINK